Grande Prêmio da Espanha de 1986

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grande Prêmio da Espanha
de Fórmula 1 de 1986
Circuito de Jerez (1985-1992).svg
Mapa do Circuito de Jerez
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 13 de abril de 1986
Nome oficial XXVIII Gran Premio de España
Local Jerez, Jerez de la Frontera, Espanha
Total 72 voltas / 303.696 km
Condições do tempo seco
Pole
Piloto
Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault
Tempo 1:21.605
Volta mais rápida
Piloto
Reino Unido Nigel Mansell Williams-Honda
Tempo 1:27.176 (na volta 65)
Pódio
Primeiro
Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault
Segundo
Reino Unido Nigel Mansell Williams-Honda
Terceiro
França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche

Resultados do Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 realizado em Jerez à 13 de abril de 1986. Foi a segunda etapa daquela temporada.[1]

Resumo[editar | editar código-fonte]

Mansell tinha tudo para vencer a corrida, mas de repente, o Williams # 5 perde toda a vantagem e foi ultrapassado por Senna (2º) e Prost (3º); o piloto inglês vai aos boxes colocar novo jogo de pneus e retorna ao circuito em 3º. O motivo da troca de pneus, é que um pedaço de metal grudado fazia o carro perder pressão e derrapar, devido a um minúsculo furo. Assim que o pneu atingiu a temperatura ideal, o piloto fez seis voltas mais rápidas e vai se aproximando rapidamente da McLaren # 1 do francês (2º).

Faltando quatro voltas para o final, Mansell tenta ultrapassar Prost por fora no início da reta dos boxes e não consegue e depois quase no final dela tenta por dentro e também não obtém êxito. Senna que estava um pouco à frente ganha segundos importante com isso. Apenas no miolo do circuito é que o piloto inglês consegue superá-lo.

Restando três voltas, Mansell tem pista livre e vai diminuindo a diferença em relação ao piloto brasileiro que completa a penúltima volta com menos de 2 segundos de vantagem. A cada curva da pista espanhola, o piloto da Williams ia se aproximando cada vez mais do carro preto; ao completar a última curva, o inglês entra na reta dos boxes em condições de ultrapassá-lo e vencer a prova. Mansell pega todo o vácuo para superá-lo e ambos recebem a bandeira quadriculada praticamente juntos. Nenhum dos dois pilotos tinha a certeza de que tinha vencido, até que os alto-falantes do autódromo anuncia a vitória de Ayrton Senna por ínfimos 14 milésimos de segundo. Um final emocionante!

Treinos classificatórios[editar | editar código-fonte]

1º treino classificatório
Pos Piloto Chassi/Motor Tempo
1 12 Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault 1:21.605
2 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Honda 1:23.024
3 6 Brasil Nelson Piquet Williams-Honda 1:23.097
4 1 França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche 1:23.702
5 2 Finlândia Keke Rosberg McLaren-TAG/Porsche 1:23.948
6 20 Áustria Gerhard Berger Benetton-BMW 1:24.501
7 25 França René Arnoux Ligier-Renault 1:24.566
8 26 França Jacques Laffite Ligier-Renault 1:24.817
9 19 Itália Teo Fabi Benetton-BMW 1:25.052
10 28 Suécia Stefan Johansson Ferrari 1:25.466
11 3 Reino Unido Martin Brundle Tyrrell-Renault 1:25.831
12 7 Itália Riccardo Patrese Brabham-BMW 1:26.231
13 27 Itália Michele Alboreto Ferrari 1:26.554
14 16 França Patrick Tambay Haas Lola-Hart 1:27.045
15 8 Itália Elio de Angelis Brabham-BMW 1:27.300
16 14 Reino Unido Jonathan Palmer Zakspeed 1:27.600
17 4 França Philippe Streiff Tyrrell-Renault 1:27.637
18 18 Bélgica Thierry Boutsen Arrows-BMW 1:28.112
19 15 Austrália Alan Jones Haas Lola-Hart 1:28.645
20 17 Suíça Marc Surer Arrows-BMW 1:28.803
21 21 Itália Piercarlo Ghinzani Osella-Alfa Romeo 1:28.894
22 22 Alemanha Ocidental Christian Danner Osella-Alfa Romeo 1:29.046
23 11 Reino Unido Johnny Dumfries Lotus-Renault 1:29.093
24 23 Itália Andrea de Cesaris Minardi-Motori Moderni 1:29.195
25 24 Itália Alessandro Nannini Minardi-Motori Moderni sem tempo
2º treino classificatório
Pos Piloto Chassi/Motor Tempo
1 12 Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault 1:21.924
2 6 Brasil Nelson Piquet Williams-Honda 1:22.431
3 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Honda 1:22.576
4 1 França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche 1:22.886
5 2 Finlândia Keke Rosberg McLaren-TAG/Porsche 1:23.004
6 25 França René Arnoux Ligier-Renault 1:24.274
7 11 Reino Unido Johnny Dumfries Lotus-Renault 1:25.107
8 20 Áustria Gerhard Berger Benetton-BMW 1:25.235
9 28 Suécia Stefan Johansson Ferrari 1:25.655
10 26 França Jacques Laffite Ligier-Renault 1:25.863
11 27 Itália Michele Alboreto Ferrari 1:26.094
12 19 Itália Teo Fabi Benetton-BMW 1:26.196
13 8 Itália Elio de Angelis Brabham-BMW 1:26.550
14 14 Reino Unido Jonathan Palmer Zakspeed 1:26.918
15 15 Austrália Alan Jones Haas Lola-Hart 1:26.946
16 16 França Patrick Tambay Haas Lola-Hart 1:26.992
17 18 Bélgica Thierry Boutsen Arrows-BMW 1:27.169
18 4 França Philippe Streiff Tyrrell-Renault 1:28.096
19 21 Itália Piercarlo Ghinzani Osella-Alfa Romeo 1:28.423
20 17 Suíça Marc Surer Arrows-BMW 1:28.443
21 7 Itália Riccardo Patrese Brabham-BMW 1:29.911
22 24 Itália Alessandro Nannini Minardi-Motori Moderni 1:30.062
23 3 Reino Unido Martin Brundle Tyrrell-Renault 1:41.631
24 22 Alemanha Ocidental Christian Danner Osella-Alfa Romeo sem tempo
25 23 Itália Andrea de Cesaris Minardi-Motori Moderni sem tempo

Grid de largada e classificação da prova[editar | editar código-fonte]

Grid de largada
Pos Piloto Chassi/Motor Tempo
1 12 Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault 1:21.605
2 6 Brasil Nelson Piquet Williams-Honda 1:22.431
3 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Honda 1:22.576
4 1 França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche 1:22.886
5 2 Finlândia Keke Rosberg McLaren-TAG/Porsche 1:23.004
6 25 França René Arnoux Ligier-Renault 1:24.274
7 20 Áustria Gerhard Berger Benetton-BMW 1:24.501
8 26 França Jacques Laffite Ligier-Renault 1:24.817
9 19 Itália Teo Fabi Benetton-BMW 1:25.052
10 11 Reino Unido Johnny Dumfries Lotus-Renault 1:25.107
11 28 Suécia Stefan Johansson Ferrari 1:25.466
12 3 Reino Unido Martin Brundle Tyrrell-Renault 1:25.831
13 27 Itália Michele Alboreto Ferrari 1:26.094
14 7 Itália Riccardo Patrese Brabham-BMW 1:26.231
15 8 Itália Elio de Angelis Brabham-BMW 1:26.550
16 14 Reino Unido Jonathan Palmer Zakspeed 1:26.918
17 15 Austrália Alan Jones Haas Lola-Hart 1:26.946
18 16 França Patrick Tambay Haas Lola-Hart 1:26.992
19 18 Bélgica Thierry Boutsen Arrows-BMW 1:27.169
20 4 França Philippe Streiff Tyrrell-Renault 1:27.637
21 21 Itália Piercarlo Ghinzani Osella-Alfa Romeo 1:28.423
22 17 Suíça Marc Surer Arrows-BMW 1:28.443
23 22 Alemanha Ocidental Christian Danner Osella-Alfa Romeo 1:29.046
24 23 Itália Andrea de Cesaris Minardi-Motori Moderni 1:29.195
25 24 Itália Alessandro Nannini Minardi-Motori Moderni 1:30.062
Classificação da prova
Pos Piloto Chasii/Motor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 12 Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault 72 1:48'47.735 1 9
2 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Honda 72 + 0.014 3 6
3 1 França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche 72 + 21.552 4 4
4 2 Finlândia Keke Rosberg McLaren-TAG/Porsche 71 + 1 volta 5 3
5 19 Itália Teo Fabi Benetton-BMW 71 + 1 volta 9 2
6 20 Áustria Gerhard Berger Benetton-BMW 71 + 1 volta 7 1
7 18 Bélgica Thierry Boutsen Arrows-BMW 68 + 4 voltas 19  
8 16 França Patrick Tambay Haas Lola-Hart 66 + 6 voltas 18  
Ret 11 Reino Unido Johnny Dumfries Lotus-Renault 52 Câmbio 10  
Ret 3 Reino Unido Martin Brundle Tyrrell-Renault 41 Motor 12  
Ret 26 França Jacques Laffite Ligier-Renault 40 Semieixo 8  
Ret 17 Suíça Marc Surer Arrows-BMW 39 Bomba de combustível 22  
Ret 6 Flag of Brazil.svg Nelson Piquet Williams-Honda 39 Motor 2  
Ret 8 Itália Elio de Angelis Brabham-BMW 29 Câmbio 15  
Ret 25 França René Arnoux Ligier-Renault 29 Semieixo 6  
Ret 27 Itália Michele Alboreto Ferrari 22 Rolamento de roda 13  
Ret 4 França Philippe Streiff Tyrrell-Renault 22 Motor 20  
Ret 22 Alemanha Christian Danner Osella-Alfa Romeo 14 Motor 23  
Ret 28 Suécia Stefan Johansson Ferrari 11 Freios 11  
Ret 21 Itália Piercarlo Ghinzani Osella-Alfa Romeo 10 Motor 21  
Ret 7 Itália Riccardo Patrese Brabham-BMW 8 Câmbio 14  
Ret 23 Itália Andrea de Cesaris Minardi-Motori Moderni 1 Diferencial 24  
Ret 14 Reino Unido Jonathan Palmer Zakspeed 0 Colisão 16  
Ret 15 Austrália Alan Jones Haas Lola-Hart 0 Colisão 17  
Ret 24 Itália Alessandro Nannini Minardi-Motori Moderni 0 Diferencial 25  

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas. Entre 1981 e 1990 cada piloto podia computar onze resultados válidos por temporada não havendo descartes no mundial de construtores.

Notas[editar | editar código-fonte]

Líderes da prova

Ayrton Senna - 1ª a 39ª e 63ª a 72ª e Nigel Mansell - 40ª a 62ª

Referências

  1. «1986 Spanish Grand Prix - race result». Consultado em 1º de setembro de 2018. 


Precedido por
Grande Prêmio do Brasil de 1986
Campeonato mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 1986
Sucedido por
Grande Prêmio de San Marino de 1986
Precedido por
Grande Prêmio da Espanha de 1981
Grande Prêmio da Espanha
28ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio da Espanha de 1987