Manuel da Terra Pereira e Viana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Manuel da Terra Pereira e Viana.

Manuel Terra Pereira Viana (Campos, Rio de Janeiro, Brasil Imperial, 18 de janeiro de 1856 — ?) foi um oficial da Armada Portuguesa e lente da Escola Politécnica do Porto, que em 1909 exerceu as funções de Ministro da Marinha e Ultramar no 59.º governo da Monarquia Constitucional, presidido por Wenceslau de Lima, de quem era amigo pessoal.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era bacharel formado em Matemática e Filosofia pela Universidade de Coimbra e engenheiro pela École Nationale des Ponts et Chaussées de Paris. Foi lente da Escola Politécnica do Porto, onde regia a 13.ª cadeira (Hidráulica e Máquinas), a qual incluía diversas disciplinas do grupo da engenharia mecânica, nomeadamente as ligadas à construção de máquinas.[2] Tem diversas obras publicadas sobre temas de engenharia.

Foi vogal do Conselho Superior de Instrução Pública.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Notas

  1. Governo de Wenceslau de Lima (1909).
  2. Anuário da Academia Politécnica do Porto 1896-1897. Porto, Tipografia Ocidental, 1897, p. 44.