Leopoldo Luque

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Leopoldo Luque
Leopoldo Luque
Leopoldo Luque na Copa do Mundo de 1978
Informações pessoais
Nome completo Leopoldo Jacinto Luque
Data de nasc. 3 de maio de 1949
Local de nasc. Santa Fé, Argentina
Falecido em 15 de fevereiro de 2021 (71 anos)
Local da morte Mendoza
Apelido Abduzido - Abducido
Informações profissionais
Posição atacante
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1967–1969
1969–1971
1971
1972–1973
1973–1975
1975–1980
1980–1981
1981–1982
1983
1983–1984
1984
1984–1985
Gimnasia de Jujuy
Club Atlético Central Norte
Unión de Santa Fe
Rosario Central
Unión de Santa Fe
River Plate
Unión de Santa Fe
Racing Club
Santos
Chacarita Juniors
Santos
Textil Mandiyú
? (?)
? (?)
? (?)
4 (3)
35 (10)
176 (75)
24 (10)
11 (2)
2 (0)
11 (?)
? (?)
? (?)
Seleção nacional
1975-1981 Argentina 45 (22)


1 Partidas e gols pelos clubes profissionais
contam apenas partidas das ligas nacionais.
Atualizadas até 5 de fevereiro de 2008.


Leopoldo Jacinto Luque (Santa Fé, 3 de maio de 1949 - Mendoza, 15 de fevereiro de 2021) foi um futebolista argentino. Foi secretário de esportes da Província de Mendoza.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira ainda nos juvenis do Gimnasia y Esgrima de Jujuy, para depois ir a pequeno time chamado Central Norte da cidade de Salta (Argentina) no final da década de 1960 e começo de 1970. Em 1971 iniciou sua primeira passagem pelo Unión de Santa Fé, clube por qual ainda teve outras duas passagens. Enquanto teve uma passagem sem tanto brilho pelo Rosario Central, foi jogar no poderoso River Plate, tendo um início fantástico fazendo o gol da vitória sobre o grande rival Boca Juniors no estádio do adversário, o La Bombonera, em vitória por 2–1. Depois do sucesso da Copa do Mundo de 1978, teve passagens pelo Racing Club e pelo Santos FC — do qual foi o 14.º argentino a vestir a camisa. Encerrou a carreira no pequeno clube argentino do Textil Mandiyú.

Seleção nacional[editar | editar código-fonte]

Pela seleção nacional, fez 45 partidas e 22 gols. Estreou na vitória de 5–1 contra a Venezuela, marcando seu primeiro gol pelo combinado nacional. Foi artilheiro da Copa América de 1975, com quatro gols marcados. Tornou-se campeão do mundo em 1978, na Copa do Mundo disputada em seu país natal.

Morte[editar | editar código-fonte]

Luque morreu em 15 de fevereiro de 2021 em um hospital de Mendoza, aos 71 anos de idade, devido à complicações da COVID-19.[1][2]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Internacionais[editar | editar código-fonte]

Seleção Argentina

Nacionais[editar | editar código-fonte]

River Plate

  • Campeonato Argentino: 1975 (nacional), 1977 (metropolitano), 1979 (metropolitano e nacional), 1980 (metropolitano)

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Seleção Argentina

Artilharia[editar | editar código-fonte]

Seleção Argentina

Referências

  1. Ronzano, Gustavo (15 de fevereiro de 2021). «Murió Leopoldo Jacinto Luque, campeón con la selección argentina en el Mundial '78». La Nación (em espanhol). Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  2. «Campeão pela Argentina na Copa de 1978 morre vítima da covid-19». UOL. 15 de fevereiro de 2021. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de ArgentinaSoccer icon Este artigo sobre um futebolista argentino é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.