Carlos Carvalhal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos Carvalhal
Carvalhal.JPG
Informações pessoais
Nome completo Carlos Augusto Soares da Costa Faria Carvalhal
Data de nasc. 4 de dezembro de 1965 (48 anos)
Local de nasc. Braga,  Portugal
Informações profissionais
Posição Treinador
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1983-1985
1985-1986
1986-1988
1988-1989
1989-1990
1990-1992
1992-1993
1993-1995
1995-1998
Portugal Braga
Portugal Desportivo Chaves
Portugal Braga
Portugal Porto
Portugal Beira-Mar
Portugal Braga
PortugalTirsense
Portugal Desportivo Chaves
Portugal Sorting Espinho
Times que treinou
1998-2000
2000-2001
2001-2003
2003-2004
2004-2006
2006
2007
2007-2008
2008
2009
2009-2011
2011-2012
2012-
Portugal Sporting Espinho
Portugal Aves
Portugal Leixões
Portugal Vitória de Setúbal
Portugal Belenenses
Portugal Braga
Portugal Beira-Mar
Portugal Vitória de Setúbal
Grécia Asteras Tripolis
Portugal Marítimo
Portugal Sporting
Turquia Beşiktaş
Turquia İstanbul BB

Carlos Augusto Soares da Costa Faria Carvalhal (Braga, 4 de Dezembro de 1965[carece de fontes?]) é um treinador de futebol de Portugal.

O seu nome ficou inscrito na história do futebol português quando em 2001/2002 foi o primeiro treinador (e até ao momento único) que conseguiu qualificar uma equipa (Leixões) da 2ª Divisão B para a final da Taça de Portugal (perdeu com o Sporting por 1-0) e consequentemente garantir um lugar na Taça UEFA.

Em 2007/2008, no Vitória de Setúbal, venceu a primeira edição da Taça da Liga (frente ao Sporting), e conseguiu a qualificação para a Liga Europa. No final dessa temporada foi treinar o Asteras Tripolis do Campeonato Grego de Futebol.[1]

Em novembro de 2008 acertou a rescisão com o clube grego.[2] [3]

Em Fevereiro de 2009 após Lori Sandri ter apresentado a demissão do comando técnico do Clube Sport Marítimo, Carvalhal foi o escolhido para ocupar o lugar,[4] num contrato válido por uma época e meia. No entanto face a resultados menos conseguidos (em 17 partidas apenas conseguir vencer duas) foi demitido do cargo, em Setembro de 2009.[5]

Em 15 de Novembro de 2009 foi confirmado como novo técnico do Sporting Clube de Portugal, tendo contrato até ao final da época, com mais uma de opção.[6] Rescindiu contrato com o Sporting depois de terminar em 4º lugar, tendo chegado 8os-final da Liga Europa.

Entre agosto de 2011 e abril de 2012 foi técnico do Beşiktaş Jimnastik Kulübü de Istambul, onde entrou a título provisório, substituindo o treinador Tayfur Havutçu, preso por suspeitas de corrupção. Mais tarde acabou por assinar contrato a termo, treinando os jogadores portugueses Manuel Fernandes, Simão Sabrosa, Ricardo Quaresma, Hugo Almeida, Bébé e Júlio Alves. Nesta equipa jogava também, o central brasileiro que jogou vários anos em Portugal, Sidnei. O técnico acabou por ser afastado após mudanças na direção numa altura em que o clube se encontrava em dificuldades financeiras.

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • Finalista vencido da Taça de Portugal - Leixões SC (2ª Divisão B) - 2001-2002
  • Finalista Vencido Supertaça de Portugal
  • Ascensão à 2ª Liga Leixões S.C. 2002/2003
  • Taça da Liga - Vitória FC (Vitória de Setúbal) - 2007-2008
  • Ascensão à 1ª Liga Vitória F.C. 2003/2004

Individuais[editar | editar código-fonte]

  • 2008

Prémio "José Maria Pedroto" Associação Nacional de Treinadores de Futebol 2007

  • Prémio "Cândido de Oliveira"

Associação Nacional de Treinadores de Futebol 2004

  • Prémio "Fernando Vaz"

Associação Nacional de Treinadores de Futebol 2008

  • Treinador do Ano

Galardões "A Nossa Terra"2003

  • Treinador do Ano

Troféu "O Minhoto"

Referências

  1. Carlos Carvalhal de saída do Setúbal. Vfc.pt (14 de maio de 2008).
  2. Δηλώσεις Καρβαλιάλ (em grego). Asterastripolis.gr.
  3. Carvalhal: «Foi uma boa experiência», TÉCNICO ACERTOU RESCISÃO COM ASTERAS TRIPOLIS. Jornal Record (11 de novembro de 2008).
  4. Carvalhal assinou por uma época e meia. Jornal Record (24 de Fevereiro de 2009).
  5. Comunicado. Csmaritimo.pt (28 de Setembro de 2009).
  6. Comunicado (PDF). SPORTING – SOCIEDADE DESPORTIVA DE FUTEBOL, SAD (15 de Novembro de 2009).
Ícone de esboço Este artigo sobre um treinador de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.