Gérson Sodré

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gerson Sodré
Informações pessoais
Nome completo Gerson José Sodré
Data de nasc. 14 de julho de 1957 (62 anos)
Local de nasc. Itabuna, Bahia Bahia,  Brasil
Informações profissionais
Posição Treinador interino - Auxiliar técnico
Ex-meia
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1976
1977–1978
1979–1980
1980–1984
1985
1986
1987
1988–1990
1991
1991
1992
1992–1993
1993
1994
Brasil Itabuna
Brasil America FC (RJ)
Brasil Itabuna
Brasil Portuguesa
Brasil Guarani
Brasil Ceará
Brasil Ferroviária
Brasil Ceará
Brasil América-SP
Brasil Bandeirante
Brasil CRB
Brasil Grêmio Maringá
Brasil Atlético Sorocaba
Brasil Uberlândia
Times/Equipas que treinou
1994
1999
2006
2010
2014-
Brasil Uberlândia
Brasil Alecrim
Brasil CRB
Brasil Sport Barueri (Interino)
Brasil Portuguesa (ass-interino)

Gérson José Sodré, mais conhecido como Gérson Sodré (Itabuna, 14 de Julho de 1957), é um treinador e ex-futebolista brasileiro que atuava como meia. Atualmente, assistente técnico da Portuguesa[1].

Ex- Meia-atacante do América do Rio, da Portuguesa, do Guarani e do Ceará nos anos 70, 80 e 90, hoje é treinador de futebol. Chegou a dirigir o time juniores do Atlético Sorocaba e assumiu o CRB em novembro de 2006. Casado, pai de dois filhos, Gérson Sodré tem residência fixa no bairro do Tatuapé, zona leste de São Paulo.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Como jogador[editar | editar código-fonte]

Considerado um andarilho do futebol, sua carreira de jogador começou na Bahia. Foi eleito o jogador revelação do ano de 1976. Ganhou, na época, o troféu Berimbau de Prata. Ele defendia o Itabuna Esporte Clube.

Em 1977, ele se transferiu para o América do Rio, clube que defendeu até 1978. Voltou para o Itabuna, ficando lá até 1980. Foi contratado pela Portuguesa de Desportos. Defendeu a Lusa até 1984.

Em 1985, o Guarani acertou sua contração. Gérson Sodré defendeu o time bugrino terceiro colocado do Campeonato Paulista e quinto lugar no Campeonato Brasileiro.

Depois, ele defendeu o Ceará (campeão cearense de 1986), a Ferroviária de Araraquara (Paulistão de 1987), mais uma vez o Ceará (tricampeão cearense), o América de Rio Preto (Paulistão de 1991), o Bandeirante de Biriguí (Campeonato Paulista da Divisão Intermediária de 1991), o CRB (campeonato alagoano de 1992), o Grêmio Maringá (campeonatos paranaenses de 1992 e 1993), Taubaté (1994), Atlético Sorocaba (Paulista da Segunda Divisão) e encerando a carreira no Uberlândia (Mineiro de 1994).

Como treinador[editar | editar código-fonte]

A primeira experiência de Gérson Sodré como treinador aconteceu em 1994, quando ainda era jogador do Uberlândia. Mais tarde, após sua retirada dos gramados atuou como treinador do Alecrim, em 1999 e CRB, no ano de 2006.

Atuou como treinador interino do Barueri da cidade de Barueri em 2009 e foi auxiliar técnico de Estevam Soares do Ceará e Oeste de Itápolis (SP) até o início de 2012. atualmente é auxiliar técnico e treinador interino da Portuguesa[2].

Títulos[editar | editar código-fonte]

Ceará
CRB
Atlético Sorocaba

Referências

  1. Terceiro Tempo (17 de abril de 2015). «Gérson Sodré». Consultado em 7 de maio de 2015 
  2. Lusa News (24 de maio de 2013). «De volta à comissão técnica, Gérson Sodré tem uma vida ligada à Portuguesa». Consultado em 7 de maio de 2015