Taça da Liga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Taça da Liga
Logotype Taça da Liga.jpg
Dados Gerais
Organização Liga Portuguesa de Futebol Profissional
Fundação 2007
Edições 8
Local de disputa  Portugal
Número de equipas 36
Sistema Grupos e eliminatórias
Dados Históricos
Actual Campeão Benfica (6º Título)
Maior Campeão Benfica (6 Títulos)
Soccerball current event.svg Edição atual
editar

A Taça da Liga é uma competição de futebol organizada pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, tendo sido criada na temporada 2007–08.[1] Foi proposta pelo Sporting e pelo Boavista, em 2006, e aprovada por unanimidade por todos os clubes das ligas profissionais , numa reunião no Porto, a 28 de novembro de 2006. Todas as equipas dos dois primeiros escalões de futebol profissional, Primeira Liga e Segunda Liga, participam nesta competição (com excepção das equipas B). Por motivos de patrocínio nas primeiras três temporadas era conhecida como Carlsberg Cup, depois por Bwin Cup e após a sentença do Tribunal do Porto, de 6 de janeiro de 2012, que impediu a Bwin de publicitar a sua marca através de patrocínios ou publicidade, passou a chamar-se Taça da Liga.

A primeira edição teve como vencedor o Vitória de Setúbal, que derrotou o Sporting por 3–2 nas grandes penalidades, após um empate a zero. O atual detentor do troféu é o Benfica, que venceu a prova ao derrotar o Marítimo por 2–1 na final realizada a 29 de maio de 2015.

Formato da prova[editar | editar código-fonte]

A Taça da Liga sofreu diversas alterações desde a sua edição inaugural com o objectivo de aumentar o número de partidas e de receitas para os clubes e para a Liga. Desde a temporada 2010-11 o formato aprovado é o seguinte:

  • Primeira Fase: apenas equipas da Segunda Liga (com excepção das equipas B) divididas em quatro grupos, no formato todos contra todos a uma volta. Os 2 clubes melhores classificados de cada grupo avançam para a 2ª Fase;
  • Segunda Fase: eliminatória a duas mãos entre os oito clubes apurados da 1ª Fase, os dois clubes promovidos à Primeira Liga na época anterior e as equipas classificadas entre o 9º e 14º lugar da Primeira Liga da temporada anterior.
  • Terceira Fase: quatro grupos de quatro equipas cada, contendo os vencedores da segunda fase e as oito equipas melhores classificadas da Primeira Liga da época anterior, no formato todos contra todos a uma volta. Apenas os vencedores de cada grupo avançam para a Fase Final.
  • Fase Final: as meias-finais e a Final são disputadas em jogo único.

Finais[editar | editar código-fonte]

Finais da Taça da Liga
Época Vencedor Resultado Finalista Vencido Local
2007–08 Vitória de Setúbal 0–0 (3–2 gp) Sporting Estádio do Algarve
2008–09 Benfica 1–1 (3–2 gp) Sporting Estádio do Algarve
2009–10 Benfica 3–0 FC Porto Estádio do Algarve
2010–11 Benfica 2–1 Paços de Ferreira Estádio Cidade de Coimbra
2011–12 Benfica 2–1 Gil Vicente Estádio Cidade de Coimbra
2012–13 SC Braga 1–0 FC Porto Estádio Cidade de Coimbra
2013–14 Benfica 2–0 Rio Ave Estádio Dr. Magalhães Pessoa
2014–15 Benfica 2–1 Marítimo Estádio Cidade de Coimbra

Palmarés[editar | editar código-fonte]

Palmarés por clube[editar | editar código-fonte]

Clubes Vencedores e Finalistas
Clube Títulos Finalistas Épocas dos títulos Épocas como finalistas
Benfica 6 2008–09, 2009–10, 2010–11,
2011–12, 2013–14, 2014–15
Vitória de Setúbal 1 2007–08
Braga 1 2012–13
Sporting 2 2007–08, 2008–09
FC Porto 2 2009–10, 2012–13
Paços de Ferreira 1 2010–11
Gil Vicente 1 2011–12
Rio Ave 1 2013–14
Marítimo 1 2014–15

Palmarés por Distrito[editar | editar código-fonte]

Distrito Títulos Clubes
Lisboa 6 Benfica (6)
Setúbal 1 Vitória de Setúbal (1)
Braga 1 Braga (1)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]