Rafael Diniz Alves e Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rafinha
Informações pessoais
Nome completo Rafael Diniz Alves e Silva
Data de nasc. 21 de junho de 1992 (27 anos)
Local de nasc. Alumínio, (SP), Brasil
Nacionalidade brasileira
Altura 1,75 m
Destro
Apelido Rafinha
Informações profissionais
Clube atual Brasil Goiás
Número 25
Posição Meia, Atacante
Clubes de juventude
20092011
20102011
Brasil Audax-SP
Portugal Porto (emp.)
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20112013
2013
2013
20142015
2014
2015
2015
2016
2016
20162017
2017
2017
2018
Brasil Audax-SP
Brasil Ponte Preta
Brasil Guaratinguetá
Brasil Audax-SP
Brasil Guaratinguetá (emp.)
Brasil Atlético Paranaense
Brasil ABC (emp.)
Brasil Ferroviária (emp.)
Brasil Ceará (emp.)
México Chiapas
Brasil Osasco Audax
Brasil Brasil de Pelotas
Brasil Goiás
00046 000(15)
0003 00000(0)
0009 00000(2)
00019 0000(2)
00017 0000(5)
00001 0000(0)
00011 0000(4)
00011 0000(5)
00005 0000(0)
00006 0000(0)
00013 0000(1)
00030 0000(9)
00039 0000(5)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 25 de setembro de 2019.

Rafael Diniz Alves e Silva, mais conhecido como Rafinha (Alumínio, 21 de junho de 1991) é um futebolista brasileiro que atua como meia e atacante. Atualmente joga pelo Goiás.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido em São Paulo, Rafinha começou sua carreira nas categorias de base do Audax São Paulo, durante os anos de 2010 e 2011 esteve no Porto por empréstimo.[1] Em 2011 integrou-se ao time principal mas com poucas aparições, no ano seguinte teve mais oportunidades no time paulista durante do Campeonato Paulista tendo conseguido marcar seis gols.

Em 2013 foi contratado pela Ponte Preta após de destacar no Audax. Realizou sua estreia numa derrota por 2 a 0 para o Botafogo em partida válida pelo Campeonato Brasileiro. Não conseguindo se firmar e tendo oportunidades na Macaca, Rafinha acertou sua ida para o Guaratinguetá.[2] No ano seguinte retornou para o Audax.

Sendo novamente destaque no time de Osasco, Rafinha foi contratado pelo Atlético Paranaense por três anos.[3] Estreou em uma derrota por 2 a 1 para o Maringá em partida válida pelo Campeonato Paranaense. Marcou seu primeiro gol pelo Furacão em uma goleada por 5 a 0 diante do Nacional-PR.

Sem espaço no Furacão foi emprestado até o fim do ano para o ABC.[4] Realizou sua estreia numa derrota por 1 a 0 para o Ceará. Diante do Criciúma marcou dois gols no empate por 2 a 2 em partida válida pelo Campeonato Brasileiro.[5]

Marcou um golaço contra o Ferroviário em partida válida pela Copa do Nordeste, em 2018.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Goiás

Referências

  1. «Rafinha é nome a fixar». Record. 17 de novembro de 2010. Consultado em 17 de novembro de 2010 
  2. «De saída da Ponte, Rafinha se aproxima do Guaratinguetá». Futebol Interior. 23 de setembro de 2013. Consultado em 23 de setembro de 2013. Arquivado do original em 16 de abril de 2015 
  3. «Destaque do Audax-SP, Rafinha acerta por três anos com o Atlético-PR». GloboEsporte.com. 6 de março de 2015. Consultado em 6 de março de 2015 
  4. «Mais Querido acerta mais duas contratações para a sequência da temporada». ABC FC. 16 de julho de 2015. Consultado em 16 de julho de 2015 
  5. «Nos acréscimos, Criciúma arranca empate e ABC chega a 11 jogos sem vencer em casa». GloboEsporte.com. 25 de agosto de 2015. Consultado em 25 de agosto de 2015