I Want It That Way

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"I Want It That Way"
Single de Backstreet Boys
do álbum Millennium
Lado B "My Heart Stays with You"
"I'll Be There for You"
Lançamento 12 de abril de 1999 (1999-04-12)
Brasil 27 de abril de 1999
Formato(s) CD single
Gravação Novembro de 1998
Estúdio(s) Cheiron Studios, Estocolmo, Suécia
Gênero(s) Pop
Duração 3:33
Gravadora(s) Jive
Composição
Produção
Cronologia de singles de Backstreet Boys
""All I Have to Give""
(1998)
""Larger than Life""
(1999)
Lista de faixas de Millennium
"Larger Than Life"
(1)
"Show Me the Meaning of Being Lonely"
(3)

"I Want It That way" é uma canção do grupo estadunidense Backstreet Boys, lançada em 12 de abril de 1999, como o primeiro single de seu terceiro álbum de estúdio Millennium (1999). É composta por Max Martin e Andreas Carlsson, e produzida pelo primeiro juntamente com Kristian Lundin. "I Want It That Way" é uma canção pop com elementos de balada, que descreve liricamente sobre um relacionamento tenso por questões relacionadas a uma distância física e/ou emocional.

"I Want It That Way" recebeu análises predominantemente positivas dos críticos de música, com grande parte deles, elogiando seu sentimento cativante, além disso, a mesma foi considerada a balada pop do ano. A canção foi indicada a três prêmios no Grammy Awards, incluindo de Song of the Year e Record of the Year, além de ser incluída em listas realizadas pela Blender, MTV, Rolling Stone e VH1. Considerada sua canção de assinatura, a mesma obteve êxito comercial alcançando a primeira posição nas paradas musicais de mais de 25 países. Nos Estados unidos, atingiu seu pico de número seis na Billboard Hot 100 durante oito semanas não consecutivas, enquanto liderou as paradas Adult Contemporary e Top 40 Mainstream.

Seu vídeo musical correspondente foi dirigido por Wayne Isham, e apresenta o grupo interagindo com seus fãs e em cenas executando coreografia. O vídeo foi parodiado diversas vezes por artistas que incluem Blink 182, Big Time Rush e The Wanted. A produção recebeu quatro indicações ao MTV Video Music Awards em 2000, vencendo a categoria Viewer's Choice. A canção recebeu ainda diversas regravações e foi parodiada por uma série de artistas, incluindo outros grupos masculinos como JLS e One Direction.

Antecedentes e gravação[editar | editar código-fonte]

Após o êxito de seu dois primeiros álbuns de estúdio, Backstreet Boys (1996) e Backstreet's Back (1997), o grupo iniciou as gravações de seu terceiro álbum durante o ano de 1998 que se estendeu até 1999. Em novembro de 1998, os membros do Backstreet Boys foram a cidade de Estocolmo na Suécia a fim de realizar uma sessão de gravação de duas semanas. Lá foram apresentados a versão demo de "I Want It That Way", que consistia apenas de seu refrão principal. Os vocais para a canção foram feitos em dois dias e grupo deixou a Suécia em 16 de novembro.

A fim de seguir a fórmula similar de seus dois álbuns anteriores, onde seus respectivos singles principais, foram de canções animadas, a canção "Larger Than Life", foi produzida originalmente para tornar-se o single principal do álbum. Entretanto, após o grupo ouvir a versão final de "I Want It That Way", o quinteto decidiu seguir em uma direção mais madura com uma faixa de tempo mediano, e dessa forma, decidiu utilizar-la como seu single principal. Os executivos da Zomba Recording, tiveram de ser convencidos a aprovar a canção como seu primeiro single, pois segundo eles, os fãs poderiam "ser alienados" com uma faixa de tempo mediano com um significado lirico vago. Em março de 1999, informações de imprensa em forma de trechos da canção, foram autorizados a serem lançados as rádios, como forma de preceder o lançamento de "I Want It That Way" no mês seguinte.

Composição[editar | editar código-fonte]

Composta por Andreas Carlsson e Max Martin, e produzida por Martin e Kristian Lundin, "I Want It That Way" possui um ritmo moderado de 100 batidas por minuto. É escrita na tonalidade de Lá maior e em aproximadamente dois minutos e 25 segundos, se modula para Si maior. Os vocais do quinteto vão de E4 a B5.[1] A canção é uma balada pop de tempo mediano, onde o grupo utiliza-se de expressões de afeto romântico como seu tema lirico.[2] O riff arpejo de violão acústico, que forma a introdução da canção e se reitera ao longo de seus versos, foi produzida no fim das sessões de gravação e segundo Carlsson, foi inspirado no single "Nothing Else Matters" da banda Metallica.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

"I Want It That Way" recebeu análises positivadas da maioria dos críticos de música. Stephen Thomas Erlewine do website AllMusic escolheu a canção como um dos destaques do álbum Millennium, chamando-a de uma "música contagiante que será suficiente para satisfazer qualquer um que anseie por mais e mais".[3] Enquanto revisava sua compilação, The Hits: Chapter One (2001), Erlewine assegurou que a canção "transcendia sua era", chamando-a de "adorável música pop".[4] Jim Farber, da revista Entertainment Weekly, escreveu que a faixa "é a balada chiclete do ano. É tão agradável que não importa que as vozes do grupo sejam o equivalente sonoro a um leite quente".[5]

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

"I Want It That Way" tornou-se uma das canções de assinatura do Backstreet Boys e uma das canções mais elogiadas do grupo. A Rolling Stone listou o grupo em número um em sua pesquisa sobre as melhores boy bands de todos os tempos, destacando que "o quinteto teve diversos sucessos, mas seu grande sucesso de 1999, 'I Want It That Way', transcende ao gênero do clássico".[6] Enquanto classificou as dez maiores boy bands dos anos de 1987 a 2012, a Billboard posicionou o grupo em número dois, considerando que "eles conquistaram seis Hot 100, com canções adoráveis no topo como 'I Want It That Way' e 'Quit Playing Games (with My Heart)'.[7] Adicionalmente, "I Want It That Way" atingiu a segunda colocação da lista da revista Complex referente as trinta melhores canções de boy bands.

A canção também foi listada no topo de diversas listas relacionadas as melhores canções do grupo. Bill Lamb, da About.com, classificou "I Want that Way" no topo de sua lista, dizendo que "mesmo que os detratores do Backstreet Boys às vezes admitam que esse single é uma linda balada pop. As habilidades de canto do quinteto muitas vezes os diferenciam dos pretendentes ao trono de boy band".[8] Emily Exton, do canal VH1, escolheu-a como a melhor canção do Backstreet Boys, escrevendo que "não são necessárias semanas de telefonemas para Carson Daly para saber que esse grande sucesso de 1999 é a balada pop moderna por excelência, impulsionando o gênero e o estado da boyband no século 21".[9] Danielle Sweeney do TheCelebrityCafe.com também listou "I Want It That Way" em número um, chamando-a de "possivelmente a maior música pop de todos os tempos. Se não, é pelo menos é a melhor música do BSB de todos os tempos".[10] A canção se classificou em décimo lugar, em uma lista elaborada pela MTV e a Rolling Stone, referente as cem melhores canções pop de todos os tempos em 2000.[11] O VH1 a listou em número três em sua lista sobre as cem melhores canções dos anos 90[12] e em 2003, a posicionou no número 61, na lista sobre as cem melhores canções dos últimos 25 anos.[13] A revista Blender a inseriu na posição de número dezesseis em sua lista sobre as quinhentas melhores canções desde que o público nasceu[14] e em 2017, Dave Fawbert, da revista britânica ShortList, a classificou como contendo uma das maiores mudanças na história da música.[15]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

"I Want It That Way" recebeu três indicações ao Grammy Awards de 2000, que incluíram Best Pop Performance by a Duo or Group with Vocals, perdendo para "Maria Maria", de Santana com The Product G&B, além de Record of the Year e Song of the Year, perdendo ambos para "Smooth", também de Santana com Rob Thomas.[16] A canção foi votada como o melhor single de uma boyband dos últimos quinze anos em 2013 pelo Amazepop, superando canções de grupos como "Keep On Movin'" do Five e "Flying Without Wings" do Westlife.[17]

Ano Premiação Categoria Resultado
1999 ALMA Awards The Ten Outstanding Music Video Performers Venceu
BMI Pop Awards 50 Most Performed Songs Venceu
Mnet Korean Music Festival Best International Artist[18] Indicado
MTV Video Music Awards Video of the Year Indicado
Best Pop Video Indicado
Best Group Video Indicado
Viewer's Choice Venceu
MTV Europe Music Awards Best Song Indicado
MuchMusic Video Awards People's Choice Favorite International Group Venceu
2000 Grammy Awards Song of the Year Indicado
Record of the Year Indicado
Best Pop Performance by a Duo or Group with Vocals Indicado
2013 Amazepop[17] Best Boy-Band Single Venceu

Vídeo musical[editar | editar código-fonte]

O vídeo musical, dirigido por Wayne Isham, possui suas cenas principais gravadas no Aeroporto Internacional de Los Angeles, localizado na Califórnia. O mesmo possuí cenas do Backstreet Boys dentro do Terminal Internacional Tom Bradley, enquanto os membros do grupo, são vistos cantando e dançando nas cenas equivalentes ao refrão da canção. Durante o vídeo, o grupo é recebido por uma multidão de fãs que portam cartazes e flores, enquanto se prepara para embarcar em seu avião, um Boeing 727. Estas cenas juntamente com as que envolvem o referido avião, foram filmadas em um dos hangares do aeroporto.

O vídeo musical apresenta ainda transições de cenas com efeitos especiais. Incluindo um efeito de zoom de alta velocidade, que faz parecer que o primeiro plano não mudou para uma nova cena, enquanto o fundo aparece e desaparece em tons de branco, além de alternar entre diferentes velocidades de filmagem durante as cenas. Adicionalmente, cenas do grupo vestido de branco executando a coreografia da canção, foram em grande parte retiradas da produção final, embora ainda apareçam durante o segundo refrão, pois constatou-se que uma sequência de dança não se encaixaria com a canção. Após seu lançamento, o mesmo atingiu rápida popularidade. Ele foi parodiado posteriormente pela banda Blink-182 em seu vídeo musical para a canção "All the Small Things". Além disso, atingiu a posição de número 35 na lista dos cem melhores vídeos do canal de televisão canadense Muchmusic e se classificou em terceiro lugar na lista referente aos dez vídeos musicais mais icônicos de todos os tempos, realizado pelo programa TRL da MTV estadunidense.

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

CD single
N.º Título Duração
1. "I Want It That Way"   3:34
2. "My Heart Stays with You"   3:37
3. "I'll Be There for You"   4:43

Créditos e pessoal[editar | editar código-fonte]

Todo o processo de elaboração de "I Want It That Way" atribui os seguintes créditos:

  • Backstreet Boys – vocais
  • Max Martin & Kristian Lundin – produção e mixagem
  • Esbjörn Öhrwall – violão
  • Kyla Perlmutter – violão
  • Tomas Lindberg – baixo

Desempenho nas paradas musicais[editar | editar código-fonte]

Precessão e sucessão[editar | editar código-fonte]

Precedido por
"Swear It Again" por Westlife
Single número um na UK Singles Chart
9 – 15 de maio de 1999
Sucedido por
"You Needed Me" por Boyzone
Precedido por
"Look at Me" por Geri Halliwell
Single número um na Parada de Singles RIANZ
6 – 19 de junho de 1999
Sucedido por
"Livin' la Vida Loca" por Ricky Martin
Precedido por
"No Scrubs" por TLC

"Livin' la Vida Loca" por Ricky Martin

"Livin' la Vida Loca" por Ricky Martin
Single número um na United World Chart
12 de junho de 1999

26 de junho de 1999

10 de julho de 1999 - 17 de julho de 1999
Sucedido por
"Livin' la Vida Loca" por Ricky Martin

"Livin' la Vida Loca" por Ricky Martin

"Wild Wild West" por Will Smith

Referências

  1. Backstreet Boys. «Backstreet Boys - I Want It That Way Sheet Music (Digital Download)». Musicnotes.com. Consultado em 26 de julho de 2017 
  2. «Backstreet Boys - Millennium - Plugged In». Plugged In. Consultado em 28 de julho de 2014 
  3. Erlewine, Stephen Thomas. «Millennium: Backstreet Boys». AllMusic. All Media Network. Consultado em 27 de agosto de 2011 
  4. Thomas Erlewine, Stephen (23 de outubro de 2001). «The Hits – Chapter One - Backstret Boys - AllMusic». AllMusic. All Media Network. Consultado em 30 de janeiro de 2014 
  5. Farber, Jim (21 de maio de 1999). «Millennium Review». Entertainment Weekly. Consultado em 28 de junho de 2012 
  6. «Readers' Poll: The Best Boy Bands of All Time». Rolling Stone. Wenner Media. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  7. «10 Biggest Boy Bands (1987-2012)». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 31 de janeiro de 2014 
  8. Lamb, Bill. «Top 5 Backstreet Boys Singles». About.com. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  9. Exton, Emily (2 de agosto de 2013). «Everybody Groove To The Music: The 20 Best Backstreet Boys Songs». VH1. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  10. Sweeney, Danielle (20 de junho de 2013). «Top 10 Backstreet Boys Songs - TheCelebrityCafe.com». The Celebrity Cafe. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  11. «Rolling Stone & MTV: '100 Greatest Pop Songs': 1–50». Rock On the Net. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  12. Ali, Rahsheeda. «100 Greatest Songs Of the '90s». VH1. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  13. «VH1's '100 Greatest Songs of the Past 25 Years'». USA Today. 10 de junho de 2003. Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  14. Staff, Blender (1 de abril de 2009). «X and Y playlist: The 500 Greatest Songs Since You Were Born». Chicago Tribune. Tribune Company. Consultado em 20 de julho de 2009 
  15. «The 19 greatest key changes in music history». ShortList. 1 de outubro de 2017. Consultado em 13 de janeiro de 2018 
  16. «42nd Annual Grammy Awards - 2000». Rock On The Net. 23 de fevereiro de 2000. Consultado em 26 de julho de 2012 
  17. a b Watkins, Kieran (2 de maio de 2013). «Backstreet Boys' 'I Want It That Way' voted best boyband single». Digital Spy. Consultado em 5 de fevereiro de 2014 
  18. "1999 Video Music Award part 1". MAMA. Retrieved 2014-06-23.
  19. «Images for Backstreet Boys - I Want It That Way». Discogs.com. Consultado em 26 de julho de 2012 
  20. «Australian-charts.com – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em inglês). ARIA Top 50 Singles. Hung Medien. Consultado em November 14, 2013.
  21. «Backstreet Boys – I Want It That Way Austriancharts.at» (em alemão). Ö3 Austria Top 40. Hung Medien. Consultado em November 14, 2013.
  22. «Ultratop.be – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em neerlandês). Ultratop 50. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em March 30, 2018.
  23. «Ultratop.be – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em francês). Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em November 16, 2013.
  24. «"Top RPM Singles: Issue 8387». Biblioteca e Arquivos do Canadá. Consultado em 2 de junho de 2017 
  25. a b «Millennium - Backstreet Boys - Awards - Allmusic». Allmusic. Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  26. a b «Billboard - Google Books». Google Books. Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  27. «Backstreet Boys: I Want It That Way» (em finlandês). Musiikkituottajat Consultado em November 8, 2013.
  28. «Lescharts.com – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em francês). Les classement single. Hung Medien. Consultado em November 8, 2013.
  29. «Die ganze Musik im Internet: Charts, News, Neuerscheinungen, Tickets, Genres, Genresuche, Genrelexikon, Künstler-Suche, Musik-Suche, Track-Suche, Ticket-Suche – musicline.de» (em alemão). Media Control Charts. PhonoNet GmbH. Consultado em November 8, 2013.
  30. «The Irish Charts – Search Results – I Want It That Way» (em inglês). Irish Singles Chart. Consultado em July 2, 2018.
  31. «Indice per Interprete: B». Hit Parade Italia (em Italian). Consultado em 2 de julho de 2018 
  32. «Nederlandse Top 40 – week 19, 1999» (em neerlandês). Dutch Top 40 Stichting Nederlandse Top 40. Consultado em July 2, 2018.
  33. «Dutchcharts.nl – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em neerlandês). Mega Single Top 100. Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em November 8, 2013.
  34. «Charts.org.nz – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em inglês). Top 40 Singles. Hung Medien. Consultado em November 8, 2013.
  35. «Norwegiancharts.com – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em inglês). VG-lista. Hung Medien. Consultado em November 8, 2013.
  36. «Archive Chart» (em inglês). Scottish Singles Top 40. Consultado em July 2, 2018.
  37. «Spanishcharts.com – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em inglês). Canciones Top 50. Hung Medien. Consultado em November 8, 2013.
  38. «Swedishcharts.com – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em inglês). Singles Top 60. Hung Medien. Consultado em November 8, 2013.
  39. «Backstreet Boys – I Want It That Way swisscharts.com» (em inglês). Swiss Singles Chart. Hung Medien. Consultado em November 8, 2013.
  40. «Chart Stats – Backstreet Boys – I Want It That Way» (em inglês). UK Singles Chart. Consultado em April 23, 2017.
  41. «Backstreet Boys Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot 100 para Backstreet Boys. Consultado em April 23, 2017.
  42. «Backstreet Boys Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Adult Contemporary Songs para Backstreet Boys. Consultado em April 23, 2017.
  43. «Backstreet Boys Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Adult Pop Songs para Backstreet Boys. Consultado em April 24, 2017.
  44. «Backstreet Boys Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Pop Songs para Backstreet Boys. Consultado em April 23, 2017.
  45. «Backstreet Boys – Chart history (Mainstream Top 40 Recurrents)». Billboard. Consultado em 30 de maio de 2017 
  46. «Backstreet Boys Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Rhythmic Songs para Backstreet Boys. Consultado em April 24, 2017.
  47. «ARIA Charts - End Of Year Charts - Top 100 Singles 1999». ARIA Charts. Consultado em 4 de fevereiro de 2014. Arquivado do original em 12 de março de 2012 
  48. «Jahreshitparade 1999 - austriancharts.at» (em German). Ö3 Austria Top 40. Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  49. «1999 Belgian (Flanders) Singles Chart». Ultratop. Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  50. «1999 Belgian (Wallonia) Singles Chart». Ultratop. Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  51. «Top Singles - Volume 70, No. 8, December 13, 1999». RPM. Consultado em 3 de novembro de 2010 
  52. «JAAROVERZICHTEN - SINGLE 1999». Dutch Top 40. Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  53. «Top 100 Single-Jahrescharts» (em German). GfK Entertainment. Consultado em 21 de abril de 2018 
  54. «1999 Italian Singles Chart» (em Italian). Hitparadeitalia.it. Consultado em 29 de junho de 2011 
  55. «End of Year Charts 1999». Recorded Music NZ. Consultado em 4 de dezembro de 2017 
  56. «SCHWEIZER JAHRESHITPARADE 1999». Consultado em 4 de fevereiro de 2014 
  57. «Billboard Top 100 - 1999». Consultado em 28 de agosto de 2010. Arquivado do original em 9 de julho de 2009 
  58. «ARIA Charts - Accreditations - 1999 Singles». ARIA Charts. Consultado em 28 de setembro de 2014 
  59. «Ultratop 50 Albums Wallonie 1999». Ultratop. Consultado em 5 de janeiro de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]