Pachín

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pachín
Pachín
Informações pessoais
Nome completo Enrique Pérez Díaz
Data de nasc. 28 de dezembro de 1938
Local de nasc. Torrelavega, Flag of Spain.svg Espanha
Nacionalidade espanhol(a)
Altura 1,76 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Defensor
Clubes de juventude
Espanha Sniace
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1956-1957
1957-1958
1958-1959
1959-1968
1968–1969
1970–1971
Gimnàstic
Burgos
Osasuna
Real Madrid
Betis
Seleção nacional
1960–1963 Flag of Spain.svg Espanha 8 (0)

Enrique Pérez Díaz ou apenas Pachín (Torrelavega, 28 de dezembro de 1938) é um ex-futebolista espanhol, atuava como defensor.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido em Torrelavega, Cantabria, Pachín assinou pelo Real Madrid em 1959 vindo do Osasuna da Segunda División. Ele fez sua estreia na Liga, em 11 de setembro de 1960, em uma derrota por 0 a 1 contra o Atlético de Madrid.

Pachín deixou os Merengues em maio de 1968, tendo jogados 218 vezes e marcando dois gols. Ele ganhou 11 títulos durante seu período, incluindo sete campeonatos nacionais e as edições 1960 e 1966 da Liga dos Campeões, contribuindo para as últimas conquistas com oito jogos feitos, foram 32 jogos na Liga dos Campeões no total.

Com quase 30 anos, Pachín voltou a segunda divisão para a campanha de 1968-1969, onde representou o Real Betis. 

Ele se aposentou em 1971 e trabalhou como treinador por 16 anos, sempre na segunda divisão - sua maior conquista foi promover o Hércules a primeira divisão em 1984, mesmo que ele só tenha feito com seis partidas.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Pachín fez parte do elenco da Seleção Espanhola de Futebol da Copa do Mundo de 1962, ele fez duas partidas.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Real Madrid

Referências

  1. «Perfil na BDF». Consultado em 4 de março de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]