República Democrática da Somália

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jamhuuriyadda Dimuqraadiga Soomaaliya
الصومال جمهورية الكونغو الديمقراطية

República Democrática da Somália
Flag of Somalia.svg
1969 – 1991 Flag of Somalia.svg
Flag Brasão
Bandeira Brasão
Hino nacional
Soomaaliya Ha Noolaato
Localização de Somália
Continente África
Região África Oriental, Chifre da África
País Somália
Capital Mogadishu
Governo Estado Marxista-Leninista de partido único
Presidente Muhammad Siad Barre
Período histórico Guerra Fria
 • 1969 Fundação
 • 1991 Dissolução

A República Democrática da Somália foi o nome que o regime Leninista que o antigo Presidente da Somália, major-general Mohamed Siad Barre, deu à Somália após sua tomada de poder durante o golpe de estado sem derramamento de sangue que executou em 1969.[1] [2] [3] O "putsch" veio alguns dias depois, com o assassinato de Abdirashid Ali Shermarke (segundo presidente do país), por um de seus próprios guarda-costas.[3] A administração de Barre governaria a Somália utilizando uma mistura entre a retórica socialista com princípios do Islamismo pelos próximos 21 anos, até a eclosão da guerra civil em 1991.[4]

Referências

  1. J. D. Fage, Roland Anthony Oliver, The Cambridge history of Africa, Volume 8, (Cambridge University Press: 1985), p.478.
  2. The Encyclopedia Americana: complete in thirty volumes. Skin to Sumac, Volume 25, (Grolier: 1995), p.214.
  3. a b Moshe Y. Sachs, Worldmark Encyclopedia of the Nations, Volume 2, (Worldmark Press: 1988), p.290.
  4. Peter John de la Fosse Wiles, The New Communist Third World: an essay in political economy, (Taylor & Francis: 1982), p. 279.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]