Morro Redondo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Morro Redondo
Prefeitura Municipal

Prefeitura Municipal
Bandeira indisponível
Brasão de Morro Redondo
Bandeira indisponível Brasão
Hino
Fundação 12 de maio de 1988 (30 anos)
Gentílico morro-redondense
Prefeito(a) Diocelio Jaeckel (PTB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Morro Redondo
Localização de Morro Redondo no Rio Grande do Sul
Morro Redondo está localizado em: Brasil
Morro Redondo
Localização de Morro Redondo no Brasil
31° 35' 16" S 52° 37' 58" O31° 35' 16" S 52° 37' 58" O
Unidade federativa  Rio Grande do Sul
Mesorregião Sudeste Rio-grandense IBGE/2008[1]
Microrregião Pelotas IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Pelotas (L), Canguçu (N), Cerrito (O), Capão do Leão (S)
Distância até a capital 285 km
Características geográficas
Área 244,643 km² [2]
População 6 548 hab. est. IBGE/2016[3]
Densidade 26,77 hab./km²
Altitude 245 m
Clima temperado Cfb
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,77 elevado PNUD/2000[4]
PIB R$ 66 630,825 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 10 351,22 IBGE/2008[5]

Morro Redondo é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul. Seu nome vem do fato de haver um morro situado na zona urbana da cidade cujo aspecto apresenta-se arredondado.

História[editar | editar código-fonte]

Na década de 80 a luta pela conquista da emancipação da cidade de Pelotas contou com o apoio de toda a comunidade, onde suas principais metas eram melhores condições de trabalho e saneamento básico adequado. Em Abril de 1988, realizou-se o plebiscito para apurar a decisão da comunidade sobre a proposta de emancipação política do Município. De acordo com a lei n° 8.633 sancionada pelo então Governador Pedro Simon, aos 12 dias do mês de Maio de 1988, Morro Redondo conquistou sua emancipação política, deixando de ser o 8° distrito do Município de Pelotas.

A primeira eleição municipal para o poder legislativo e executivo deu-se no dia 15 de novembro de 1988 , quando foram eleitos Valdino Krause e Antônio Carlos Bandeira para ocuparem os cargos de prefeito e vice-prefeito, respectivamente; as nove cadeiras dispostas na Câmara Municipal foram ocupadas por Claudio Antônio Mello da Silva, Iloni Tavares, José Ronaldo da Silva Amaral, Jair Nizolli dos Santos, Leny Esteves Waltzer, Paulo Gilberto Costa Gomes, Rui Valdir Otto Brizolara, Willi Becker e Zilda Demari Boteselle. A posse dos eleitos deu-se em 1 de janeiro de 1989.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 31º35'18" sul e a uma longitude 52º37'55" oeste, estando a uma altitude de 245 metros.

Possui uma área de 247,14 km² e sua população estimada em 2004 era de 5 961 habitantes.

Demografia[editar | editar código-fonte]

A principal emigração ocorrida no município foi a vinda de portugueses, oriundos principalmente do arquipélago de Açores, juntamente com a alemães (a maioria de pomeranos). Outra etnia a ser levada em conta é a de italianos.

Quanto à religião, a maioria dos habitantes (principalmente entre a população de origem alemã) é Luterana pertencentes às três denominações: Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, Igreja Evangélica Luterana do Brasil e Igreja Evangélica Luterana Independente seguida da igreja Católica Romana.

Clima, relevo e vegetação[editar | editar código-fonte]

Anoitecer na Colônia Sacramento.

Grande parte da área municipal de Morro Redondo se situa acima dos 200 metros ao nível do mar. Originalmente, a maior parte da área de Morro Redondo era composta por bosques nativos (floresta estacional semidecidual), reduzidos pela ocupação humana a pequenas manchas, registrando-se a ocorrência de açoita-cavalo, aroeira, pitangueira, butiazeiro, canela preta, jerivá e araucária. Além dos campos, com vegetação rasteira e herbácea (pampas), o florestamento também se faz presente por meio de espécies exóticas (eucaliptos, pinhos, ciprestes, acácias e plátanos). Morro Redondo está a cerca de 35 km de distância de Pelotas, município do qual se emancipou, em 1988.

O clima de Morro Redondo é subtropical ou temperado, com invernos relativamente frios, geadas ocasionais (com uma média de 20 por ano) e ocorrência de nevoeiros, verões moderados e precipitações regularmente distribuidas durante o ano. A queda de neve é muito rara, mas foi registrada em algumas ocasiões. A última vez em que ocorreu esse fenômeno foi em 4 de setembro de 2006. O mês mais quente é janeiro, com temperatura média de 21,7 °C, e o mês mais frio é julho, com média de 11,7 °C. O mês mais chuvoso é fevereiro, com 150mm de precipitação. A temperatura média anual da cidade é de 16,7 °C e a precipitação média anual é de 1400 mm.

Esquema Geral de Informações Diversas [6][editar | editar código-fonte]

Data da Criação: 12/05/1988


PIB:

2008 Municipal 50.818.000,95 per capta 8.508,62

Municípios Limítrofes: Capão do Leão, Canguçu, Cerrito e Pelotas.

Distância de Morro Redondo à:

Localidades do Município: 15

  • Colônia Açoita Cavalo
  • Colônia Cerro da Buena
  • Colônia Reserva
  • Colônia Afonso Pena
  • Colônia Colorado
  • Colônia Rincão da Caneleira
  • Colônia Cachoeira
  • Colônia Santo Amor
  • Colônia Santa Bernardina
  • Colônia Campestre
  • Colônia São Domingos
  • Colônia São Pedro
  • Colônia Capela da Buena
  • Colônia Palha Branca
  • Colônia Passo do Valdez

Potencialidades Locais: - disponibilidade de mão-de-obra qualificada e semi qualificada; - cultura associativa de produção; - estrutura fundiária própria para agricultura de abastecimento regional; - proximidade ao eixo econômico Pelotas / Rio Grande; - proximidade a 4 universidades, CEFET e Embrapa; - acesso pela BR 392 a Pelotas, POA e Super Porto de Rio Grande; - distrito industrial em fase de implantação; - topografia e clima de região serrana, propícios para o turismo.

Estabelecimentos de Saúde: 4

Postos de Saúde 3

Hospitais 1

Estabelecimentos de Ensino: 10

Estabelecimentos Comerciais e Empresariais: 141

  • Abatedouro de Aves 1
  • Farmácias 4
  • Açougues 5
  • Fábrica de Carrocerias 1
  • Agropecuárias 3
  • Funerária 1
  • Armazéns e Minimercados 38
  • Indústria de Benf. de Fumo 1
  • Artigos de Bazar 7
  • Indústrias de Conservas 5
  • Artigos Esportivos 1
  • Livrarias e Papelarias 2
  • Atac. e Comércio de Cereais 2
  • Madeireiras 1
  • Bares e Restaurantes 9
  • Materiais de Construção 7
  • Calçados e Vestuário 6
  • Padarias 4
  • Comércio de Esquadrias 2
  • Peças e Asses. Informática 1
  • Comércio de Gás 7
  • Peças e Asses. Motocicletas 2
  • Com. de Móveis e Eletro. 5
  • Postos de Combustível 2
  • Com. de Peças Automotivas 3
  • Revenda de Celulares 1
  • Com. de Produtos Coloniais 5
  • Supermercados 3
  • Consultórios Dentários 2
  • Trailers 5
  • Eletrônicas, Eletromecânicos 3
  • Óticas 1
  • Escritório de advocacia 1


Educação[editar | editar código-fonte]

O município conta com 10 escolas, a saber [7]:

  • ESC MUN ENS FUN ALBERTO CUNHA Endereço RUA DAS AZALEIAS 25
  • ESC MUN ENS FUN DR VITOR RUSSOMANO Endereço ROD BR 392 PELOTASCANGUCUST AM SN
  • ESC MUN ENS FUN PADRE BUCKER Endereço COL SANTA BERNARDINA SN
  • ESC MUN ENS FUN JOSE PINTO MARTINS Endereço ACOITA CAVALO SN
  • ESC MUN ENS FUN CONDE DE AFONSO CELSO Endereço COLONIA RESERVA SN
  • ESC MUN ENS FUN BARAO DO RIO BRANCO Endereço ESTR DO COLORADO SN
  • ESC MUN ENS FUN PROFESSORA MARIA LUIZA OLIVEIRA Endereço COL SAO DOMINGOS SN 2 DISTRITO
  • ESC MUN ENS FUN PROFESSOR ALBERTO RODRIGUES Endereço COLONIA RESERVA SN
  • ESC DE ED INFAN DARCI ADAM Endereço RUA DO SALSO 9
  • COL ESTADUAL NOSSO SENHOR DO BONFIM Endereço RUA DOS PINUS SN

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010. 
  3. «Estimativas populacionais para os municípios e para as Unidades da Federação brasileiros em 01.07.2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 25 de junho de 2017. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010. 
  6. [http://www.pmmorroredondo.com.br/
  7. [http://www.educacao.rs.gov.br/pse/html/busca_escolas.jsp

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.