Martha Raye

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Martha Raye
Nascimento 27 de agosto de 1916
Butte
Morte 19 de outubro de 1994 (78 anos)
Los Angeles
Sepultamento Fort Bragg Main Post Cemetery
Cidadania Estados Unidos
Cônjuge David Rose, Bud Westmore, Desconhecido, Desconhecido, Desconhecido, Desconhecido, Desconhecido
Alma mater
  • Professional Children's School
Ocupação atriz, cantora, atriz de teatro, atriz de televisão, ator/atriz de cinemavoz
Prêmios
Causa da morte pneumonia

Martha Raye (Butte, 27 de agosto de 1916 - Los Angeles, 19 de outubro de 1994) foi uma atriz e cantora estadunidense. Ela apareceu em filmes como Alegria a Solta (1936), Amor Havaiano (1937), Quero um Marido (1938), Dois Aviadores Avariados (1941) e Pandemônio (1941).

Em 1969, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas concedeu à Raye o Prêmio Humanitário Jean Hersholt por seus esforços durante a segunda guerra. Ela também recebeu a Medalha Presidencial da Liberdade em 1993.[1]

Raye foi indicada ao Prêmio Emmy em 1952 e 1953 por alguns especiais de TV e recebeu outra indicação em 1975 por um episódio de McMillan and Wife.[2]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Globos de Ouro de 1963

  1. Melhor atriz coadjuvante por: A Mais Querida do Mundo (indicada)

Referências

  1. Lawrence Van Gelder (20 de outubro de 1994). «Martha Raye, 78, Singer And Comic Actress, Dies». The New York Times (em inglês). Consultado em 26 de março de 2021 
  2. «Comedian Martha Raye Dead at 78». Los Angeles Times (em inglês). 20 de outubro de 1994. Consultado em 26 de março de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]