Jogos Pan-Americanos de 1951

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Jogos Pan-americanos de 1951)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
I Jogos Pan-Americanos
Buenos Aires 1951
Jogos Pan-Americanos de 1951.jpg
Dados
Países participantes 21
País anfitrião  Argentina
Atletas 2 513
Eventos 20 modalidades
Cerimônia de abertura 25 de fevereiro
Cerimônia de encerramento 9 de março
Estádio principal Estádio Monumental de Núñez
◄◄ Não houve {{{evento}}} México Cidade do México 1955 ►►

Os Jogos Pan-Americanos de 1951 foram a primeira edição do evento multiesportivo, realizado na cidade de Buenos Aires, na Argentina, entre os dias 25 de fevereiro e 9 de março. Durante os treze dias de competições, participaram 2 513 atletas de 21 países.[1]

Organização[editar | editar código-fonte]

Locais de competição[editar | editar código-fonte]

O estádio do Racing Club (Estádio Presidente Perón) acolheu as disputas do futebol, enquanto o do River Plate (Estádio Monumental de Núñez) sediou as provas do atletismo. As partidas de tênis ocorreram nas quadras do Buenos Aires Lawn Tennis Club. Já a esgrima foi disputada na sede do Club de Gimnasia y Esgrima.

Nas piscinas do Instituto de Investigaciones Técnicas del Ministerio de Obras Publicas, ocorreram as provas da natação[2] e do polo aquático, enquanto as dos saltos ornamentais foram disputadas nas piscinas do Club Obras Sanitarias. O ginásio Luna Park foi o local escolhido para as disputas de boxe e basquetebol. O Velódromo Municipal do Parque Tres de Febrero sediou as provas de ciclismo, enquanto o Teatro Casino foi o palco dos eventos de levantamento de peso.

A Pista Nacional de Tigre foi palco para as disputas de remo. Nas águas do Rio da Prata, em frente à Dársena Norte e ao Porto de Olivos, ocorreu a disputa na vela. As competições de tiro esportivo e as provas de tiro do pentatlo moderno foram realizadas no Tiro Federal Argentino. O hipismo teve, como palco, o Club Hípico Argentino.

As partidas de polo, esporte que pela primeira e única vez integrou uma edição dos Jogos Pan-Americanos, foram realizadas no Campo Argentino de Polo.

Vila Pan-Americana[editar | editar código-fonte]

O Colegio Militar de la Nación, situado em El Palomar (a aproximadamente 22 km de Buenos Aires), converteu-se em vila pan-americana para os desportistas masculinos, enquanto que as participantes femininas foram alojadas em três sedes distintas: o Hogar de la Empleada General San Martín ("Casa General San Martín para as Mulheres Empregadas") e outras duas casas de passagem situadas na capital argentina, que pertenciam à Fundação Eva Perón.

A delegação da Argentina ficou alojada em local separado, na cidade de Ezeiza, com exceção à seleção de basquete, que se instalou no Centro de Educação Física de San Fernando.

Cerimônias[editar | editar código-fonte]

Cerimônia de abertura[editar | editar código-fonte]

A cerimônia de abertura dos primeiros Jogos Pan-Americanos ocorreu no dia 25 de fevereiro de 1951, no Estádio Presidente Perón. Teve início com o hasteamento das 21 delegações participantes, que totalizavam 2.513 atletas. Em seguida, desfilaram sob a execução de uma banda militar composta por 800 músicos. A delegação brasileira, composta por 179 atletas, foi a primeira a desfilar, seguindo-se por ordem alfabética e encerrando pela anfitriã Argentina. O porta-bandeira da delegação argentina foi o maratonista Delfo Cabrera, medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres em 1948.

Após o desfile, discursou o presidente do Comitê Olímpico Argentino, Rodolfo Guillermo Valenzuela, que cedeu a palavra ao presidente do Comitê Permanente dos Jogos Pan-americanos, o norte-americano Avery Brundage.

O jogador de basquete argentino Oscar Furlong realizou o içamento da bandeira olímpica e o presidente Juan Domingo Perón declarou inaugurados os primeiros Jogos Pan-americanos. Pouco depois, conduzindo a tocha pan-americana (que havia partido de Olímpia, na Grécia), o atleta grego Aristeidis Roubanis acendeu a primeira pira da história dos Pan-americanos. Outro atleta grego, John Sossidis, havia entregue um ramo de oliva a Perón.

Cerimônia de encerramento[editar | editar código-fonte]

A cerimônia de encerramento dos Jogos Pan-Americanos de 1951 ocorreu no dia 9 de março, no Estádio Monumental de Núñez.[3] Contou com a presença do presidente Juan Domingo Perón, que, após o desfile das delegações, colocou uma faixa com as cores da Argentina na bandeira de cada uma delas.

Em seguida, após o discurso do norte-american o Avery Brundage, houve o arriamento simultâneo de todas as bandeiras do estádio.

Países participantes[editar | editar código-fonte]

21 países participaram do evento:[1]

Lista de países participantes

Modalidades[editar | editar código-fonte]

Foi a única edição dos Jogos Pan-americanos em que a modalidade do polo foi realizada. No total, ocorreram 140 eventos de 20 esportes, sendo 117 eventos masculinos (em todos os esportes), 22 femininos (atletismo, esgrima, natação, saltos ornamentais e tênis) e um misto (tênis).

Na lista abaixo, o número de eventos de cada esporte está entre parêntesis:

Quadro de medalhas[editar | editar código-fonte]

     País sede destacado.

 Ordem  País[1] Gold medal america.svg Silver medal america.svg Bronze medal (Americas).svg America medals icons.svg
1 ArgentinaARG Argentina 68 44 38 150
2 Estados UnidosUSA Estados Unidos 44 33 18 95
3 ChileCHI Chile 9 20 12 41
4 CubaCUB Cuba 9 9 10 28
5 BrasilBRA Brasil 5 15 12 32

Referências

  1. a b c «Buenos Aires 1951». QuadrodeMedalhas.com. Consultado em 26 de novembro de 2009 
  2. La Voz (11 de julho de 2003). «En busca del oro perdido». Consultado em 17 de setembro de 2019 
  3. Gaceta Deportiva (2 de março de 2016). «Política y deporte, un solo corazón». Consultado em 16 de dezembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]