Stéphane Demol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Stéphane Demol
140PXpx
Informações pessoais
Nome completo Stéphane Auguste Demol
Data de nasc. 11 de março de 1966 (49 anos)
Local de nasc. Watermael-Boitsfort,  Bélgica
Altura 1.88 m
Apelido Demol
Informações profissionais
Posição Treinador (Ex-Defensor)
Clubes de juventude
1974–1980
1980–1984
Bélgica Drogenbos
Bélgica Anderlecht
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1984–1988
1988–1989
1989–1990
1990–1991
1991–1993
1993–1994
1994
1995
1995–1996
1996–1998
1998–1999
1999–2000
Bélgica Anderlecht
Itália Bologna
Portugal Porto
França Toulouse
Bélgica Standard de Liège
Bélgica Cercle Brugge
Portugal Braga
Grécia Panionios
Flag of Switzerland (Pantone).svg Lugano
França Toulon
Bélgica Denderleeuw
Total'
52 (6)
21 (2)
31 (11)
33 (2)
56 (5)
12 (0)
3 (0)
3 (0)
6 (0)
27 (1)
6 (1)
250 (28)
Seleção nacional
1986–1991 Flag of Belgium (civil).svg Bélgica 38 (1)
Times/Equipas que treinou
2000-2001
2001–2002
2002–2003
2003
2004–2005
2005–2006
2006–2008
2008–2009
2009
2010
2010–2011
2012
2012–2013
2014–2015
Bélgica Turnhout
Bélgica Geel
Bélgica Mechelen
Bélgica Denderleeuw
Grécia Egaleo
BélgicaStandard de Liège (assistente)
Flag of Belgium (civil).svg Bélgica (assistente)
Grécia Ethnikos Achna
Bélgica Charleroi
Chipre Aris Limassol
Grécia PAS Giannina
Bélgica FC Brussels
Tailândia BEC Tero Sasana
Arábia Saudita Al-Faisaly

Stéphane Auguste Demol, mais conhecido como Stéphane Demol (Watermael-Boitsfort, arredores de Bruxelas - 11 de março de 1966) é um ex-futebolista e treinador de futebol belga. Atuou em duas edições de Copa do Mundo[1] .

Demol atingiu o ápice da carreira no Anderlecht e Standard de Liège. Jogou também por Bologna, Porto, Toulouse, Cercle Brugge, Braga, Panionios, Lugano, Toulon e Denderleeuw.

Pelo Halle, Demol passou a exercer dupla função (era jogador e treinador ao mesmo tempo), até deixar de vez a carreira de jogador, em 2000.

Após deixar os gramados como atleta, Demol comandou Turnhout, Geel, Mechelen, Denderleeuw, Egaleo e Ethnikos Achna. Foi também assistente da Seleção Belga e do Standard. comandou também o Charleroi, mas a falta de resultados o levaram à demissão. em seguida comandou o Aris Limassol[2] , PAS Giannina, retornou ao país de origem pra comandar o FC Brussels. comandou o BEC Tero Sasana, da Tailândia[3] e anteriomente, o Al-Faisaly.

Referências

  1. Transfermarkt. Manager profile - Stéphane Demol (em inglês). Visitado em 07/06/2015.
  2. Lavenir (22/03/2010). Chypre: Stéphane Demol limogé à Aris Limassol (em francês). Visitado em 07/06/2015.
  3. Lesoir (04/12/2012). Foot : Stéphane Demol entraîneur de Sasana en Thaïlande (em francês). Visitado em 07/06/2015.
Bandeira de BélgicaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas belgas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.