Rafael Addiego Bruno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rafael Addiego Bruno
Presidente do Uruguai Uruguai
Período 12 de fevereiro de 1985
até 1 de março de 1985
Antecessor(a) Gregorio Álvarez
Sucessor(a) Julio María Sanguinetti
Dados pessoais
Nascimento 23 de fevereiro de 1923
Salto, Uruguai
Morte 20 de fevereiro de 2014 (90 anos)
Montevideo
Partido Partido Colorado
Profissão Jurista

Rafael Addiego Bruno (Salto, 23 de fevereiro de 1923Montevideo, 20 de fevereiro de 2014) foi um jurista e presidente interino do Uruguai entre 12 de fevereiro e 1 de março de 1985.

Integrou a Suprema Corte de Justiça do Uruguai entre 1984 e 1993, como ápice de uma longa carreira judicial. Ocupando a presidência daquele órgão, serviu como presidente interino de seu país por alguns dias em 1985, entre a data da renúncia de Gregorio Álvarez e a da posse de Julio María Sanguinetti.


Precedido por
Gregorio Álvarez
Presidente do Uruguai
1985
Sucedido por
Julio María Sanguinetti
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.