Paulo Halm

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde outubro de 2015)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Paulo Halm
Nascimento 15 de março de 1962 (55 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Ocupação Roteirista e diretor de cinema
Outros prêmios
Prêmio ABL de Cinema (2007)
IMDb: (inglês)

Paulo Halm (Rio de Janeiro, 15 de março de 1962) é um roteirista e diretor de cinema brasileiro, bacharel em cinema pela Universidade Federal Fluminense (UFF).

Carreira[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Trabalhos de Paulo Halm como roteirista de longa-metragem:

Participou ainda dos roteiros de Cazuza - O Tempo Não Para (Sandra Werneck e Walter Carvalho) e Mais Uma Vez Amor (Rosane Svartman), além do documentário O Sol - Caminhando contra o vento (de Tetê Moraes e Marta Alencar).

Entre seus últimos trabalhos como roteirista estão: "Meu Nome Não É Johnny", "Antes que o Mundo Acabe", "Olhos Azuis", e "Sexo, Crochê e Bicicletas".

Como diretor, realizou diversos curtas e médias metragens:

  • PSW, uma crônica subversiva (1988)
  • Biu (1995)
  • Bela e Galhofeira (1998)
  • Retrato do Artista com um 38 na Mão (2000)
  • O resto é silêncio (2003)
  • Oficina do Diabo (2003)
  • Maria, Ana Maria, Mariana (2006).

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Escalação Parceiros titulares Emissora
1991 Amazônia colaborador Denise Bandeira
Jorge Duran
Rede Manchete
O Farol autor principal adaptação da obra de
Oswaldo Orico
1997 Guerra de Canudos Sérgio Rezende Rede Globo
2008 Dicas de um Sedutor roteirista Rosane Svartman
Ricardo Perroni
José Lavigne
2012 Malhação autor principal Rosane Svartman
Glória Barreto
2014 Malhação Rosane Svartman
2015 Totalmente Demais

Outras informações[editar | editar código-fonte]

Foi co-produtor executivo do longa "Quem Matou Pixote?" e dirigiu para a TV Escola a série "Trama do Olhar" e o documentário "Veredas" É coordenador do núcleo de dramaturgia da Escola de Cinema Darcy Ribeiro, onde ministra aulas de roteiro e direção. Foi premiado pela Academia Brasileira de Letras (ABL) pelo roteiro de "Achados e Perdidos", no ano da criação desta modalidade de premiação pela ABL, em 2007.

É fundador e diretor da Autores de Cinema, entidade que organiza os roteiristas no Brasil.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]