Sport Comércio e Salgueiros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Salgueiros)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
SC Salgueiros
SC Salgueiros.png
Nome Sport Comércio e Salgueiros
Alcunhas Alma Salgueirista, Velho Salgueiral
Mascote Águia
Fundação 8 de dezembro de 1911 (107 anos)
Estádio Complexo Desportivo de Campanhã
Capacidade 500
Localização Porto, Portugal Portugal
Presidente Portugal Silvestre Pereira
Treinador Portugal Daniel Portela
Patrocinador Ergovisão
Material (d)esportivo Macron
Competição Portugal AFP Divisão de Elite (Série 1)
Website www.scsalgueiros.com
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

O Sport Comércio e Salgueiros, fundado em 8 de Dezembro de 1911, é um clube multi-desportivo com sede na freguesia de Paranhos, no Porto.

Desde o princípio da sua longa e centenária história, o Salgueiros foi sempre um clube intrinsecamente popular, com uma grande proximidade em relação às classes mais populares e humildes da cidade do Porto que sempre lhe conferiram um apoio massivo, podendo mesmo falar-se num bairrismo inigualável.

O clube teve durante muitos anos, mais concretamente nos que se seguiram à sua fundação, boas possibilidades de se afirmar como um clube de grande dimensão, pois possuia uma massa de adeptos e associados muito grande, tendo o Salgueiros chegado a ser, a este nível, o maior clube do Norte do País.

O Salgueiros foi durante décadas o 2º emblema mais importante do Norte de Portugal e é detentor de um historial marcado por grandes feitos e conquistas desportivas, entre as quais se destacam 24 presenças na 1ª Liga Portuguesa (15º clube português com mais participações), e 1 presença na Taça UEFA ,onde teve o privilégio de defrontar e de vencer um dos melhores jogadores de sempre da história do futebol, Zinédine Zidane.

O Salgueiros sempre foi, ao longo da sua história, uma coletividade desportiva marcada pelo ecletismo, tendo já vigorado no clube diversas modalidades, entre as quais se destacam, pelos títulos conquistados, o Polo Aquático e o Andebol.

Sendo um dos clube portugueses de futebol mais antigos de Portugal é considerado o clube mais popular da cidade do Porto.

História[editar | editar código-fonte]

Decorria o ano de 1911, quando um grupo de amigos - Joaninha, Jorginho e Medina - resolveram fundar um clube de futebol e assim, junto do candeeiro 1047, entre as ruas da Constituição e Particular de Salgueiros, na freguesia de Cedofeita, nasce o sonho de um grupo de rapazes,o Sport Grupo e Salgueiros, esse mítico Clube da Cidade Invicta.

Embora já houvesse nome, era necessário dar forma à equipa! Com muita carolice, todas as noites após o trabalho e o jantar, os "rapazes" reuniam-se debaixo do candeeiro 1047 para debater e acertar ideias, e começar a construir o clube.

O Clube oficializa-se com os primeiros jogos, mas era necessário arranjar dinheiro para comprar camisolas e umas botas para os jogadores. Estava-se próximo do Natal de 1911 e os "rapazes" lembraram-se de organizar um grupo de Boas Festas e foram cantar as janeiras aos vizinhos de porta em porta, estendendo o boné Angariaram a modesta quantia de 2.800 Reis, o que lhes permitiu comprar a primeira bola de futebol.

Na época de 1916/17 o clube ostentava a designação de Sport Porto e Salgueiros, ficando esta mudança de nome a dever-se a uma questão de orgulho. E foi já sob a sua nova designação que o clube se viria a sagrar campeão do Porto na época 1917/1918.

Em 1920 após uma profunda crise do Sport Porto e Salgueiros, o Clube decidiu fundir-se com o Sport Clube Comércio, outro clube da cidade, e surgiu então o Sport Comércio e Salgueiros como hoje conhecemos.

Durante a década de 20, o Salgueiros consolidou-se, desportivamente como o 2º melhor clube do Norte do País, através de admiráveis desempenhos, tanto no Campeonato de Portugal como no Campeonato do Porto. À época, o clube detinha uma das maiores massas adeptas de Portugal e, atuando no belo Campo do Covelo, disponha, sempre, nas suas partidas, de um numeroso e entusiasta apoio por parte dos salgueiristas.

A estreia do Salgueiros na Primeira Divisão aconteceu na época 1943/1944, tendo terminado o campeonato na 10 ª posição da tabela classificativa. Nos anos seguintes verificaram-se oscilações entre o primeiro e o segundo escalão portugueses, acabando por se consolidar na divisão principal na década de 80.

A página mais dourada da história do clube foi escrita na época de 1990/1991 com a obtenção do quinto lugar e consequente apuramento para a Taça UEFA. O popular clube de Paranhos viria a cair na 1 ª eliminatória aos pés da equipa francesa do Cannes, onde dava os primeiros passos um tal de Zinédine Zidane.

Viriam a seguir-se 12 anos consecutivos no escalão máximo do futebol português marcados por excelentes prestações desportivas, o último dos quais na época 2001/2002.

Depois do abandono do futebol sénior em 2004 devido a uma grave crise financeira , a equipa sénior do Salgueiros regressa à competição em 2008/2009, com a participação na 2ª Divisão da AF Porto, o escalão mais baixo das competições distritais no Porto, terminando a sua séria na primeira posição e tornando-se campeão, subindo assim à 1ª Divisão da AF Porto.

Esta época fica marcada pelo entusiasmo e fidelidade demonstrados pela massa associativa salgueirista no regresso do futebol sénior, terminando o Salgueiros a época de 2008/2009 como o 13º clube de futebol a nível nacional com mais assistência (uma média de espectadores entre os 2000 e os 2500 espectadores). É o regresso em força da lendária Alma Salgueirista. Destaque para o jogo realizado no Estádio do Bessa frente ao Ramaldense com uma assistência a rondar as 5 mil pessoas!

A equipa tem o nome provisório de Sport Clube Salgueiros 08, devido à impossibilidade de registar jogadores sob o seu antigo nome, em virtude das dívidas do clube. O antigo capitão Pedro Reis foi o treinador, contando igualmente com quatro antigos jogadores profissionais, Fernando Almeida, Heitor, Cao e Renato.

No dia 08-12-2015, no 104º aniversario na cerimoniar de inauguração da nova sede foi anunciado aos sócios e simpatizantes que o clube regressava às origens tendo de volta o Sport Comércio e Salgueiros.

Institucional[editar | editar código-fonte]

Condecorações[editar | editar código-fonte]

O Sport Comércio e Salgueiros, fundado a 8 de dezembro de 1911 é uma Agremiação de Utilidade Pública que conta com as seguintes honras: Membro-Honorário da Ordem do Infante D. Henrique (28 de Janeiro de 1987),[1] Medalha de Mérito Desportivo e Medalha de Ouro da Cidade do Porto.

Hino do clube[editar | editar código-fonte]

O Hino ou a Marcha do Salgueiros da autoria de José Guimarães e cantado na voz de Catalina Valero foi gravado, pela primeira vez, no ano de 1950.

Aqui fica a marcha do velho e popular clube de Paranhos:

I

Salgueiros da tradição/Tão velhinho e sempre novo

Tu vives no coração/Na alma do nosso Povo.

II

O teu passado de glória/Sempre em nós está presente

E a alegria da vitória/Até faz cantar a gente

Coro

Salgueiros, meu Salgueiros/Ontem hoje e sempre tu serás o mais bairrista

Salgueiros, meu Salgueiros/Vive no peito da gente sempre a alma salgueirista

III

A camisola encarnada/Do meu velhinho Salgueiros

Tem a tradição vincada/No coração dos tripeiros

Não há outro que te iguale/Nem com bairrismo mais forte

Ser salgueirista afinal/É ter a alma do Norte.



Futebol[editar | editar código-fonte]

Escalões de formação[editar | editar código-fonte]

O Sport Comércio e Salgueiros é reconhecido por ter, historicamente, uma das melhores escolas de formação do país. Foram milhares os jovens que, ao longo de décadas, revelaram e aprimoraram o seu talento no popular clube portuense, dos quais se destacam, pelas suas brilhantes carreiras, jogadores como Sá Pinto, Leão, André Silva, José Moreira, Nélson (Campeão Mundial de juniores), entre muitos outros.

O clube pode, igualmente, orgulhar-se da conquista por parte de uma equipa júnior, decorria o ano de 1991, do Torneio Internacional de Bordéus, ultrapassando, assim, grandes nomes do futebol europeu como o Den Haag, da Holanda e o Saragoça, de Espanha.

Habitualmente, disputa os campeonatos nacionais dos vários escalões de formação, contando, atualmente, com cerca de 400 atletas na sua escola, distribuídos pelos escalões de juniores, juvenis, iniciados e infantis.


Presenças[editar | editar código-fonte]

Continentais
Competição Presenças Melhor posição
UEFA Cup (adjusted).png Taça UEFA 1 1ª Ronda
Nacionais
Competição Presenças Melhor posição
Primeira Liga Trophy.svg Primeira Liga 24
Segunda Liga Trophy.svg Segunda Liga 2
Divisao Trophy.svg Segunda Divisão 41
Divisao Trophy.svg Terceira Divisão 32
Taça de Portugal Trophy.svg Taça de Portugal 56 1/4
Portuguese League Cup.svg Taça da Liga - -
Taça de Portugal Trophy.svg Campeonato de Portugal 9 1/4
Regionais
Competição Presenças Melhor posição
AF Porto Elite 1
Campeonato do Porto 1


Palmarés[editar | editar código-fonte]

Portugal Campeonato Português Presenças: 24
Melhor Época: 90/91
Melhor Classificação: 5º Classificado

Portugal Taça de Portugal Presenças: 44
Melhor Época: 51/52 e 01/02
Melhor Classificação: Quartos de final

Taça UEFA: Presenças: 1
Melhor Época: 91/92
Melhor Classificação: 1ª Eliminatória

Torneio de Macau[editar | editar código-fonte]

Presenças: 1
Melhor Época: 97/98
Melhor Classificação: Vencedor

II Liga (Antiga)[editar | editar código-fonte]

Presenças: 4
Melhor Época: 35/36
Melhor Classificação: Lugar de Honra

2ª Divisão[editar | editar código-fonte]

Presenças: 37
Melhor Época: 56/57 e 89/90
Melhor Classificação: 2 vezes campeão

3ª Divisão[editar | editar código-fonte]

Presenças: 2
Melhor Época: 77/78
Melhor Classificação: 3º Classificado

Sport Clube Salgueiros 08[editar | editar código-fonte]

Outras Modalidades[editar | editar código-fonte]

Resultados históricos[editar | editar código-fonte]

Antigos jogadores[editar | editar código-fonte]

Antigos treinadores[editar | editar código-fonte]


Presidentes[editar | editar código-fonte]

Período Presidente Feitos importantes
1984-1995 PortugalCarlos Abreu
1995-2004 PortugalJosé António Linhares
2004-2005 PortugalJorge Viana
2015-Presente PortugalSilvestre Pereira
Portugal flag 300.png

Plantel actual[editar | editar código-fonte]

Goleiros
N.º Jogador
1 Portugal Luís Melo
12 Brasil Wellington
76 Portugal Filipe Dinis
Defensores
N.º Jogador Pos.
2 Portugal Pedro Santos Z
3 Portugal Carlos Santos Z
4 Portugal Marco Fernandes Z
28 Brasil Danielson Z
23 Portugal Gonçalo Pimenta LD
20 Portugal Hugo Costa LE
21 Portugal Álvaro Milhazes LE
' Brasil Ian LE
Meio-campistas
N.º Jogador Pos.
' Portugal André Teixeira V
5 Argentina Daniel Denot M
8 França Salif Gomez M
13 Portugal João Morgado M
14 Portugal Rui Neta
(emprestado pelo Varzim)
M
19 Portugal Gabi M
27 Cabo Verde Patrick Andrade M
90 Portugal Filipe Vieirinha M
17 Brasil Dede Costa M
Atacantes
N.º Jogador
7 Portugal Zé Domingos
9 Portugal José Postiga
(emprestado pelo Rio Ave)
10 Portugal Tiago Borges
11 Portugal Nuninho
28 Senegal Kalidou Yero
32 Portugal Tiago Silva
33 Portugal Tiago Alves
' República Democrática do Congo Émile N'Goy
' Portugal Jorge Chula
' Cabo Verde Edivândio
' Portugal José Carlos
Comissão técnica
Nome Pos.
Portugal Alexandre Ribeiro T
Portugal Jorginho AS
Portugal Rómulo AS
Portugal Neca Gomes TG

Polo aquático[editar | editar código-fonte]

O Salgueiros é o clube mais titulado da história do Polo Aquático em Portugal, contando no seu palmarés com 15 Campeonatos Nacionais (dos quais 12 conquistados de forma consecutiva), 14 Taças de Portugal e 7 Supertaças Nacionais. É, também, dos clubes portugueses que há mais tempo pratica esta modalidade, tendo esta iniciado a sua atividade no clube nos longínquos anos de 1921/1922.

Andebol[editar | editar código-fonte]

Esta modalidade abriu secção no clube na temporada de 1941-42, tendo vindo a tornar-se um dos desportos com maior tradição no clube. É um dos clubes portugueses com maior palmarés nesta modalidade, contando com um campeonato nacional (1952-1953). Passaram, também, pelo clube grandes internacionais do Andebol Português, como é o caso de Joaquim Póvoas, Valdemar Castro, Agostinho, Canossa, entre muitos outros.

Palmarés Andebol[editar | editar código-fonte]

  • Andebol de 11 Seniores: Campeão Nacional da 1ª Divisão: 1964/65 e 1965/66
  • Andebol de 11 Juniores: Campeão Nacional da 1ª Divisão: 1945/46
  • Andebol de 7 Seniores: Campeão Nacional da 1ª Divisão: 1952/53; e da 3ª Divisão: 1980/81
  • Andebol de 7 Juniores: Campeão Nacional da 2ª Divisão: 1994/95

Futsal Veteranos[editar | editar código-fonte]

Época 2017/18

  • Campeonato: 5º Classificado
  • Vencedor da Taça Complementar 2017/18

Época 2018/19

  • Campeão

Outras Modalidades[editar | editar código-fonte]

Existem também, para além das acima referidas, outras modalidades com amplo historial no clube como é, por exemplo, o caso do ciclismo que teve durante muitos anos uma grande expressão no clube com o Salgueiros a registar reiterados êxitos em circuitos, grandes prémios, provas de pista e etapas da Volta a Portugal.

Também o Bodyboard, apesar da sua curta passagem pelo clube, deixou uma marca profunda no mesmo, com o emblema portuense a sagrar-se campeão mundial de Bodyboard em 2003.

Por último, o Atletismo é, igualmente, uma modalidade com legado no clube contando, no seu palmarés, com vários campeões nacionais. Para além disso é, também, responsável pela organização da Volta a Paranhos, a corrida mais antiga de Portugal de 10 km.

Grupo Organizados de Adeptos[editar | editar código-fonte]

A Alma Salgueirista é o GOA do Salgueiros e foi fundada a 15 de Janeiro de 1985, por Jorge Viana.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sport Comércio e Salgueiros