Pássaro Marron

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pássaro Marron
Empresa de Ônibus Pássaro Marron Ltda.
Slogan Nossa Empresa, Nosso Vale!
Tipo Empresa de capital fechado
Indústria Transportes
Fundação 1935 (81 anos)
Sede Guaratinguetá, São Paulo
 Brasil
Áreas servidas  Minas Gerais
 São Paulo
Proprietário(s) Grupo Constantino
Pessoas-chave Joaquim Constantino de Oliveira
Empregados 1.631
Produtos Transporte Rodoviário de Passageiros
Turismo
Transporte Urbano de Passageiros
Transporte de Cargas
Faturamento Green up.png R$ 154 milhões (2007)[1]
Página oficial www.passaromarron.com.br

A Pássaro Marron é uma empresa brasileira fundada no ao de 1935 e atuante no setor de transportes rodoviários intermunicipal e interestadual de passageiros e cargas nos Estados de São Paulo e Minas Gerais.

Inicialmente sob o nome de Pássaro Azul, a viação mudou para o nome atual por conta de seus veículos sempre rodarem sujos de terra e lama em seus primórdios. Todavia, a empresa optou por manter a escrita Pássaro Marron.

Sua sede se encontra na cidade de Guaratinguetá, em São Paulo. Possui uma frota de aproximadamente 450 ônibus que operam diversas linhas no Vale do Paraíba, empregando mais de 1600 pessoas.

História[editar | editar código-fonte]

A Pássaro Marron foi fundada em 1935 tendo como objetivo a ligação das cidades de Mogi das Cruzes, Guararema, São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Taubaté e Aparecida a capital cidade de São Paulo.

A empresa chamava-se originalmente Pássaro Azul, mas o azul dos veículos vivia coberto pelo marrom da poeira das estradas de terra. Em dias de chuva, eram comum crianças sujarem as laterais dos veículos de barro e afirmavam insistentemente que os ônibus “não eram azuis! Não tem nada de azul! É marrom!”. A viação acabou aderindo a ideia das crianças e adotou o nome Pássaro Marron, porém com a escrita "marron" (com n).

No ano de 1939, a empresa começou a realizar a ligação por ônibus entre São Paulo ao Rio de Janeiro, pela antiga Estrada Rio-São Paulo, em um trajeto rodoviário paralelo a atual Rodovia Presidente Dutra, que na época ainda estava em construção. Atualmente, a ligação Rio-SP é feita pelas empresas Viação Kaissara, Expresso do Sul, Auto Viação 1001 e Expresso Brasileiro.

Em 1977, a Pássaro Marron foi incorporada ao Grupo Soares Penido, o que iniciou um novo período de expansão para a empresa.[2] Em agosto de 2011 a empresa Pássaro Marrom e sua afiliadas foram vendidas ao Grupo Constantino por 400 milhões de reais.[3] Desde então, a empresa passou a ser parceira das viações Expresso Kaiowa, Expresso Maringá, Expresso Caxiense, Penha, Viação Litorânea, entre outras. Em 2014 a frota da empresa era de 472 ônibus.[carece de fontes?]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

Hoje a Pássaro Marron é associada as empresas Airport Bus Service (que interliga os aeroportos de Congonhas e Cumbica as estações de Metrô e Praça da República na capital paulista) e Viação Litorânea. A antiga Expresso da Mantiqueira, que interligava a cidade de São Paulo às cidades de Campos do Jordão, Brasópolis (MG), Paraisópolis (MG), além de outras localidades circunvizinhas, nos dois estados, foi extinta e, as linhas foram incorporadas à própria holding Pássaro Marron.

As linhas que partem do Terminal Rodoviário do Tietê com destino à Grande São Paulo (Ferraz de Vasconcelos, Mogi das Cruzes, Suzano, etc.) possui caracterização específica, diferenciada do padrão e, de acordo com as configurações da EMTU, numa coloração "cinza-marrom"; embora os veículos sejam rodoviários.

Atualmente, a Pássaro Marron atende a 50 municípios dos estados de São Paulo e Minas Gerais, transportando cerca de 20 milhões de passageiros por ano, em mais de 455 ônibus, com idade média de três anos, empregando 1.631 funcionários.

Frota[editar | editar código-fonte]

A frota da Pássaro Marron e da Litorânea majoritariamente é composta de veículos Busscar. Em período de crise na Busscar,o Grupo Soares Penido renovou a frota com veículos da encarrocadora Comil Ônibus. Após a compra do grupo pelo Grupo Constantino , a frota da Busscar e Comil está sendo substituída pela líder Marcopolo. A Pintura da Pássaro Marron e Litorânea foi modernizada e os carros estão sendo substituídos.

Na frota da Pássaro Marron operam os seguintes modelos de ônibus:

Fretamento / Intermunicipais
  • Busscar Micruss / Mercedes-Benz LO-915
  • Busscar El Buss 320 / Mercedes-Benz OH-1518
  • Busscar El Buss 340 / Mercedes-Benz O-500M
  • Busscar Urbanuss / Mercedes-Benz OF-1722M
  • Comil Svelto Midi / Mercedes-Benz OF-1218
  • Comil Versátile Midi / Mercedes-Benz OF-1218
  • Marcopolo Viaggio G6 1050 / Mercedes-Benz OF-1722M
  • Marcopolo Torino 2007 / Mercedes-Benz OF-1418
  • Marcopolo Torino 2007 / Mercedes-Benz OF-1519 BlueTec 5
  • Marcopolo Torino 2014 / Mercedes-Benz OF-1519 BlueTec 5
  • Marcopolo Torino 2014 / Mercedes-Benz OF-1721 BlueTec 5
  • Marcopolo Ideale 770 / Mercedes-Benz OF-1519 BlueTec 5
  • Marcopolo Ideale 770 / Mercedes-Benz OF-1721 BlueTec 5
Rodoviários
  • Busscar Vissta Buss LO / Mercedes-Benz O-400RSE
  • Busscar Vissta Buss LO / Mercedes-Benz O-500RS
  • Marcopolo Paradiso G7 1050 / Mercedes-Benz O-500R
  • Marcopolo Paradiso G7 1050 / Mercedes-Benz O-500R BlueTec 5
  • Marcopolo Paradiso G7 1050 / Mercedes-Benz O-500RS
  • Marcopolo Paradiso G7 1050 / Mercedes-Benz O-500RS BlueTec 5
  • Marcopolo Paradiso G7 1200 / Mercedes-Benz O-500RS
  • Marcopolo Viaggio G7 1050 / Mercedes-Benz O-500R BlueTec 5
  • Marcopolo Viaggio G7 1050 / Mercedes-Benz O-500M BlueTec 5

Referências

  1. «Ranking - Maiores empresas de TRansporte terrestre ligadas ao turismo: Viação Pássaro Marron». Revista Exame. 2007. Consultado em 7 de julho de 2008. 
  2. http://www.quetalviajar.com/rodoviario/passaro-marron/index.htm Qual tal Viajar? - Empresa de Ônibus Pássaro Marron
  3. http://www.valor.com.br/empresas/989934/familia-constantino-compra-passaro-marron-e-litoranea-por-r-400-mi Família Constantino compra Pássaro Marron e Litorânea por R$ 400 mi - Site Valor Econômico

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]