Haarlem

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Haarlem
—  Cidade e Município  —
Grote Kerk ("Grande Igreja") no Grote Markt, na praça central de Haarlem.
Grote Kerk ("Grande Igreja") no Grote Markt, na praça central de Haarlem.
Bandeira de Haarlem
Bandeira
Brasão de armas de Haarlem
Brasão de armas
Haarlem está localizado em: Países Baixos
Haarlem
Localização de Haarlem no Países Baixos.
Coordenadas 52° 22' 49" N 4° 38' 26" E
País  Países Baixos
Província Flag North-Holland, Netherlands.svgHolanda do Norte
População (Março de 2015)
 - Total 157 058 habitantes
Gentílico: Haarlemmer
Fuso horário +1 (UTC)
 - Horário de verão +2 (UTC)
Código postal 2000–2037, 2063
Código de área 023
Sítio www.haarlem.nl

Haarlem ou, na sua forma portuguesa, Harlemo (raramente usada)[1] é uma cidade neerlandesa, capital da província da Holanda do Norte, a qual foi em tempos uma das mais poderosas províncias da República Unida dos Países Baixos. A cidade é localizada nas margens do rio Spaarne, a cerca de 20 km oeste de Amesterdão e próximo das dunas costeiras. Durante séculos, tem sido o centro histórico da produção de bolbos de tulipas e, pela mesma razão, mantém o nome de ‘Bloemenstad’ (cidade das flores).

Desde aproximadamente 1630, Haarlem é o maior centro de comércio de tulipas, e foi o epicentro durante a época denominada por “mania das tulipas”, quando o preço pago pelos bolbos destas flores atingiu valores exorbitantes. Quando o canal Leiden-Haarlem abriu em 1656, tornou-se popular viajar entre Roterdão e Amesterdão através de barcos de passageiros em vez dos tradicionais coches. Haarlem era uma importante paragem para os passageiros entre a segunda metade do século XVII e em todo o século XVIII, até à construção da primeira linha de comboio, paralela às rotas dos canais. Tal como Haarlem se expandiu, também os seus largos campos de bolbos de tulipas e, ainda hoje, é possível admirá-los na extensão férrea que liga Leiden a Haarlem durante a primavera.

O lema de Haarlem é em latim Vicit vim virtus, que significa “A virtude conquista a força”.

A mais antiga menção de Haarlem remonta ao século X. O nome da cidade advém de "Haarlo-heim" ou "Harulahem", que significa ‘local, de areia coberto por árvores, mais elevado do que os outros’.

A cidade é famosa pelos seus muitos hofjes. Estas construções, geralmente rodeadas por largos jardins, consistiam na sua maioria em casa privadas fundadas para receber mulheres idosas e sozinhas. Actualmente ainda existem dezenove hofjes em Haarlem; muitos deles encontram-se abertos ao público aos fins-de-semana. A maioria dos hofjes permanece propriedade das fundações originais e mantém o mesmo princípio para o qual foram construídos: receber mulheres idosas.

Os principais pontos de atracção de Haarlem são:

  • O Grote Markt (praça central), conjuntamente com a Camâra Municipal, o Vleeshal, o Hoofdwacht e a Grote ou Sint-Bavokerk
  • A Catedral Sint-Bavo
  • O Teylersmuseum (o museu mais antigo dos Países Baixos)
  • O Museu Frans Hals
  • O moinho De Adriaan
  • A Porta da Cidade: o Amsterdamse Poort
  • A estação de comboio (art nouveau ferroviária) de Haarlem
  • O Teatro De Toneelschuur
  • O Corrie ten Boom Huis
  • A Villa Welgelegen
  • Os bairros De Bosch en Vaart
Prefeitura de Haarlem

Referências

  1. Fernandes, Ivo Xavier (1941). Topónimos e Gentílicos I (Porto: Editora Educação Nacional, Lda.). 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Haarlem