Grande Prêmio de Mônaco de 1991

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grande Prêmio de Mônaco
de Fórmula 1 de 1991
Circuit de Monaco 1986.png
49º GP de Mônaco realizado em Montecarlo
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 12 de maio de 1991
Nome oficial XLIX Grand Prix Automobile de Monaco
Local Circuito de Mônaco, Montecarlo, Mônaco
Total 78 voltas / 259.584 km
Condições do tempo Nublado, ameno, seco
Pole
Piloto
Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda
Tempo 1:20.344
Volta mais rápida
Piloto
França Alain Prost Ferrari
Tempo 1:24.368 (na volta 77)
Pódio
Primeiro
Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda
Segundo
Reino Unido Nigel Mansell Williams-Renault
Terceiro
França Jean Alesi Ferrari

Resultados do Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1 realizado em Montecarlo à 12 de maio de 1991. Foi a quarta etapa da temporada e teve como vencedor o brasileiro Ayrton Senna.[1][2][nota 1]

Resumo[editar | editar código-fonte]

Alex Caffi bateu forte na saída da chicane da piscina, destruiu seu Footwork e nem treinou à tarde na classificação. Foi levado para o hospital, mas teve alta.[3] Martin Brundle fez 1:24.840 e terminou em 19º na primeira classificação, mas após o treino o inglês foi desclassificado por não ter parado seu Brabham para a pesagem.[3]

Ayrton Senna praticamente garantiu a pole nos treinos de quinta, no sábado ele tirou mais 2 décimos e fez mais uma pole em Monte Carlo. A grande surpresa dos treinos foi o italiano Stefano Modena, que fez um brilhante segundo lugar. Nelson Piquet largou em quarto, Roberto Moreno em oitavo, e Mauricio Gugelmin em décimo quinto.

Na largada, Senna assumiu a liderança, seguido de Modena, Patrese, Mansell, Piquet e Prost. Ainda na primeira volta, Piquet abandonou com a suspensão quebrada, era a segunda vez seguida que o brasileiro da Benetton não completava a primeira volta. Senna achou que iria abrir fácil vantagem nas primeiras voltas, mas chegou a tomar pressão de Modena. Demorou 15 voltas para o brasileiro abrir vantagem, já Modena era pressionado por Patrese.

Mansell foi para os boxes na volta 37 e voltou atrás de Prost em quinto. Na metade da prova, Senna tinha 22 segundos de vantagem para Modena, que chegou a abrir 7 segundos para Patrese, mas ele foi atrapalhado pela Dallara de Emanuelle Pirro por 3 voltas, e voltou a tomar pressão da Williams número 6. Na volta 43, Patrese tentou ultrapassar Modena na saída do túnel mas acabou batendo o bico do carro no muro, mas no mesmo momento Modena teve problemas de motor e os dois abandonaram na chicane do Porto. Os seis primeiros após 50 voltas, são Ayrton Senna, Alain Prost, Nigel Mansell, Jean Alesi, Emanuelle Pirro e Roberto Moreno.

Na 62ª volta, após ficar 25 voltas atrás de Alain Prost, Nigel Mansell com seu Williams-Renault conseguiu ultrapassá-lo na saída do túnel e fez a chicane na frente do francês da Ferrari para conquistar a 2ª posição. Uma ultrapassagem extraordinária do piloto inglês.

Ayrton Senna seguiu sem problemas para a sua vitória de número 30 na F1. Nigel Mansell terminou em segundo e finalmente marcou seus primeiros pontos na temporada, Jean Alesi completou o pódio, depois do pneu furado de Prost. Roberto Moreno termina em quarto e conquista seu melhor resultado na Fórmula 1, Prost fica em quinto e Pirro em sexto.

Senna vai a 40 pontos após sua quarta vitória na temporada, Prost e o segundo com 11 pontos e em terceiro está Gerhard Berger com 10 pontos.

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pré-classificação[editar | editar código-fonte]

Pré-classificação
Pos. Piloto Chassi/Motor Tempo
1 22 Finlândia J. J. Lehto Dallara-Judd 1:23.260
2 33 Itália Andrea de Cesaris Jordan-Ford 1:23.538
3 21 Itália Emanuele Pirro Dallara-Judd 1:24.421
4 32 Bélgica Bertrand Gachot Jordan-Ford 1:24.802
5 34 Itália Nicola Larini Lambo-Lamborghini 1:25.893
6 35 Bélgica Eric van de Poele Lambo-Lamborghini 1:26.282
7 31 Portugal Pedro Chaves Coloni-Ford 1:27.389
8 14 França Olivier Grouillard Fondmetal-Ford 1:27.759
Não classificados
Pos. Piloto Chassi/Motor Tempo
5 34 Itália Nicola Larini Lambo-Lamborghini 1:25.893
6 35 Bélgica Eric van de Poele Lambo-Lamborghini 1:26.282
7 31 Portugal Pedro Chaves Coloni-Ford 1:27.389
8 14 França Olivier Grouillard Fondmetal-Ford 1:27.759

Treinos classificatórios[editar | editar código-fonte]

1º treino classificatório
Pos. Piloto Chassi/Motor Tempo
1 1 Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda 1:20.508
2 2 Áustria Gerhard Berger McLaren-Honda 1:21.222
3 6 Itália Riccardo Patrese Williams-Renault 1:22.057
4 27 França Alain Prost Ferrari 1:22.113
5 20 Brasil Nelson Piquet Benetton-Ford 1:22.816
6 28 França Jean Alesi Ferrari 1:22.966
7 22 Finlândia J. J. Lehto Dallara-Judd 1:23.023
8 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Renault 1:23.274
9 21 Itália Emanuele Pirro Dallara-Judd 1:23.311
10 4 Itália Stefano Modena Tyrrell-Honda 1:23.442
11 19 Brasil Roberto Moreno Benetton-Ford 1:23.476
12 23 Itália Pierluigi Martini Minardi-Ferrari 1:24.101
13 33 Itália Andrea de Cesaris Jordan-Ford 1:24.257
14 3 Japão Satoru Nakajima Tyrrell-Honda 1:24.435
15 24 Itália Gianni Morbidelli Minardi-Ferrari 1:24.481
16 32 Bélgica Bertrand Gachot Jordan-Ford 1:24.540
17 25 Bélgica Thierry Boutsen Ligier-Lamborghini 1:24.728
18 26 França Erik Comas Ligier-Lamborghini 1:24.747
19 11 Finlândia Mika Häkkinen Lotus-Judd 1:24.868
20 15 Brasil Maurício Gugelmin Leyton House-Ilmor 1:24.920
21 16 Itália Ivan Capelli Leyton House-Ilmor 1:25.040
22 17 Itália Gabriele Tarquini AGS-Ford 1:25.078
23 29 França Eric Bernard Lola-Ford 1:25.370
24 8 Reino Unido Mark Blundell Brabham-Yamaha 1:25.500
25 30 Japão Aguri Suzuki Lola-Ford 1:26.380
26 9 Itália Michele Alboreto Footwork-Porsche 1:27.843
27 18 Itália Fabrizio Barbazza AGS-Ford 1:28.060
28 12 Reino Unido Julian Bailey Lotus-Judd 1:28.772
10 Itália Alex Caffi[3] Footwork-Porsche
DSQ 7 Reino Unido Martin Brundle[3] Brabham-Yamaha 1:24.840
2º treino classificatório
Pos. Piloto Chassi/Motor Tempo
1 1 Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda 1:20.344
2 4 Itália Stefano Modena Tyrrell-Honda 1:20.809
3 6 Itália Riccardo Patrese Williams-Renault 1:20.973
4 20 Brasil Nelson Piquet Benetton-Ford 1:21.159
5 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Renault 1:21.205
6 2 Áustria Gerhard Berger McLaren-Honda 1:21.583
7 27 França Alain Prost Ferrari 1:21.455
8 19 Brasil Roberto Moreno Benetton-Ford 1:21.804
9 28 França Jean Alesi Ferrari 1:21.910
10 33 Itália Andrea de Cesaris Jordan-Ford 1:22.764
11 3 Japão Satoru Nakajima Tyrrell-Honda 1:22.972
12 21 Itália Emanuele Pirro Dallara-Judd 1:23.022
13 22 Finlândia J. J. Lehto Dallara-Judd 1:23.983
14 23 Itália Pierluigi Martini Minardi-Ferrari 1:23.064
15 15 Brasil Maurício Gugelmin Leyton House-Ilmor 1:23.394
16 25 Bélgica Thierry Boutsen Ligier-Lamborghini 1:23.431
17 24 Itália Gianni Morbidelli Minardi-Ferrari 1:23.584
18 16 Itália Ivan Capelli Leyton House-Ilmor 1:23.642
19 30 Japão Aguri Suzuki Lola-Ford 1:23.898
20 17 Itália Gabriele Tarquini AGS-Ford 1:23.909
21 29 França Eric Bernard Lola-Ford 1:24.079
22 8 Reino Unido Mark Blundell Brabham-Yamaha 1:24.109
23 26 França Erik Comas Ligier-Lamborghini 1:24.151
24 32 Bélgica Bertrand Gachot Jordan-Ford 1:24.208
25 9 Itália Michele Alboreto Footwork-Porsche 1:24.606
26 11 Finlândia Mika Häkkinen Lotus-Judd 1:24.829
27 12 Reino Unido Julian Bailey Lotus-Judd 1:26.995
28 18 Itália Fabrizio Barbazza AGS-Ford 1:27.079
10 Itália Alex Caffi Footwork-Porsche
Não classificados
Pos. Piloto Chassi/Motor Tempo
27 12 Reino Unido Julian Bailey Lotus-Judd 1:26.995
28 18 Itália Fabrizio Barbazza AGS-Ford 1:27.079
29 10 Itália Alex Caffi Footwork-Porsche
DSQ 7 Reino Unido Martin Brundle[3] Brabham-Yamaha 1:24.840

Grid de largada e classificação da prova[editar | editar código-fonte]

Grid de largada
Pos. Piloto Chassi/Motor Tempo
1 1 Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda 1:20.344
2 4 Itália Stefano Modena Tyrrell-Honda 1:20.809
3 6 Itália Riccardo Patrese Williams-Renault 1:20.973
4 20 Brasil Nelson Piquet Benetton-Ford 1:21.159
5 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Renault 1:21.205
6 2 Áustria Gerhard Berger McLaren-Honda 1:21.222
7 27 França Alain Prost Ferrari 1:21.455
8 19 Brasil Roberto Moreno Benetton-Ford 1:21.804
9 28 França Jean Alesi Ferrari 1:21.910
10 33 Itália Andrea de Cesaris Jordan-Ford 1:22.764
11 3 Japão Satoru Nakajima Tyrrell-Honda 1:22.972
12 21 Itália Emanuele Pirro Dallara-Judd 1:23.022
13 22 Finlândia J. J. Lehto Dallara-Judd 1:23.023
14 23 Itália Pierluigi Martini Minardi-Ferrari 1:23.064
15 15 Brasil Maurício Gugelmin Leyton House-Ilmor 1:23.394
16 25 Bélgica Thierry Boutsen Ligier-Lamborghini 1:23.431
17 24 Itália Gianni Morbidelli Minardi-Ferrari 1:23.584
18 16 Itália Ivan Capelli Leyton House-Ilmor 1:23.642
19 30 Japão Aguri Suzuki Lola-Ford 1:23.898
20 17 Itália Gabriele Tarquini AGS-Ford 1:23.909
21 29 França Eric Bernard Lola-Ford 1:24.079
22 8 Reino Unido Mark Blundell Brabham-Yamaha 1:24.109
23 26 França Erik Comas Ligier-Lamborghini 1:24.151
24 32 Bélgica Bertrand Gachot Jordan-Ford 1:24.208
25 9 Itália Michele Alboreto Footwork-Porsche 1:24.606
26 11 Finlândia Mika Häkkinen Lotus-Judd 1:24.829
Classificação da prova
Pos. Piloto Chassi/Motor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 1 Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda 78 1:53'02.334 1 10
2 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Renault 78 + 18.348 5 6
3 28 França Jean Alesi Ferrari 78 + 47.455 9 4
4 19 Brasil Roberto Moreno Benetton-Ford 77 + 1 volta 8 3
5 27 França Alain Prost Ferrari 77 + 1 volta 7 2
6 21 Itália Emanuele Pirro Dallara-Judd 77 + 1 volta 12 1
7 25 Bélgica Thierry Boutsen Ligier-Lamborghini 76 + 2 voltas 16
8 32 Bélgica Bertrand Gachot Jordan-Ford 76 + 2 voltas 24
9 29 França Eric Bernard Lola-Ford 76 + 2 voltas 21
10 26 França Erik Comas Ligier-Lamborghini 76 + 2 voltas 23
11 22 Finlândia J. J. Lehto Dallara-Judd 75 + 3 voltas 13
12 23 Itália Pierluigi Martini Minardi-Ferrari 72 + 6 voltas 14
Ret 11 Finlândia Mika Häkkinen Lotus-Judd 64 Vazamento de óleo 26
Ret 24 Itália Gianni Morbidelli Minardi-Ferrari 49 Câmbio 17
Ret 15 Brasil Maurício Gugelmin Leyton House-Ilmor 43 Regulador de pressão 15
Ret 4 Itália Stefano Modena Tyrrell-Honda 42 Motor 2
Ret 6 Itália Riccardo Patrese Williams-Renault 42 Rodou 3
Ret 8 Reino Unido Mark Blundell Brabham-Yamaha 41 Rodou 22
Ret 9 Itália Michele Alboreto Footwork-Porsche 39 Motor 25
Ret 3 Japão Satoru Nakajima Tyrrell-Honda 35 Rodou 11
Ret 30 Japão Aguri Suzuki Lola-Ford 24 Freios 19
Ret 33 Itália Andrea de Cesaris Jordan-Ford 21 Regulador 10
Ret 16 Itália Ivan Capelli Leyton House-Ilmor 12 Freios 18
Ret 17 Itália Gabriele Tarquini AGS-Ford 9 Câmbio 20
Ret 2 Áustria Gerhard Berger McLaren-Honda 9 Rodou 6
Ret 20 Brasil Nelson Piquet Benetton-Ford 0 Suspensão 4
DNQ 12 Reino Unido Julian Bailey Lotus-Judd Não qualificado
DNQ 18 Itália Fabrizio Barbazza AGS-Ford Não qualificado
DNQ 10 Itália Alex Caffi[3] Footwork-Porsche Não qualificado
DSQ 7 Reino Unido Martin Brundle[3] Brabham-Yamaha Desclassificado
DNPQ 34 Itália Nicola Larini Lambo-Lamborghini Não pré-qualificado
DNPQ 35 Bélgica Eric Van de Poele Lambo-Lamborghini Não pré-qualificado
DNPQ 31 Portugal Pedro Chaves Coloni-Ford Não pré-qualificado
DNPQ 14 França Olivier Grouillard Fondmetal-Ford Não pré-qualificado

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas.

Notas

  1. Voltas na liderança: Ayrton Senna liderou as 78 voltas da prova.

Referências

  1. «1991 Monaco Grand Prix - race result». Consultado em 29 de julho de 2019 
  2. Senna conquista sua 30ª vitória (online). Jornal do Brasil, Rio de Janeiro (RJ), 13/05/1991. Capa. Página visitada em 29 de julho de 2019.
  3. a b c d e f g «PIT STOP». Folha de S.Paulo. 12 de maio de 1991 
Precedido por
Grande Prêmio de San Marino de 1991
Campeonato mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 1991
Sucedido por
Grande Prêmio do Canadá de 1991
Precedido por
Grande Prêmio de Mônaco de 1990
Grande Prêmio de Mônaco
49ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio de Mônaco de 1992