Sebastián Coates

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Sebastián Coates
Sebastián Coates
Coates em 2015
Informações pessoais
Nome completo Sebastián Coates Nión
Data de nasc. 7 de outubro de 1990 (32 anos)
Local de nasc. Montevidéu, Uruguai
Nacionalidade uruguaio
Altura 1,96 m
destro
Apelido El Patrón[1]
El Capitán[2]
Informações profissionais
Clube atual Sporting
Número 4
Posição zagueiro
Clubes de juventude
2001–2009 Nacional
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009–2011
2011–2015
2014
2014–2015
2015–2017
2016–2017
2017–
Nacional
Liverpool
Nacional (emp.)
Sunderland (emp.)
Sunderland
Sporting (emp.)
Sporting
0092 0000(8)
0024 0000(2)
0006 0000(0)
0013 0000(0)
0019 0000(0)
0057 0000(3)
0232 000(25)
Seleção nacional3
2007
2008–2009
2012
2011–
Uruguai Sub-17
Uruguai Sub-20
Uruguai Sub-23
Uruguai
0004 0000(0)
0017 0000(2)
0005 0000(0)
0047 0000(1)


2 Partidas e gols totais pelos
clubes, atualizadas até 16 de setembro de 2022.
3 Partidas e gols pela seleção nacional estão atualizadas
até 16 de setembro de 2022.

Sebastián Coates Nion (Montevidéu, 7 de outubro de 1990) é um futebolista uruguaio que atua como zagueiro. Atualmente joga no Sporting.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nacional[editar | editar código-fonte]

Chegou ao Nacional com 11 anos de idade, participando de todas as divisões de base. Em 2009, integrou o elenco principal do Nacional a pedido do técnico Gerardo Pelusso. Estreou contra o Bella Vista em 18 de abril de 2009. Seu primeiro gol foi contra o Liverpool-URU, em 26 de abril de 2009, selando o empate em 1 a 1.

Estreou na Copa Libertadores da América com um gol contra o Nacional do Paraguai, na vitória de 3 a 1 sobre a equipe guarani. Jogou contra o Palmeiras nas quartas de final, chegando às semifinais do torneio, onde perdeu para o Estudiantes de La Plata, que mais tarde foi coroado campeão do torneio.

Foi recomendado por Diego Lugano ao São Paulo. Em junho de 2011, Coates confirmou que negócio com o São Paulo já estava 75% certo[3] e, com ajuda de investidores, assinaria com o clube brasileiro, porém, propostas de clubes europeus dificultaram a negociação[4], adiando a decisão de seu futuro para depois de sua participação na Copa América 2011.[5]

Liverpool[editar | editar código-fonte]

Coates (dir.) no Liverpool, ao lado de Martin Kelly

No dia 30 de agosto de 2011, o vice-presidente do Nacional confirmou a venda do zagueiro Liverpool.[6] Coates foi anunciado como novo reforço do clube inglês no dia seguinte, tendo sido contratado por R$ 18,5 milhões.[7] Como não possuía passaporte europeu e ainda não tinha o número mínimo de convocações para a Seleção Uruguaia exigidos pela FA, o defensor necessitou de uma permissão especial.

Sunderland[editar | editar código-fonte]

Em 1 de setembro de 2014, foi confirmado por empréstimo como reforço do Sunderland, assinando por uma temporada.[8]

Sporting[editar | editar código-fonte]

No dia 28 de janeiro de 2016, Coates foi cedido por empréstimo ao Sporting até o final da temporada.[9] Ao final desta, o clube renovou o empréstimo até o fim da época 2016–17.[10] Em fevereiro de 2017, o Sporting acionou a cláusula de compra do contrato, transferindo-se em definitivo para o clube.[11]

Seleção Nacional[editar | editar código-fonte]

Pela Seleção Uruguaia Sub-20, Coates foi convocado para o Sul-Americano Sub-20 de 2009, disputado na Venezuela, onde jogou seis dos nove jogos disputados pela Celeste. Com o terceiro lugar na competição, o Uruguai classificou-se para o Mundial Sub-20 de 2009 no Egito, entre setembro e outubro daquele ano.

Já pela Seleção Uruguaia principal, Coates estreou no dia 23 de junho de 2011, num amistoso contra a Estônia. No mesmo ano conquistou a Copa América e foi escolhido como revelação do torneio.[12] Cinco anos depois, chegou a ser convocado para a Copa América Centenário de 2016, porém foi cortado por lesão, dando lugar a Gastón Silva.[13]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Nacional
Liverpool
Sporting
Seleção Uruguaia

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Coates vai atingir marco histórico no Sporting». SAPO. 2 de outubro de 2021. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  2. Pedro Miguel Marques (20 de outubro de 2021). «'El Capitán', o central goleador: Coates subiu ao pódio dos defesas com mais golos pelo Sporting». SAPO. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  3. Sergio Gandolphi (13 de junho de 2011). «Campeão, Coates confirma que negócio com São Paulo já está 75% certo». GloboEsporte.com. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  4. «Manchester City entra na briga com o São Paulo para contratar Coates». GloboEsporte.com. 13 de julho de 2011. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  5. «Na mira do São Paulo, Coates promete decisão após Copa América». Terra. 20 de julho de 2011. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  6. «Vice-presidente do Nacional confirma venda de Coates ao Liverpool». Terra. 30 de agosto de 2011. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  7. «Liverpool anuncia contratação de zagueiro que estava na mira do São Paulo». UOL. 31 de agosto de 2011. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  8. Craig Hope (1 de setembro de 2014). «Sebastian Coates signs for Sunderland on season-long loan from Liverpool» (em inglês). Daily Mail. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  9. «Sporting oficializa empréstimo de Coates». SAPO. 28 de janeiro de 2016. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  10. «Sporting renova empréstimo de Sebastián Coates». Site oficial do Sporting. 10 de maio de 2016. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  11. «"Falou-se muita coisa, mas quis sempre ficar no Sporting CP"». Site oficial do Sporting. 2 de fevereiro de 2017. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  12. «Copa América: Suárez o MVP, Coates a revelação». Maisfutebol. 24 de julho de 2011. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 
  13. «Coates é cortado, e Gastón Silva defenderá o Uruguai na Copa América». ESPN Brasil. 18 de maio de 2016. Consultado em 8 de fevereiro de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]