Rho Leonis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ρ Leonis
Dados observacionais (J2000)
Constelação Leo
Asc. reta 10h 32m 48,7s[1]
Declinação +09° 18′ 23,7″[1]
Magnitude aparente 3,856[2]
Características
Tipo espectral B1 Iab[1]
Cor (U-B) –0,945[2]
Cor (B-V) –0,153[2]
Astrometria
Velocidade radial 42 km/s[1]
Mov. próprio (AR) -5,93 mas/a[1]
Mov. próprio (DEC) -3,40 mas/a[1]
Paralaxe 0,60 ± 0,18 mas[1]
Distância aprox. 5 400 anos-luz
aprox. 1 700 pc
Magnitude absoluta –6,8[3]
Detalhes
Massa 27,1 ± 8,4[4] M
Raio 37,4[5] R
Gravidade superficial 3,09 (log g)[6]
Luminosidade 295 000[3] L
Temperatura 24 200[6] K
Metalicidade [Fe/H] –0,89[6]
Rotação 60 km/s[7] (7 ± 2 dias[8])
Idade 4,5 ± 0,1 milhões[4] de anos
Outras denominações
47 Leo, HR 4133, BD+10 2166, HD 91316, SAO 118355, FK5 396, HIP 51624.[1]
Rho Leonis
Leo constellation map.png

Rho Leonis (ρ Leo, ρ Leonis) é uma estrela na constelação de Leo, localizada a apenas 8 minutos de arco da eclíptica.[9] Tem uma magnitude aparente de 3,856,[2] podendo ser vista facilmente a olho nu. Por ser uma estrela muito distante, é difícil calcular sua distância com precisão. Medições de paralaxe dão uma distância de aproximadamente 5 400 anos-luz (1 700 parsecs), com uma margem de erro muito grande de mais de 1 000 anos-luz.[1] Sua magnitude absoluta é de -6,8,[3] o que significa que se estivesse a 10 parsecs da Terra, teria esse valor como magnitude aparente.

Rho Leonis é uma estrela enorme com 27 vezes a massa do Sol[4] (21 massas solares de acordo com [10]) e 37 vezes o raio solar.[5] Seu espectro corresponde a uma classificação estelar de B1 Iab,[1] com a classe de luminosidade 'Iab' indicando que evoluiu para uma estrela supergigante. Está irradiando cerca de 295 000 vezes a luminosidade solar[3] a uma temperatura efetiva de 24 200 K,[6] o que lhe dá o brilho branco-azulado típico de estrelas de classe B.[11] Um forte vento estelar está expelindo massa de sua atmosfera externa a uma taxa de 3,5 × 10–7 vezes a massa solar por ano, ou o equivalente à massa solar a cada 2,8 milhões de anos.[5] A taxa de rotação é provavelmente de cerca de uma rotação a cada 7 dias, com um limite máximo de 47 dias.[8] Assim como muitas supergigantes, é levemente variável, com uma variação irregular no brilho de cerca de 7%.[9]

Rho Leonis é classificada como uma estrela fugitiva, o que significa que tem uma velocidade peculiar de pelo menos 30 km/s com relação a suas estrelas vizinhas. Tem uma velocidade radial de 42 km/s se distanciando do Sol e um movimento próprio que está a levando cerca de 1,56 UA por ano, o equivalente a 7 km/s, em uma direção transversal. Está situada cerca de 2 300 anos-luz (710 parsecs) acima do plano galáctico.[12]

Rho Leonis é uma estrela binária com uma estrela companheira de magnitude 4,8 a uma separação angular de 0,11 segundos de arco.[13] Não se sabe muito sobre ela.[9]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j «SIMBAD query result - V* rho Leo». SIMBAD. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Consultado em 29 de outubro de 2012 
  2. a b c d Gutierrez-Moreno, Adelina; et al. (1966), A System of photometric standards, 1, Publicaciones Universidad de Chile, Department de Astronomy, pp. 1–17, Bibcode:1966PDAUC...1....1G 
  3. a b c d Crowther, P. A.; Lennon, D. J.; Walborn, N. R. (janeiro de 2006), «Physical parameters and wind properties of galactic early B supergiants», Astronomy and Astrophysics, 446 (1): 279–293, Bibcode:2006A&A...446..279C, arXiv:astro-ph/0509436Acessível livremente, doi:10.1051/0004-6361:20053685 
  4. a b c Tetzlaff, N.; Neuhäuser, R.; Hohle, M. M. (janeiro de 2011), «A catalogue of young runaway Hipparcos stars within 3 kpc from the Sun», Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, 410 (1): 190–200, Bibcode:2011MNRAS.410..190T, arXiv:1007.4883Acessível livremente, doi:10.1111/j.1365-2966.2010.17434.x 
  5. a b c Kraus, M.; Borges Fernandes, M.; Kubát, J. (maio de 2009), «Parameters of galactic early B supergiants. The influence of the wind on the interstellar extinction determination», Astronomy and Astrophysics, 499 (1): 291–299, Bibcode:2009A&A...499..291K, doi:10.1051/0004-6361/200810319 
  6. a b c d Gies, Douglas R.; Lambert, David L. (10 de março de 1992), «Carbon, nitrogen, and oxygen abundances in early B-type stars», Astrophysical Journal, Part 1, 387: 673–700, Bibcode:1992ApJ...387..673G, doi:10.1086/171116 
  7. Bernacca, P. L.; Perinotto, M. (1970), «A catalogue of stellar rotational velocities», Contributi Osservatorio Astronomico di Padova in Asiago, 239 (1), Bibcode:1970CoAsi.239....1B 
  8. a b Kholtygin, A. F.; et al. (novembro de 2007), «Microvariability of line profiles in the spectra of OB stars: III. The supergiant ρ LEO», Astronomy Reports, 51 (11): 920–931, Bibcode:2007ARep...51..920K, doi:10.1134/S1063772907110054 
  9. a b c Kaler, James B. «RHO LEO (Rho Leonis)». Stars. Consultado em 29 de outubro de 2012 
  10. Conlon, E. S.; et al. (setembro de 1990), «The runaway nature of distant early-type stars in the galactic halo», Astronomy and Astrophysics, 236 (2): 357–361, Bibcode:1990A&A...236..357C 
  11. «The Colour of Stars», Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation, Australia Telescope, Outreach and Education, 21 de dezembro de 2004, consultado em 29 de outubro de 2012 
  12. Lauroesch, J. T.; Meyer, David M. (julho de 2003), «Variable Na I Absorption toward ρ Leonis: Biased Neutral Formation in the Diffuse Interstellar Medium?», The Astrophysical Journal, 591 (2): L123-L126, Bibcode:2003ApJ...591L.123L, arXiv:astro-ph/0306005Acessível livremente, doi:10.1086/377164 
  13. Eggleton, P. P.; Tokovinin, A. A. (setembro de 2008), «A catalogue of multiplicity among bright stellar systems», Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, 389 (2): 869–879, Bibcode:2008MNRAS.389..869E, arXiv:0806.2878Acessível livremente, doi:10.1111/j.1365-2966.2008.13596.x 
Ícone de esboço Este artigo sobre Estrelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.