Legendários

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Legendários
Logotipo do programa
Informação geral
Formato Programa de auditório
Gênero Humor
Duração 150 min (22h45 - 1h15)
Criador(es) Marcos Mion
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Fernando Soares Pereira
Luiz Fernando Teixeira
Pedro Tourinho
Carlos César Filho (2010 - 2013)
Apresentador(es) Marcos Mion
Narrador(es) Marcos Mion
Elenco Marcos Mion
Mionzinho
Juju Salimeni
(ver mais detalhes)
Tema de abertura Instrumental - Charlie Brown Jr.[1]
Localização São Paulo, SP
Exibição
Emissora de televisão original RecordTV
Formato de exibição 480i (SDTV)
1080i (HDTV)
Transmissão original 10 de abril de 2010
- presente
N.º de temporadas 4 (presente)
Cronologia
Programas relacionados Hermes e Renato

Legendários é um programa de televisão brasileiro da RecordTV apresentado por Marcos Mion[2] e exibido nas sextas-feiras à noite. Estreou em 10 de abril de 2010. Inicialmente, o programa abordava temas como ecologia, política e variedades,[3] mas com o passar do tempo a atração tornou-se um programa de auditório. A partir de 9 de fevereiro de 2013 o programa passou a ser transmitido em HD.[4] A partir de 10 de março de 2017, o programa passa a ser exibido às sextas-feiras.

Seu elenco, na estreia foi quase na totalidade vindo da MTV.[5][6]

Formato[editar | editar código-fonte]

Voltado para trazer diversão para as noites de sábado, o programa idealizado e apresentado por Marcos Mion traz em seu DNA a busca pelo entretenimento de qualidade, pelo humor criativo e do bem, passando longe da humilhação, do preconceito e da falta de escrúpulos, muitas vezes vista na TV atual.  Seu talentoso time de repórteres e apresentadores esbanja atitude e irreverência, provocando questionamentos relevantes para a nossa sociedade ou simplesmente oferecendo bons momentos de descontração e entretenimento.

Outro grande diferencial do Legendários é a interação com o telespectador e internautas, que podem acompanhar o programa e participar pela internet através do Legendários na Web, outra atração com conteúdo exclusivo para a internet, destinado a quem quer ter uma “experiência completa”. Moderno e inovador, o Legendários prova que é possível falar de coisa séria com humor e fazer humor com muita seriedade.[7]

História[editar | editar código-fonte]

1ª Fase (2010)[editar | editar código-fonte]

O repórter João Gordo que integrou o programa de 2010 à 2012.

O programa estreou em 10 de abril de 2010. Originalmente a atração iniciou com a apresentação de Marcos Mion, com o elenco composto por Mionzinho, Léo Lins, Felipe Solari, Elcio Coronato, João Gordo, Gui Pádua, Jaqueline Khury, Marcelo Marrom, Miá Mello, os integrantes do grupo Hermes e Renato e a narração de Alexandre Frota.

No dia 26 de maio de 2010, o humorista Marcelo Marrom foi preso em Brasília gravando uma matéria para o programa.

O grupo Hermes e Renato teve que escolher um novo nome, pois a MTV Brasil, antiga emissora do grupo que tinha os direitos autorais do nome do grupo não liberou. O concurso foi feito através do site do Legendários e foi escolhido Banana Mecânica.

Ao longo do programa, alguns ajustes foram feitos devido aos baixos índices de audiência e, em 9 de julho de 2010, a Record informou através de uma nota a imprensa a saída dos integrantes Gui Pádua, Jaqueline Khury e Marcelo Marrom. O apresentador alegou que a saída dos integrantes foi devido ao curto tempo do programa, onde não daria para apresentar o quadro de todos os integrantes.

No dia 14 de agosto de 2010, o programa ganhou mais tempo no ar com a saída do Show do Tom, aos sábados.

João Gordo ganhou um reality dentro do programa. Devido a alguns problemas de saúde, o apresentador teve que se internar em um SPA por algumas semanas e seus dias nos SPA se transformaram em um reality, chamado João VS Gordo.

No dia 4 de setembro de 2010, a Record decidiu colocar Carlos César Filho Rodrigues como diretor do programa ao lado de Marcos Mion que comandava e dirigia a atração. Devido aos baixos índices, o ex-diretor do Tudo É Possível, conhecido como "Cézinha" assume o Legendários.

No dia 25 de dezembro de 2010, com a exibição do especial de Natal, termina a primeira temporada da atração, o elenco entra em férias e volta em 5 de fevereiro de 2011.

2ª Fase (2011)[editar | editar código-fonte]

Em 2011, o comediante e redator Léo Lins deixa o programa para integrar o elenco do talk show late night Agora é Tarde, da Rede Bandeirantes.

No final de outubro de 2011 o comediante e redator Mauricio Meireles deixa o programa para integrar o elenco do programa Custe o Que Custar da Rede Bandeirantes.[8]

No dia 5 de novembro de 2011 a campeã da quarta temporada de A Fazenda Joana Machado, entra para o elenco do programa.

No dia 19 de novembro de 2011 sai a humorísta Miá Mello e entra a ex-panicat Juliana Salimeni como repórter.[9]

3ª Fase (2012)[editar | editar código-fonte]

De volta ao ar no dia 11 de fevereiro, o programa Legendários estreou novo cenário e novos quadros. A temporada 2012 do programa “Legendários” contou com a estreia do quadro “Juju é Treta!”. A ideia do programa era levar Juju Salimeni para lugares bem diferentes para reportagens de comportamento e turismo cheias de humor.

Em 22 de novembro de 2012 foi anunciada a saída de João Gordo,[10] que na época, continuou contratado da Record e esteve à frente do programa Ídolos Kids como jurado.

4ª Fase (2013-2016)[editar | editar código-fonte]

Entre as novidades da temporada, estão o novo cenário e, também, a transmissão do programa em alta definição. Além disso, o humorístico deixou de ser exibido ao vivo – o motivo seria facilitar a agenda dos artistas que, quando convidados, sempre estão com outro compromisso aos sábados à noite.

O elenco do programa também sofreu com as baixas de Joana Machado, Elcio Coronato, Felipe Solari e do grupo Banana Mecânica, que após 3 anos de programa, decidiram voltar para a MTV. Com isso, o grupo voltou a usar o nome Hermes e Renato e os antigos personagens que os consagraram. Apesar da saída do grupo, o humorista Felipe Torres continuou por pouco tempo fazendo parte do programa e de ambas as emissoras.[11]

No dia 25 de outubro de 2014, o programa não foi exibido para o estado do Amapá, pelo fato da TV Equinócio (afiliada da Record no estado) ter sua programação suspensa por 24 horas, por desobediência a lei eleitoral

Em 25 de junho de 2016, Legendários faz pré-estreia do Canjica Show, Maior reunião de canjicas da televisão brasileira, Em busca da fama e do dinheiro, canjicas subiram ao palco para fazer o que só autênticos canjicas sabem fazer.

5ª Fase (2017)[editar | editar código-fonte]

Em fevereiro,a emissora anuncia a mudança de dia da atração. A atração passa a ser exibida às sextas-feiras,após 7 anos nas noites de sábado [12]Em 22 de fevereiro foi anunciada a saída de Filipe Pontes, que foi para o Pânico na Band.[13]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Quadros[editar | editar código-fonte]

Atuais[editar | editar código-fonte]

  • Os Apertados
  • Vale a Pena Ver Direito
  • Espelho Vivo
  • Casal Sensacional
  • Pequenos Notáveis
  • Os Impostores
  • Os Rapidinhos
  • Exame de Vista
  • Dançaokê
  • Sobe ou Não Sobe
  • O Gordinho Mais Leve do Brasil
  • Canjica Show
  • Micover

Extintos[editar | editar código-fonte]

  • Jaque Responde
  • Teena Entrevista
  • Gui Proibidão
  • Super Tição
  • Clóvis Clichê
  • Teena Por Aí
  • Juju x Joana
  • João Gordo
  • Shop-Shop
  • Show do Gordão
  • Repórter Boato
  • Elcio Coronato
  • Tretas de Família
  • Os Mutontos - Caminhos Encarniçados
  • Hoje éééé dia
  • Sistema Solari
  • Juju em...
  • O Fabuloso Mundo de Mionzinho

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Charlie Brown Jr. grava música tema do Legendários». R7. 6 de julho de 2010. Consultado em 8 de março de 2013 
  2. «"Legendários" estreia amanhã na Record com formatos e elenco da MTV». Folha Ilustrada. 9 de abril de 2010. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  3. «Marcos Mion leva para Record fórmulas do "CQC"». Folha Ilustrada. 26 de março de 2010. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  4. «Novo cenário, novos quadros, tudo em HD: Legendários está de volta!». R7. 9 de fevereiro de 2013. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  5. «Marcos Mion fala sobre Legendários». Extra. 26 de março de 2010. Consultado em 22 de dezembro de 2010 
  6. «Legendários de Marcos Mion estréia em 10 de abril na Record». Abril. 24 de março de 2010. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  7. «O Programa - Entretenimento - R7 Legendários». entretenimento.r7.com. Consultado em 19 de maio de 2017 
  8. Folha.com (31 de outubro de 2011). «Mauricio Meirelles é o novo integrante do "CQC"». Uol.com.br. Consultado em 10 de novembro de 2011 
  9. Keila Jimenez. «Sai Miá Mello, entra a panicat Juju em "Legendários"». Folha.com. Consultado em 11 de novembro de 2011 
  10. Jimenez, Keila (22 de novembro de 2012). «João Gordo deixa "Legendários"». Folha.com. Ilustrada. Consultado em 10 de fevereiro de 2013 
  11. «Hermes e Renato está de volta à MTV Brasil». MTV Brasil. Consultado em 15 de fevereiro de 2013 
  12. Falcheti, Fabrício. «RecordTV define data de estreia do 'Legendários' às sextas-feiras; confira» 
  13. TV, Notícias da (21 de fevereiro de 2017). «Pânico contrata o 'maior imitador do país' e desfalca Legendários». Notícias da TV 
  14. a b c «Especial legendetes». Portal Terra 
  15. a b «Ex-Legendetes dizem que não têm nada contra Juju Salimeni». Área Vip 
  16. «Conheça a nova legendete Aghata». R7 
  17. «Conheça a nova legendete Camila». R7 
  18. «Conheça Graciella Carvalho, a nova legendete do mês de julho». R7 
  19. a b «Conheça Janaína, a legendete do mês de outubro». R7 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]