Guarda do Infinito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde agosto de 2017). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Guarda do Infinito
Criado por Jim Starlin
Angel Medina
Primeira aparição "Warlock and the Infinity Watch" #1 (1992) nos EUA
Editora(s) Marvel Comics
Base de operações Ilha Monstro

Guarda do Infinito é um grupo de personagens fictícios do universo Marvel Comics. A Guarda apareceu pela primeira vez em "Warlock e Infinity Watch #1", e estrelou uma série até seu fim na edição #42. Os seis membros foram auto intitulados como os "Guardiões das Gemas do Infinito". A missão primordial da equipe era que cada membro protegesse/guardasse uma gema, a fim de evitar a união das joias e formar a Manopla do Infinito.

História[editar | editar código-fonte]

Quando Adam Warlock obteve a posse da poderosa "Manopla do Infinito" (que continha as seis Gemas do Infinito) de Thanos, ele foi ordenado pelo Tribunal Vivo a separar as gemas para que elas nunca mais fossem unidas novamente [1] . Warlock então formou a Guarda do Infinito, confiando a cada membro uma das Gemas do Infinito para proteger (mantendo a identidade do sexto membro em segredo até mesmo dos outros companheiros da Guarda do Infinito). Adam Warlock sob influência da Manopla, tomou essas decisões e mais tarde ele perguntou a si mesmo, se ele tinha feito as escolhas certas.

Inicialmente, Warlock não tinha a intenção de tornar a Guarda uma equipe, ele acreditava que as gemas estariam mais seguras se todas foram mantidas separadas. A equipe começou quando um velho inimigo de Adam, o Homem-Fera sequestrou quatro membros da futura Guarda do Infinito e tentou manipular suas gemas em uma tentativa de destruir Warlock . Depois do Homem-Fera ser derrotado, a Guarda do Infinito decidiu se unir como uma equipe heróica, com exceção de Thanos. No entanto o Titã foi submetidos a um período de humildade após o caso da "Manopla do Infinito", por isso ele não abusou de sua jóia e a manteve segura.

Warlock fez um acordo com o Toupeira para um castelo na Ilha Monstro como base da Guarda. Com a ajuda d'Os Vingadores, as Nações Unidas reconheceram a soberania da Ilha dos Monstros do Toupeira (depois de uma batalha sem fatalidade com a Guarda). A Guarda do Infinito passou a lidar com muitos outros inimigos, maioria deles interessados ​​no poder das Gemas. Também havia outros adversários que tinham interesses pessoais nos membros da Guarda do Infinito.

Certa vez um homem com amnésia apareceu e foi levado para a Ilha Monstro pela Guarda apesar dos avisos de Gamora. Gamora , segurando a Gema do Tempo, teve visões deste homem matando Adam Warlock.

A Guarda também se envolveu nos eventos Guerras Infinitas e as Cruzadas Infinitas, ambas decorrentes dos eventos da "Manopla do Infinito".

Um pouco mais tarde Gamora deixou a equipe após uma discussão com Adam Warlock . Maxam se tornou o novo Guardião da Gema do Tempo. Sob a influência telepática da Serpente da Lua, Maxam acreditou que ele tinha quebrado o pescoço de Warlock e voltou para o seu planeta de origem.

Enquanto isso, o ser conhecido como Rune rouba todas as Gemas do Infinito e as levou para o Ultraverso. Sem Gamora, Maxam e as gemas perdidas, a Guarda se desfez. Embora as jóias preciosas foram eventualmente recuperadas e voltaram ao Universo Marvel, a Guarda não foi totalmente restabelecido ainda, no entanto Adam Warlock, Gamora e Pip foram mostrados tentar derrotar o Campeão do planeta Skardon. Mulher-Hulk em foi recrutados e Drax retornou para ajudar nos esforços da equipe .

Membros[editar | editar código-fonte]

Referências