International Soccer League

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
International Soccer League
American Challenge Cup
Dados gerais
Organização ISL, filiada à USSFA, com permissão da FIFA
Edições 6
Local de disputa Estados Unidos Estados Unidos
Sistema Grupos e Eliminatórias
editar

A International Soccer League foi uma competição de futebol realizada na cidade americana de Nova York.[1] Segundo o jornal norte-americano The New York Times e o brasileiro O Estado de S. Paulo, ambos de 24 de maio de 1961, a competição tinha a autorização da FIFA.[2][3] Essa autorização foi ratificada por Stanley Rous[3], então presidente da Associação Inglesa de Futebol, secretário-geral e vice-presidente da FIFA, e que partir de 1962, até 1974, seria presidente da FIFA, ele que em 1950, como secretário-geral da FIFA, propôs à CBD a criação da Copa Rio Internacional, atuou no Comitê Organizador da Copa Rio em 1951, e em 1967 e 1970, como presidente da FIFA, propôs a criação da Copa do Mundo de Clubes da FIFA.[4] A própria FIFA cita a International Soccer League em seu site oficial.[5]

O futebol nos EUA é gerido pela United States Soccer Football Association (USSFA). Como membro da FIFA, o USSFA tinha em suas mãos o domínio do futebol no país, autorizando a International Soccer League (ISL) a se tornar uma liga associada reconhecida pela Fédération Internationale de Football Association (FIFA). [6][7][8]

Matéria na página 18 da edição de 15 de janeiro de 1960 do jornal O Estado de S. Paulo chama a competição de Campeonato Mundial de Clubes[9]

International Soccer League I (1960-1961)[editar | editar código-fonte]

Entre 1960 e 1961, o campeão ganhava a American Challenge Cup, as equipes que ganharam esse troféu diretamente foram Bangu em 1960 e o Dukla Praga em 1961.

International Soccer League II (1962-1965)[editar | editar código-fonte]

Entre 1962 e 1965, o campeão da International Soccer League tinha de disputar 2 partidas contra o campeão anterior para ganhar a American Challenge Cup.

Escolha das equipes participantes[editar | editar código-fonte]

A escolha das equipes se deu por suas colocações em torneios nacionais (ou regionais). Eram convidadas as equipes campeãs dos principais torneios de cada país pelo mundo, porem algumas não aceitavam por força de calendário, sendo assim o convite se estendia ao vice-campeão, este não aceitando, se estendia ao 3° colocado e assim sucessivamente.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG Part.
Grécia AEK Atenas 1 6 0 1 5 3 12 -9 1
Brasil America 12 7 5 2 0 14 9 +5 1
Brasil Bahia 2 6 0 2 4 5 12 -7 1
Brasil Bangu 20 12 9 2 2 34 11 +23 2
Alemanha Bayern München 3 5 1 1 3 7 10 -3 1
Portugal Belenenses 19 13 5 4 4 22 17 +5 2
Turquia Besiktas 4 7 1 2 4 8 19 -11 1
Inglaterra Blackburn Rovers 3 6 1 1 4 7 11 -4 1
Inglaterra Burnley 7 5 3 1 1 16 7 +9 1
Roménia Dinamo București 5 7 1 3 3 8 14 -6 1
Jugoslávia Dinamo Zagreb 7 6 3 1 2 14 11 +3 1
México Deportivo Oro 4 6 1 2 3 13 18 -5 1
Tchecoslováquia Dukla Praga 24 15 10 4 1 53 15 +38 5
Escócia Dundee 4 5 1 2 2 9 11 +2 1
Suécia Elfsborg 3 5 0 3 2 12 16 -4 1
Espanha Espanyol 7 7 3 1 3 15 19 -4 1
Inglaterra Everton 12 9 6 0 3 24 14 +10 1
Hungria Ferencvaros 8 6 3 2 1 10 6 +4 1
Irlanda do Norte Glenavon 2 5 1 0 4 9 15 -6 1
Polónia Górnik Zabrze 10 8 4 2 2 18 8 +10 1
México Guadalajara 4 5 1 2 2 7 7 0 1
Jugoslávia Hajduk Split 3 5 1 3 1 8 10 -2 1
Suécia Helsingborgs 3 6 1 1 4 10 14 -4 1
Escócia Heart of Midlothian 9 6 4 1 1 7 5 +2 1
Alemanha Karlsruher 7 7 3 1 3 16 17 -1 1
Escócia Kilmarnock 25 25 9 7 9 45 42 +3 4
Itália Lanerossi Vicenza 6 6 2 2 2 12 11 +1 1
Israel Maccabi Petach Tikva 2 7 0 2 5 6 31 -25 1
Itália Mantova 7 6 3 1 2 15 10 +5 1
Mónaco Monaco 8 7 4 0 3 18 13 +5 1
Canadá Montreal Concordia 15 14 5 5 4 24 21 +3 1
Hungria MTK Budapest 4 5 1 2 2 10 12 -2 1
Estados Unidos New York Americans 21 20 9 3 7 33 44 -11 3
França Nice 5 5 1 3 1 7 10 -3 1
Suécia Norrköping 3 5 1 1 3 10 15 -5 1
Itália Palermo 4 5 1 2 2 7 8 -1 1
Grécia Panathinaikos 5 5 1 3 1 9 12 -3 1
Polónia Polonia Bytom 19 10 6 4 0 21 6 +15 1
Brasil Portuguesa 8 6 4 0 2 18 11 +7 1
Alemanha Preußen Münster 6 6 3 0 3 13 16 -3 1
Áustria Rapid Wien 5 11 2 1 8 19 32 -13 2
Espanha Real Oviedo 3 5 0 3 2 7 10 -3 1
Espanha Real Valladolid 5 6 2 1 3 9 15 -6 1
Alemanha Reutlingen 7 5 3 1 1 6 1 +5 1
Brasil Sport Recife 6 6 2 2 2 13 13 0 1
Jugoslávia Crvena Zvezda 21 18 8 5 5 49 34 +15 3
Itália Sampdoria 5 5 2 1 2 12 14 -2 1
Áustria SV Schwechater 7 6 2 3 1 11 10 +1 1
República da Irlanda Shamrock Rovers 4 7 1 2 4 12 26 -14 1
Portugal Sporting 4 4 2 0 2 6 11 -5 1
Alemanha 1860 München 4 6 2 0 4 8 13 -5 1
Hungria Újpest Dosza 7 6 3 0 3 10 10 0 1
França Valenciennes 4 6 2 0 4 8 13 -5 1
Itália Varese 6 6 2 2 2 11 9 +2 1
Portugal Vitória de Guimarães 5 6 1 3 2 5 6 -1 1
Áustria Wiener 13 11 5 3 3 23 30 -7 2
Alemanha Werder Bremen 10 8 4 2 2 18 15 +3 1
Inglaterra West Bromwich Albion 4 6 1 1 4 6 13 +7 1
Inglaterra West Ham United 15 16 5 5 6 26 29 -3 2
Polónia Zagłębie Sosnowiec 15 10 6 3 1 23 11 +12 1
  • Em verde são os clubes que conquistaram a International Soccer League
  • em negrito os clubes que ganharam a American Challenge Cup

Campeões[editar | editar código-fonte]

Lista de Campeões.
Ano Campeão Placar Vice Número de Participantes
1960
Brasil Bangu (1) (2) 2 - 0 Escócia Kilmarnock 12
1961
República Checa Dukla Praga (1) (2) 7 - 2
2 - 0
Inglaterra Everton 15
1962
República Checa Dukla Praga (3) 1 - 1
2 - 1
Brasil America (1) 12
1963
República Checa Dukla Praga (3) 1 - 0
1 - 1
Inglaterra West Ham (1) 14
1964
República Checa Dukla Praga (3) 3 - 1
1 - 1
Polónia Zagłębie Sosnowiec (1) 10
1965
Polónia Polonia Bytom (1) (3) 2 - 0
1 - 1
República Checa Dukla Praga 10

(1) Campeão da International Soccer League

(2) Campeão da American Challenge Cup diretamente

(3) Campeão da American Challenge Cup em 2 partidas

Melhor jogador da Liga [10][editar | editar código-fonte]

Referências