Jeanne d'Arc

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Joana d'Arc (desambiguação).
Jeanne d'Arc
Joana d'Arc (PT)
Joana d'Arc de Luc Besson (BR)
França, Rep. Tcheca
1999 •  cor •  155 min 
Direção Luc Besson
Roteiro Luc Besson / Andrew Birkin
Elenco Milla Jovovich
Dustin Hoffman
Faye Dunaway
John Malkovich
Género drama biográfico
Música Éric Serra
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Jeanne d'Arc (Joana d'Arc de Luc Besson (título no Brasil) ou Joana d'Arc (título em Portugal)) é um filme tcheco-francês de 1999, do gênero drama biográfico, dirigido por Luc Besson.

O filme foi produzido pela Gaumont e distribuído pela Columbia Pictures e pela Sony Pictures Entertainment. Foi produzido por Patrice Ledoux e a trilha sonora é de Éric Serra.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em 1412, nasce em Domrémy, na França, uma menina chamada Joana. Ainda jovem, ela desenvolve uma tão intensa e fora do comum que fazia se confessar várias vezes por dia.

Eram tempos muito difíceis, pois a Guerra dos Cem Anos com a inimiga de sempre Inglaterra prolongava-se desde 1337. Em 1420, Henrique V e Carlos VI de França assinam o Tratado de Troyes, declarando que após a morte do rei, a França pertencerá a Inglaterra. Todavia, ambos os reis morrem e Henrique VI é o novo rei dos dois países rivais, mas tem poucos meses de idade e Carlos, o delfim de França, não deseja entregar de mãos beijadas o seu reino a uma criança.

Desta forma, os ingleses invadem o país e ocupam Compiègne, Reims e Paris, com o rio Loire conseguindo deter o avanço dos invasores. Carlos foge para Chinon, mas ele quer é ir para Reims, onde por tradição os soberanos franceses são coroados, mas como os ingleses dominam toda a região envolvente, isto torna-se um problema grave para ser contornado. Até que aparece Joana que, além de se auto-intitular a "Donzela de Lorraine" tinha uma determinação e fé inabalável e dizia que estava numa missão divina para libertar a França da opressão dos ingleses.

Desesperado por uma solução, o delfim finalmente aceita lhe dar um exército, com o qual ela consegue recuperar a cidade de Reims, onde o delfim é coroado rei, Carlos VII de França. Mas se finalmente para ele os problemas tinham acabado, para Joana seria o início do fim.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Contexto histórico[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Guerra dos Cem Anos
Ver artigo principal: Joana d'Arc

Joana d'Arc é contemporânea da Guerra dos Cem Anos, longa disputa entre Inglaterra e França. Heroína dessa guerra, foi presa pelos borguinhões e condenada à fogueira por prática de bruxaria. Contudo, cinco séculos depois, o processo que a condenou foi invalidado e ela foi canonizada como santa pelo Papa Bento XV.

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio César 2000 (França)

  • Venceu nas categorias de melhor figurino e melhor som.
  • Indicado nas categorias de melhor filme, melhor diretor, melhor desenho de produção, melhor canção, melhor edição e melhor fotografia.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]