Discografia de Little Mix

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis publicadas por terceiros (desde julho de 2016).
Por favor, melhore-o, incluindo referências mais apropriadas vindas de fontes fiáveis e independentes.
Fontes primárias, ou que possuem conflito de interesse geralmente não são suficientes para se escrever um artigo em uma enciclopédia.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Discografia de Little Mix
Álbuns de estúdio 5
Singles 19
Vídeos musicais 18

www.ifpi.dk/?q=content/little-mix-glory-daysA discografia de Little Mix, um grupo feminino britânico, consiste em: quatro álbuns de estúdio; oito extended plays; dezoito singles, dos quais foi creditado como parte de um outro grupo em um e creditado como como artista principal em quatorze; e dezoito vídeos musicais. Little Mix ganhou proeminência no mercado musical após vencer a oitava temporada do programa de televisão The X Factor, tornando-se na primeira banda a conseguir tal feito. Enquanto ainda estava no programa, fez uma participação na canção "Wishing on a Star" (2011), que foi lançada como single e alcançou a primeira posição no Reino Unido, Irlanda e Escócia. Como parte do prêmio por ter vencido o programa, foi lançado o single "Cannonball" (2012), que também alcançou o primeiro posto no Reino Unido, Irlanda, e Escócia e ainda recebeu o certificado de disco de ouro pela British Phonographic Industry (BPI) pela expedição de mais de 400 mil exemplares.

DNA, o álbum de estreia da banda, foi lançado em novembro de 2012 e conseguiu alcançar as cinco primeiras posições em países como o Reino Unido, o Canadá, a Irlanda, Noruega e os Estados Unidos. Em outros lugares, teve um desempenho comercial favorável, posicionando-se na décima colocação na Austrália e na décima quarta na Nova Zelândia. Além disso, recebeu o certificado de disco de platina pela BPI após ultrapassar a marca das 300 mil unidades comercializadas no Reino Unido e o de disco de ouro pela Australian Recording Industry Association (ARIA) e Irish Recorded Music Association (IRMA). De DNA foram divulgados quatro singles. "Wings", o primeiro, tornou-se um enorme sucesso mundial, posicionando-se dentro das cinco melhores colocações em nove países, inclusive o Reino Unido,[1] a Irlanda e o Japão. Na Austrália, onde alcançou a terceira posição, recebeu o certificado de disco de platina por três vezes pela ARIA. Os singles subsequentes — "DNA", "Change Your Life" e "How Ya Doin'?", com participação de Missy Elliott — alcançaram um sucesso moderado em mercados musicais europeus e na Austrália, onde "Change Your Life" recebeu o certificado de disco de platina por duas vezes pela ARIA.

Embora tenha tido um desempenho comercial não tão grande quanto o seu antecessor, Salute, o segundo álbum de estúdio de Little Mix, lançado em novembro de 2013, conseguiu ainda atingir boas posições nos principais mercados musicais, inclusive a Austrália e o Reino Unido, onde posicionou-se no número quatro, e os Estados Unidos, onde alcançou o sexto posto. A BPI atribuiu ao disco o certificado de disco de platina pela expedição de mais de 400 mil exemplares em território britânico. "Move", o primeiro single, posicionou-se dentro das dez melhores posições em países como o Reino Unido e a Irlanda e recebeu o certificado de disco de ouro pela BPI e ARIA. "Little Me" e "Salute", os restantes singles do álbum, não alcançaram o mesmo desempenho que o seu antecessor, não conseguindo receber um certificado de vendas em nenhum mercado, a exceção do Reino Unido, onde "Salute" recebeu o certificado de disco de prata pela expedição de 200 mil unidades digitais. Apesar de não ter sido divulgada como um trabalho comercial individual, a canção "These Four Walls" conseguiu alcançar o número 57 na tabela musical britânica acuando do lançamento inicial de Salute, assim como a música Towers alcançou a quarta posição, e junto de seus semelhantes "Stand Down" e "See Me Now" alcançaram a #5 posição no Billboard Top Trending em suas versões digitais. Little Me por sua vez foi certificado como prata no Reino Unido por seus 200,000 exemplares vendidos em solo britânico e Move como ouro com mais de 400,000 em solo britânico e mais um milhão de unidades mundialmente.

Em 2015 foi lançado "Black Magic", o primeiro single do terceiro álbum de estúdio do grupo, Get Weird, conseguiu atingir mais de 700 mil cópias só no Reino Unido e mais de um milhão de cópias vendidas ao redor do mundo. Black Magic alcança #67 na Billboard Hot 100, fazendo-se seu maior pique nas paradas americanas até então.[2] O single foi certificado como platina pela BPI e ouro na Polônia e Holanda. Até dezembro de 2014, uma soma de aproximadamente de 7.5 milhões de cópias de discos da banda já haviam sido vendidas ao redor do mundo, incluindo 5 milhões de singles e 2.5 milhões de álbuns. No ano de 2015 com o single Black Magic, o álbum Get Weird alcançou aproximadamente 1 milhão de unidades e mais de 640 mil cópias em solo britânico. O grupo estabiliza mais de 45 milhões de singles e discos vendidos ao redor do globo em apenas 5 anos. O terceiro single Secret Love Song era supostamente para ter sido disponível em apenas dois países europeus como Irlanda e Inglaterra. Devido ao grande sucesso, não esperava-se ficar entre os grandes mercados musicais dentre países continentais da Ásia como Singapura, Malásia e Filipinas. A segunda parte da canção foi bem mais recebida pelo comunidade LGBT do que com a participação de Jason Derulo em sua estreia original. Secret Love Song é certificado platina na Austrália, Irlanda e Nova Zelândia. A canção por sua vez fica em #1 nas Filipinas, permanecendo por mais de 22 semanas nas paradas. Alcançou números notáveis mesmo não sendo mundialmente lançado. Nono ponto na Malásia, primeiro lugar na Croácia, sexto posto na Inglaterra, Escócia e junto de uma estreia favorável acuando-se em décimo sexto na Austrália. O quarto e último single do álbum, Hair é certificado como ouro no Reino Unido e dupla platina na Austrália. Desde janeiro de 2017, o grupo vendeu ao todo 2.2 milhões de discos apenas na Austrália e Nova Zelândia.

Em outubro de 2016 Little Mix lançou o single "Shout Out to My Ex" do seu quarto álbum de estúdio Glory Days. A canção estreou no número um no UK Singles Chart tornando-se seu quarto topo na parada britânica. Ele vendeu 96.000 cópias em vendas combinadas em sua semana de estreia com 67.000 downloads, tornando-se a maior semana de abertura de vendas de download de uma música em 2016. "Glory Days" foi lançado em 18 de novembro de 2016 e estreou no número um na parada de álbuns do Reino Unido, tornando-se o primeiro número um do grupo. "Glory Days" vendeu 96.000 cópias em vendas na primeira semana, foi a primeira maior semana de vendas na Inglaterra desde as Spice Girls em 1997 e o álbum mais vendido em seu debut por um grupo musical feminino em 15 anos desde o Survivor das Destiny's Child em 2001. O quarto álbum conseguiu alcançar a posição #25 na Billboard 200, e o carro-chefe estreou em 69 na Billboard Hot 100 conseguindo, mais tarde, certificado de dupla platina pela BPI (British Phonographic Industry) por vendas físicas acima de 600 mil cópias no território igualmente ao lançamento de "Glory Days".

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns, com posições nas paradas selecionadas e certificações.
Álbum Detalhes Melhores posições nas tabelas Vendas Certificações
UK
[3]
AUS
[4]
CAN
[5]
FRA
[6]
IRL
[7]
JAP
[8]
HOL
[9]
NZL
[10]
SUE
[11]
EUA
[12]
DNA 3 10 4 27 3 20 49 14 8 4
Salute
  • Lançamento: 8 de Novembro de 2013
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formatos: CD, download digital
4 4 7 38 7 36 49 11 6
  • Reino Unido: 387.000
  • Estados Unidos: 107.000
Get Weird
  • Lançamento: 6 de Novembro de 2015
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formatos: CD, download digital
2 2 12 47 1 35 9 8 13 13
Glory Days
  • Lançamento: 18 de novembro de 2016
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formatos: CD, download digital
1 2 21 50 1 41 9 9 23 25
  • Reino Unido: 1.000.000+[21]
  • Estados Unidos: 115.000
  • Canadá: 40.000[13]
  • mundo: 4.500.000
LM5
  • Lançamento: 16 de novembro de 2018
3 8 24 55 2 15 9 6 28 40
  • Reino Unido: 200.084
"—" denota um lançamento que não foi lançado no território ou não conseguiu entrar na tabela musical do país.

Álbuns de compilação[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns relançados, mostrando detalhes e posições.
Título Detalhes Melhores posições
NLD
[9]
NZ
[26]
Glory Days: The Platinum Edition[27]
  • Lançamento: 24 de novembro de 2017
  • Gravadora: Syco, Columbia
  • Formatos: CD, digital download
16
[28]
22
[29]

Extended plays[editar | editar código-fonte]

EP Detalhes Conteúdo
Wings: The Remixes
  • Lançamento: 24 de Agosto de 2012[30]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formatos: Download digital
  • Versão do álbum de "Wings";
  • Dois Remixes de "Wings"
  • Versão instrumental de "Wings".
DNA: The Remixes
  • Lançamento: 9 de Novembro de 2012[31]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Versão do álbum de "DNA";
  • Dois Remixes de "DNA"
  • Versão instrumental de "DNA".
Move: The Remixes
  • Lançamento: 1 de Novembro de 2013[32]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Cinco remixes de "Move".
Little Me: The Remixes
  • Lançamento: 27 de Dezembro de 2013[33]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Três remixes de "Little Me";
  • Apresentação ao vivo no The X Factor de "Little Me";
  • Versão instrumental de "Little Me".
Word Up!: The Remixes
  • Lançamento: 14 de Março de 2014[34]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Dois remixes de "Word Up!";
  • Versão instrumental de "Word Up!".
Salute: The Remixes
  • Lançamento: 30 de Maio de 2014[35]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Três remixes de "Salute";
  • Versão acústica de "Move";
  • Versão a capella de "Who's Lovin' You";
  • Versão instrumental da versão lançada para single de "Salute".
Black Magic: The Remixes
  • Lançamento: 13 de julho de 2015[36]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Dois remixes de "Black Magic";
  • Um acústico de "Black Magic";
  • Um video clipe de "Black Magic".
Love Me Like You: The Collection EP
  • Lançamento: 16 de outubro de 2015[37]
  • Editoras: Syco, Columbia
  • Formato: Download digital
  • Quatro remixes de "Love Me Like You";
  • Um instrumental de "Love Me Like You";
  • Um audio entrevista de "Love Me Like You";
  • "Lightning".

Singles[editar | editar código-fonte]

Como artista principal[editar | editar código-fonte]

Canção Ano Melhores posições nas tabelas Certificações
(milhares de vendas)
Álbum
UK
[38]
AUS
[4]
CAN
[39]
FRA
[6]
IRL
[40]
JAP
[41]
HOL
[42]
NZL
[43]
SUE
[11]
EUA
[44]
"Cannonball"
2011
1 1 Não adicionado à nenhum álbum
"Wings"
2012
1 3 69 165 1 7 15 79 DNA
"DNA" 3 48 177 8 114
"Change Your Life"
2013
12 8 133 12 29
"How Ya Doin'?"
(com participação de Missy Elliott)
16 29 66 26 91
"Move" 3 26 109 5 19 76 12 122 Salute
"Little Me" 14 85 26
"Word Up!"
2014
6 45 107 13 71 Não adicionado à nenhum álbum
"Salute" 6 12 Salute
"Black Magic"
2015
1 8 53 155 3 47 82 31 58 67 Get Weird
"Love Me Like You" 11 27 140 8 80
  • Reino Unido: Platina[45]
  • República da Irlanda: Platina
"Secret Love Song"
(com participação de Jason Derulo)
2016
6 16 11 18
"Hair"
(com participação de Sean Paul)
11 10 20 32
"Shout Out To My Ex" 1 4 37 106 1 42 26 7 38 69 Glory Days
"Touch"
2017
4 13 57 195 5 73 22 76
"No More Sad Songs"
(com participação de Machine Gun Kelly)
15 25 [nota 1]
"Power"
(com participação de Stormzy)
6 182
[75]
17
[76]
[nota 2]
"Reggaetón Lento (Remix)"

(com participação de CNCO)

5 68 62 26 53 Glory Days: The Platinum Edition
"Only You"

(com Cheat Codes)

2018 13 92 127 13 5 89 Pool Party
"Woman Like Me"

(com participação de Nicki Minaj)

2 23 73 4 92 58 24 65 LM5
"Think About Us"

(com participação de Ty Dolla Sign)

2019 22 36 LM5
"—" denota lançamentos que não entraram nas tabelas ou não foram lançados nesse território.

Como artistas convidadas[editar | editar código-fonte]

Canção Ano Melhores posições nas tabelas Álbum
UK
[38]
IRL
[40]
"Wishing on a Star"
(Com participação de JLS & One Direction)
2011
1 1 Não adicionado à nenhum álbum

Singles promocionais[editar | editar código-fonte]

Lista das canções, com posições especificadas.
Título Ano Melhores posições Álbum
UK
[93]
AUS
[4]
FRA
[6]
IRE
[94]
NZ
[26]
"Hair" (versão única) 2015 35 65 137 46 Get Weird
"Weird People" 78 125 97
"Grown" 72 105
"You Gotta Not" 2016 61 96 88 [upper-alpha 1] Glory Days
"F.U." 82 [upper-alpha 2]
"Nothing Else Matters" [upper-alpha 3]
"Nobody Like You" 185
"Down & Dirty" 159
"Joan of Arc" 2018 61 135 63 [upper-alpha 4] LM5
"Told You So" 83 83 [upper-alpha 5]
"The Cure" 49 60
[100]
[upper-alpha 6]
"More Than Words"
(ft. Kamille)
[upper-alpha 7]
"Strip"
(ft. Sharaya J)
25 32
[100]
[upper-alpha 8]
"—" notas que mostram que o single pode não ter conseguido alcançar uma posição adequada.

Outras canções que entraram nas tabelas[editar | editar código-fonte]

Título Ano Melhor posição Certificação Álbum
UK
[93]
IRE
[94]
NZ
[26]
"These Four Walls" 2014 57 Salute
"Secret Love Song Pt. II" 2015 179 Get Weird
"A.D.I.D.A.S." 188
"Oops"
(ft. Charlie Puth)
2016 41 49 Glory Days
"Is Your Love Enough?" 2017 47 44
[102]
[upper-alpha 9] Glory Days: The Platinum Edition
"Wasabi" 2018 19[upper-alpha 10] LM5
"—" notas que mostram que o single pode não ter conseguido alcançar uma posição adequada.

Outras aparições[editar | editar código-fonte]

Canção Ano Outro(s) Artista(s) Álbum
"Une Autre Personne" 2013 Tal À l'infini
"Dreaming Together" 2015 Flower Hanadokei

Bandas sonoras[editar | editar código-fonte]

Ano Título Álbum Nota
2013 "Wings" "Baggage Claim"[104] Incluida no álbum oficial do filme.
"Change Your Life" "Honeyballers"[105] Incluida apenas no documentário.
2015 "A Different Beat" "Pitch Perfect 2"[106] Incluida na edição especial do álbum.
"Hair"
(com Sean Paul)
"EastEnders"[107] Incluida na soap opera apenas.
2017 No More Sad Songs
(com Machine Gun Kelly)
"The Swan Princess: Royally Undercover"[108] Incluida apenas no filme.

Vídeos musicais[editar | editar código-fonte]

Canção Ano Director(es)
"Cannonball" 2011 Sarah Chatfield[109]
"Wings" 2012 Max & Dania[110]
"DNA" Sarah Chatfield[111]
"Change Your Life" 2013 Dominic O'Riordan[112]
"How Ya Doin'?" Carly Cussen[113][114][115]
"Move"
"Move" (Full Dance Routine Version)
"Little Me" Julien Lutz[116]
"Word Up!" 2014 Ben Turner[117]
"Salute" Colin Tilley[118]
"Christmas (Baby Please Come Home)" Matt Fleming[119]
"Black Magic" 2015 Director X[120]
"Love Me Like You" Sarah McColgan[121]
"Secret Love Song
(com participação de Jason Derulo)
2016 Frank Borin[122]
"Hair"
(com participação de Sean Paul)
Director X
"Shout Out to My Ex" Sarah Chatfield
"Touch" 2017 Director X e Parris Goebel
"No More Sad Songs" Marc Klasfeld
"Power"
(com participação de Stormzy)
Hannah Lux Davis
"Reggaetón Lento (Remix)"
(com participação de CNCO)
Marc Klasfeld
"Nothing Else Matters"
(Glory Days Tour)
Adam Goodall
"Only You"
(em participação com Cheat Codes)
2018 Frank Borin
"Woman Like Me"
(com participação de Nicki Minaj)
Marc Klasfeld
"More Than Words"
(com participação de Kamille)
"Strip"
(com participação de Sharaya J)
Rankin e Little Mix
"Think About Us"
(com participação de Ty Dolla $ign)
2019 Bradley e Pablo

Notas

  1. "No More Sad Songs" não entrou na NZ Top 40 Singles Chart, mas atingiu a nona posição na NZ Heatseekers Singles Chart.[74]
  2. "Power" não entrou na NZ Top 40 Singles Chart, mas atingiu a setima posição na NZ Heatseekers Singles Chart.[77]

Referências

  1. Sexton, Paul (19 de Novembro de 2012). «One Direction Sweeps U.K. Charts With Top Song, Album». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 24 de Junho de 2015. Little Mix's "DNA" came in at No. 3, following their September No. 1 "Wings." 
  2. Vena, Jocelyn (21 de Maio de 2015). «Hear Little Mix's Bewitching New Single 'Black Magic'». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 24 de Junho de 2015 
  3. «Artists: Little Mix». Official Charts Company. 3 de março de 2017 
  4. a b c «Discography Little Mix». Australian Charts Portal. Hung Medien 
  5. «Little Mix – Chart History: Canadian Albums». Billboard. Prometheus Global Media. 8 de novembro de 2015. Consultado em 3 de março de 2017 
  6. a b c «Discographie Little Mix». French Charts Portal. Hung Medien. 8 de novembro de 2015. Consultado em 3 de março de 2017 
  7. Peak positions in Ireland:
  8. りとるみっくすのアルバム売り上げランキング (em Japanese). Oricon. Consultado em 3 de março de 2017 
  9. a b Hung, Steffen. «dutchcharts.nl - Discografie Little Mix» 
  10. Hung, Steffen. «Histórico de Little Mix nas tabelas musicais na Nova» (em inglês). Recording Industry Association of New Zealand. Hung Medien. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  11. a b «Discography Little Mix» 
  12. «Histórico de álbuns de Little Mix na tabela musical dos Estados Unidos». Billboard (em inglês). Nielsen Business Media, Inc. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  13. a b c Atrl. «Showthread» 
  14. «Little Mix Receipts | GD 3X PLAT IN UK | Update In Progress!». ATRL (em inglês). Consultado em 14 de fevereiro de 2018 
  15. a b c d e f g «Certified Awards» (enter "Little Mix" into the "Keywords" box, then select "Search"). British Phonographic Industry. Consultado em 3 de março de 2017 
  16. «Accreditations: 2012 Albums». Australian Recording Industry Association. 3 de março de 2017 
  17. «Certificações (Irlanda)» (em inglês). Irish Recorded Music Association 
  18. «Little Mix discography». Wikipedia (em inglês). 18 de janeiro de 2018 
  19. a b «ARIA Charts – Accreditations – 2016 Albums». Australian Recording Industry Association. Consultado em 06 de janeiro de 2017  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  20. «Certificações (Países Baixos) (álbum)» (em neerlandês). Nederlandse Vereniging van Producenten en Importeurs van beeld- en geluidsdragers 
  21. «Little Mix's 'Glory Days' Album Has Now Sold One Million Copies». CelebMix (em inglês). 7 de outubro de 2018. Consultado em 6 de abril de 2019 
  22. https://www.instagram.com/p/BbY8J8SnTXP/
  23. https://musiccanada.com/gold-platinum/?_gp_search=%20Little+Mix
  24. «Home | IFPI». www.ifpi.dk. Consultado em 6 de abril de 2019 
  25. «Die Offizielle Schweizer Hitparade und Music Community». www.swisscharts.com. Consultado em 6 de abril de 2019 
  26. a b c Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome NZ
  27. «Little Mix will release Glory Days: The Platinum Edition this November». Official Charts Company. 17 de outubro de 2017. Consultado em 25 de novembro de 2017 
  28. «Dutch Album Top 100website=dutchcharts.nl». 1 de dezembro de 2017. Consultado em 1 de dezembro de 2017 
  29. «NZ Top 40 Albums Chart». nztop40.co.nz. 1 de dezembro de 2017. Consultado em 1 de dezembro de 2017 
  30. «Wings (Remixes) — EP by Little Mix» (em inglês). iTunes (Apple, Inc.). Consultado em 23 de Junho de 2015 
  31. «DNA (Remixes) — EP by Little Mix» (em inglês). iTunes (Apple, Inc.). Consultado em 23 de Junho de 2015 
  32. «Move — EP by Little Mix» (em inglês). iTunes (Apple, Inc.). Consultado em 23 de Junho de 2015 
  33. «Little Me — EP by Little Mix» (em inglês). iTunes (Apple, Inc.). Consultado em 23 de Junho de 2015 
  34. «Word Up! — EP by Little Mix» (em inglês). iTunes (Apple, Inc.). Consultado em 23 de Junho de 2015 
  35. «Salute — EP by Little Mix» (em inglês). iTunes (Apple, Inc.). Consultado em 23 de Junho de 2015 
  36. «Black Magic (Remixes) - Single by Little Mix on iTunes». iTunes. Consultado em 10 de abril de 2016 
  37. «Love Me Like You (The Collection) by Little Mix on iTunes». iTunes. Consultado em 22 de abril de 2016 
  38. a b «Histórico de Little Mix na tabela musical do Reino Unido» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 12 de fevereiro de 2016 
  39. «Histórico de singles de Little Mix na tabela musical do Canadá». Billboard (em inglês). Nielsen Business Media, Inc. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  40. a b «Histórico de Little Mix na tabela musical da Irlanda» (em inglês). Irish Charts. Consultado em 12 de fevereiro de 2016 
  41. «Histórico de singles de Little Mix na tabela musical do Japão». Billboard (em inglês). Nielsen Business Media, Inc. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  42. «Discografie Little Mix». Dutch Charts Portal. Hung Medien 
  43. «Histórico de Little Mix na tabela musical da Nova Zelândia» (em inglês). New Zealand Charts. Consultado em 12 de fevereiro de 2016 
  44. «Histórico de singles de Little Mix na tabela musical dos Estados Unidos». Billboard (em inglês). Nielsen Business Media, Inc. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  45. a b c d e f g h i j k «Certified Awards - UK» (em inglês). BPI. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  46. a b c d e «Accreditations: 2013 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  47. «Certificados de vendas de discos para Little Mix no Canadá» (em inglês). Music Canada. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  48. «NZ Top 40 Singles Chart» (em inglês). Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  49. «Certificados de vendas de discos para Little Mix nos Estados Unidos» (em inglês). Recording Industry Association of America. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  50. «NZ Top 40 Singles Chart: Week of 22 July 2013» (em inglês). Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 23 de Junho de 2015 
  51. «Anual reporte anual de la música venezolana del 2013» (PDF). APFV. 2013. Consultado em 25 de janeiro de 2016 
  52. data, chart (4 de janeiro de 2019). «UK certifications (@bpi_music): @LittleMix, Move Platinum (600,000).». @chartdata (em inglês). Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  53. «http://www.aria.com.au/pages/SingleAccreds2016.htm». www.aria.com.au  Ligação externa em |título= (ajuda)
  54. « Recorded Music NZ» 🔗 (em inglês). 4 de setembro de 2015. Consultado em 4 de setembro de 2015 
  55. «Polish Society of the Phonographic Industry» 🔗 (em polones). 15 de junho de 2016. Consultado em 15 de junho de 2016 
  56. «Guld- och Platinacertifikat − År 2015» (em Swedish). 4 de setembro de 2015. Consultado em 16 de outubro de 2015. Arquivado do original em 3 de maio de 2013 
  57. «Certificações (Itália) – Little Mix» (em italiano). Federazione Industria Musicale Italiana 
  58. «Certificações (Estados Unidos) (single) – Little Mix – Black Magic» (em inglês). Recording Industry Association of America  Se necessário, clique em Advanced, depois clique em Format, e seleccione Single, e clique em SEARCH.
  59. https://musiccanada.com/gold-platinum/?_gp_search=%20Little+Mix
  60. Ireland, Sony Music (4 de agosto de 2016). «S/O to @littlemix - #GetWeird & all 4 singles on album now past platinum status in Ireland #BlackMagic #LoveMeLikeYou #SecretLoveSong #Hair». @SonyMusicIre (em inglês). Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  61. «ARIA Charts – Accreditations – 2016 Singles». Australian Recording Industry Association 
  62. «NZ Top 40». Recorded Music NZ. Consultado em 27 de maio de 2016 
  63. «ARIA Charts – Accreditations – 2016 Singles». Australian Recording Industry Association 
  64. «ARIA Charts – Accreditations – 2017 Singles». Australian Recording Industry Association 
  65. «Certificações (Itália) – Little Mix» (em italiano). Federazione Industria Musicale Italiana 
  66. a b «Ultratop − Goud en Platina - 2017» (em inglês). Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch >
  67. «Goud/Platina». nvpi.nl. Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  68. https://musiccanada.com/gold-platinum/?_gp_search=%20Little+Mix
  69. PAÍS VAZIO OU NÃO SUPORTADO: Polónia.
  70. «Home | IFPI». www.ifpi.dk. Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  71. a b c d «Certificações (Reino Unido) – Little Mix» (em inglês). British Phonographic Industry 
  72. «Gold/Platinum - Music Canada». Music Canada (em inglês) 
  73. «ARIA Charts – Accreditations – 2017 Singles». Australian Recording Industry Association 
  74. «NZ Heatseekers Singles Chart». Recorded Music NZ. 10 de março de 2017  Parâmetro desconhecido |acessodate= ignorado (ajuda)
  75. «Le Top de la semaine : Top Singles Téléchargés – SNEP (Week 24, 2017)» (em French). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 17 de junho de 2017 
  76. «IRMA – Irish Charts». Irish Recorded Music Association. Consultado em 8 de julho de 2017 
  77. «NZ Heatseekers Singles Chart». Recorded Music NZ. 5 de junho de 2017  Parâmetro desconhecido |acessodate= ignorado (ajuda)
  78. «http://www.aria.com.au/pages/httpwww.aria.com.aupagesSingleAccreds2017.htm». www.aria.com.au. Consultado em 6 de janeiro de 2019  Ligação externa em |titulo= (ajuda)
  79. «Goud/Platina». nvpi.nl. Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  80. 𝐋𝐢𝐭𝐭𝐥𝐞 𝐋𝐞𝐠𝐞𝐧𝐝𝐬 𝐅𝐚𝐜𝐭𝐬 (23 de dezembro de 2018). «"Reggaetón Lento (Remix)" has been certified 3x PLATINUM (150,000) in Italy. Congratulations @LittleMix & @CNCOmusic! pic.twitter.com/E0uESKGDNq». @ShadyMixerFacts (em espanhol). Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  81. 𝐋𝐢𝐭𝐭𝐥𝐞 𝐋𝐞𝐠𝐞𝐧𝐝𝐬 𝐅𝐚𝐜𝐭𝐬 (17 de dezembro de 2018). «"Reggaetón Lento (Remix)" has been certified GOLD (15,000) in Switzerland. This is both group's first certified single in the country. Congratulations @LittleMix & @CNCOmusic! pic.twitter.com/NONA9oHf5G». @ShadyMixerFacts (em inglês). Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  82. «CNCO, en la cima pero con los pies en la tierra». www.elsiglodetorreon.com.mx. Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  83. «Ultratop − Goud en Platina - 2017» (em inglês). Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch 
  84. «Guld- och Platinacertifikat − År 2017» (em sueco). Federação Internacional da Indústria Fonográfica (Suécia) 
  85. «CNCO recebe placa comemorativa de platina tripla por sucesso de vendas de "Reggaetón Lento Remix" no Brasil». Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  86. https://www.bpi.co.uk/brit-certified/
  87. https://www.bpi.co.uk/brit-certified/
  88. «SinglesAccreds2018». www.aria.com.au. Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  89. portalpopline.com.br/woman-like-me-musica-do-little-mix-conquista-certificado-de-platina-no-brasil/
  90. bestsellery.zpav.pl/wyroznienia/zloteplyty/cd/archiwum.php?year=
  91. https://musiccanada.com/gold-platinum/?_gp_search=Woman+Like+Me%22%20%22Little+Mix%22
  92. https://twitter.com/chartdata/status/1121780050666360834
  93. a b Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome UK
  94. a b Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome IRE
  95. «NZ Heatseeker Singles Chart». Recorded Music NZ. 7 de novembro de 2016. Consultado em 4 de novembro de 2016 
  96. «NZ Heatseeker Singles Chart». Recorded Music NZ. 14 de novembro de 2016. Consultado em 11 de novembro de 2016 
  97. «NZ Heatseeker Singles Chart». Recorded Music NZ. 21 de novembro de 2016. Consultado em 18 de novembro de 2016 
  98. «NZ Hot Singles Chart». Recorded Music NZ. 12 de novembro de 2018. Consultado em 9 de novembro de 2018 
  99. «NZ Hot Singles Chart». Recorded Music NZ. 19 de novembro de 2018. Consultado em 16 de novembro de 2018 
  100. a b «IRMA – Irish Charts». Irish Recorded Music Association. Consultado em 24 de novembro de 2018 
  101. a b c d «NZ Hot Singles Chart». Recorded Music NZ. 26 de novembro de 2018. Consultado em 23 de novembro de 2018 
  102. «IRMA – Irish Charts». Irish Recorded Music Association. Consultado em 6 de janeiro de 2018 
  103. «NZ Heatseeker Singles Chart». Recorded Music NZ. 4 de dezembro de 2017. Consultado em 1 de dezembro de 2017 
  104. «Baggage Claim (2013) - soundtrack». IMDb. Consultado em 25 de junho de 2017 
  105. «Honeyballers (2013) - soundtrack». IMDb. Consultado em 25 de junho de 2017 
  106. «Pitch Perfect 2: Special Edition (Original Motion Picture Soundtrack)». itunes. Consultado em 25 de junho de 2017 
  107. «EastEnders: The Queen Vic Jukebox - BBC Playlists». BBC. Consultado em 25 de junho de 2017 
  108. «The Swan Princess: Royally Undercover (Video 2017) - Soundtracks». IMDb. Consultado em 25 de junho de 2017 
  109. «Holding the Christmas No 1? X Factor winners Little Mix release debut single in Perrie and Jade's hometown». Daily Mail (em inglês). 16 de Dezembro de 2011. Consultado em 4 de Junho de 2015 
  110. «Little Mix's Girl Power Takes Flight With New 'Wings' Single» (em inglês). MTV News (MTV Networks. Viacom Media). 5 de Fevereiro de 2013. Consultado em 4 de Junho de 2015 
  111. Knight, David (24 de Outubro de 2012). «Little Mix 'DNA' by Sarah Chatfield» (em inglês). PromoNews. Consultado em 4 de Junho de 2015 
  112. «LITTLE MIX RELEASE CHANGE YOUR LIFE OFFICIAL VIDEO - WATCH HERE». SugarScape (em inglês). Consultado em 4 de Junho de 2015 
  113. «How Ya Doin'? (Ft. Missy Elliott)» (em inglês). MTV [Reino Unido e Irlanda] (MTV Networks. Viacom Media). Consultado em 24 de Junho de 2015 
  114. «Move» (em inglês). MTV [Reino Unido e Irlanda] (MTV Networks. Viacom Media). Consultado em 24 de Junho de 2015 
  115. «Move (Full Dance Routine Version)» (em inglês). MTV [Reino Unido e Irlanda] (MTV Networks. Viacom Media). Consultado em 24 de Junho de 2015 
  116. «LITTLE MIX TALK MUSIC VIDEO FOR NEW SINGLE 'LITTLE ME': "IT'S VERY HEARTFELT AND MEANINGFUL». Sugar Scape (em inglês). Consultado em 4 de Abril de 2015 
  117. «Word Up!» (em inglês). MTV [Reino Unido e Irlanda] (MTV Networks. Viacom Media). Consultado em 24 de Junho de 2015 
  118. «Salute» (em inglês). MTV [Reino Unido e Irlanda] (MTV Networks. Viacom Media). Consultado em 24 de Junho de 2015 
  119. Corner, Lewis (18 de Dezembro de 2014). «Little Mix cover 'Christmas (Baby Please Come Home)' as gift for fans». Digital Spy (em inglês). Consultado em 24 de Junho de 2015 
  120. Vena, Jocelyn (29 de Maio de 2015). «Little Mix Cast a Spell In Witchy 'Black Magic' Video». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 24 de Junho de 2015 
  121. «Little Mix libera clipe de "Love Me Like You", segundo single do aguardado álbum "Get Weird"». Purebreak. 2 de outubro de 2015. Consultado em 23 de outubro de 2015 
  122. «Little Mix shot a music video for 'Secret Love Song Pt. II', too». Sugarscape. 13 de janeiro de 2016. Consultado em 10 de abril de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Erro de citação: Existem elementos <ref> para um grupo chamado "upper-alpha", mas não foi encontrado nenhum <references group="upper-alpha"/> correspondente (ou falta um elemento de fecho </ref>)