U-1055

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
U-1055
U-Boot Tipo VIIC.
Carreira   Bandeira da marinha que serviu
Data de encomenda 5 de junho de 1941
Estaleiro F. Krupp Germaniawerft, Kiel[1]
Batimento de quilha 30 de março de 1943
Lançamento 9 de março de 1944
Comissionamento 8 de abril de 1944
Características gerais
Tipo de navio Submarino
Classe Tipo VIIC[2][3]
Deslocamento 769 toneladas (superfície)
871 toneladas (submerso)
Altura 9,55 m
Comprimento 67,1 m
Boca 6,18 m
Calado 4,74 m
Propulsão 3 200 HP (superfície)
750 HP (submerso)
Velocidade 17,7 nós (32,8 km/h) (superfície)
7,6 nós (14,1 km/h) (submerso)
Autonomia 8 500 milhas (15 742 km) / 10 nós (18,5 km/h) (superfície)
80 milhas (148,2 km)/ 4,0 nós (7,4 km/h) (submerso)
Profundidade máximo de 220 m
Armamento lança torpedos 4/1 (tubos de popa/tubos de convés), 14 torpedos
Canhão de 88 mm, 250 tiros
Canhão antiaéreo de 20 mm, 4 380 tiros
Tripulação 46 tripulantes

Unterseeboot 1055 foi um submarino alemão do Tipo VIIC, pertencente a Kriegsmarine que atuou durante a Segunda Guerra Mundial.[4][5][6]

Durante o seu período de operação, realizou duas patrulhas de guerra, nas quais afundou quatro navio aliados num total de 19,413 toneladas. Foi afundado por causas desconhecidas no dia 23 de abril de 1945.[4][7]

Comandantes[editar | editar código-fonte]

Comandante[4][6] Data
Oblt. Rudolf Meyer 8 de abril de 1944 - 23 de abril de 1945

Operações[editar | editar código-fonte]

Primeira Patrulha de Guerra[editar | editar código-fonte]

Realizou a sua primeira patrulha de guerra no dia 11 de dezembro de 1944, partindo de Marviken sob o comando do Oberleutnant Rudolf Meyer.

O U-1055 torpedeou o navio cargueiro Jonas Lie da Classe Liberty (comandante Carl Lionel Von Schoen) na entrada do canal de Bristol [coordenadas 1] às 18h 15min do dia 9 de janeiro de 1945.[8] Um dos torpedos atingiu o navio a estibordo, abrindo um buraco na sala das máquinas e um rombo de 20 pés ao longo da linha da água, causando a morte de dois tripulantes que ali estavam. Após 25 minutos, 41 membros da tripulação, 27 guardas armados e um passageiro já haviam deixado o navio em três botes salva-vidas, sendo resgatados pelo HMS Huddersfield Town.[8]

Dois dias depois, entre às 16h 10min e 16h 40min o U-1055 atacou diversos navios na costa do mar da Irlanda, a oeste de Anglesey.[9] Dos torpedos disparados, o primeiro explodiu próximo do navio mercante iugoslavo Senga, não causando nenhum dano a este.[9] Em seguida, um torpedo atingiu o Roanoke [coordenadas 2] e lhe arrancou a sua popa, causando seu afundamento em três minutos. Dos 63 tripulantes, 4 morreram e os demais 59 sobreviveram, dentre os quais estavam 38 membros da tripulação e 25 guardas armados, tendo estes abandonado o navio em dois botes salva-vidas e uma balsa, sendo resgatados três horas depois pelo navio de patrulha britânico HMS PC-74 e pelo navio Senga.[9]

O outro navio atacado foi o Normandy Coast (comandante Fredrick Mara) que afundou após dois minutos, causando a morte de 18 membros da tripulação e um guarda. Sobreviveram o capitão do navio, cinco membros da tripulação e dois guardas armados, que foram resgatados pelo navio de patrulha britânico HMS PC-74.[10]

No dia 15 de janeiro de 1945, torpedeou e afundou o navio Maja (comandante William Cecil Robinson) a sudeste de Drogheda [coordenadas 3]. Morreram neste ataque 17 membros da tripulação e oito guardas armados. O capitão, dois guardas armados e 37 membros da tripulação foram resgatados pelo navio britânico Hendrik Conscience.[11]

Após esta primeira patrulha que durou 53 dias, o U-1055 atracou em Stavanger no dia 1 de fevereiro de 1945, após ter afundado quatro navios aliados na soma de 19413 toneladas.[4]

Segunda Patrulha de Guerra[editar | editar código-fonte]

Em sua segunda e última patrulha de guerra, partiu de Bergen, Noruega, no dia 5 de abril de 1945. Desapareceu após 19 dias de patrulhas, no dia 23 de abril de 1945 no Canal Inglês, não havendo nenhum registro para o seu afundamento.[4]

Subordinação[editar | editar código-fonte]

Durante o seu tempo de serviço, esteve subordinado às seguintes flotilhas:[4][6]

Período Flotilha
8 de abril de 1944 - 30 de novembro de 1944 5. Unterseebootsflottille (treinamento)
1 de dezembro de 1944 - 23 de abril de 1945 11. Unterseebootsflottille (serviço ativo)

Patrulhas[editar | editar código-fonte]

Comandante Partida Chegada Dias Toneladas[4][6]
Oblt. Rudolf Meyer 1 de dezembro de 1944 Kiel 4 de dezembro de 1944 Horten 4 dias
Oblt. Rudolf Meyer 9 de dezembro de 1944 Horten 10 de dezembro de 1944 Marviken 2 dias
1 Oblt. Rudolf Meyer 11 de dezembro de 1944 Marviken 1 de fevereiro de 1945 Stavanger 53 dias 19,413[12]
Oblt. Rudolf Meyer 22 de março de 1945 Stavanger 23 de março de 1945 Bergen 2 dias
2 Oblt. Rudolf Meyer 5 de abril de 1945 Bergen 23 de abril de 1945 Afundado 19 dias[13]
Total 72 dias 19413 t

Navios atacados[editar | editar código-fonte]

Data Comandante Nome da Embarcação Toneladas Nacionalidade Comboio Local do ataque
9 de janeiro de 1945 Rudolf Meyer Jonas Lie[8][14][6] 7,198  Estados Unidos ON-277 [coordenadas 4]
11 de janeiro de 1945 Rudolf Meyer Roanoke[9][15][6] 2,606  Estados Unidos [coordenadas 5]
11 de janeiro de 1945 Rudolf Meyer Normandy Coast[10][16][6] 1,428  Reino Unido [coordenadas 6]
15 de janeiro de 1945 Rudolf Meyer Maja[11][9][6] 8,181  Reino Unido [coordenadas 7]
Total 19413 t

Ver também[editar | editar código-fonte]

Coordenadas

Referências

  1. Guðmundur Helgason. «F. Krupp Germaniawerft AG, Kiel» (em inglês). u-boat.net. Consultado em 31 de janeiro de 2014 
  2. Deutsche U-Boote 1935 - 1945. «Typ VIIC» (em alemão). Consultado em 31 de janeiro de 2014 
  3. Uboat.net. «Type VIIC» (em inglês). Consultado em 31 de janeiro de 2014 
  4. a b c d e f g Guðmundur Helgason. «U-1055» (em inglês). uboat.net. Consultado em 31 de janeiro de 2014 
  5. «U-1055» (em alemão). Lexikon der Wehrmacht. Consultado em 31 de janeiro de 2014 
  6. a b c d e f g h Sharpe 1998, p. 163
  7. «U-1055 (+1945)» (em inglês). Wrecksite. Consultado em 15 de fevereiro de 1945  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  8. a b c Guðmundur Helgason. «Jonas Lie» (em inglês). uboat.net. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  9. a b c d e Guðmundur Helgason. «Roanoke» (em inglês). uboat.net. Consultado em 15 de fevereiro de 2014  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "Roanoke" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  10. a b Guðmundur Helgason. «Normandy Coast» (em inglês). uboat.net. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  11. a b Guðmundur Helgason. «Maja» (em inglês). uboat.net. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  12. Guðmundur Helgason. «Patrol info for U-1055» (em inglês). uboat.net. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  13. Guðmundur Helgason. «Patrol info for U-1055» (em inglês). uboat.net. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  14. «Jonas Lie» (em inglês). Wrecksite. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  15. «Roanoke» (em inglês). Wrecksite. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  16. «Normandy Coast» (em inglês). Wrecksite. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre U-1055
  • Blair, Clay (1996). Hitler's U-boat War. The Hunters, 1939-1942 (em inglês). New York: Random House. 774 páginas. ISBN 0394588398 
  • Blair, Clay (1998). Hitler's U-boat War, Vol II (em inglês). New York: Random House. 820 páginas. ISBN 0679457429 
  • Jürgen, Rohwer; Gerhard Hümmelchen (1992). Chronology of the war at sea 1939-1945 : the naval history of world War Two (em inglês) 2ª ed. Annapolis, Maryland (USA): Naval Institute Press. 432 páginas. ISBN 155750105X 
  • Niestle, Axel (1998). German U-Boat Losses During World War II (em inglês). Annapolis, Maryland (USA): Naval Institute Press. 160 páginas. ISBN 1557506418 
  • Sharpe, Peter (1998). U-Boat Fact File (em inglês). Inglaterra: Midland Publishing. 224 páginas. ISBN 1857800729 
  • Stern, Robert Cecil (1991). Type VII U-boats (em inglês). Annapolis, Maryland (USA): Naval Institute Press. 160 páginas. ISBN 1557508283 
  • Whitley, Michael J (1988). Destroyers of World War Two : an internat. encyclopedia. (em inglês). Londres: Arms and Armour Press. 319 páginas. ISBN 0853689105 
  • Wynn, Kenneth G (1998). U-Boat Operations of the Second World War - Vol 1 (em inglês). Annapolis, Maryland (USA): Naval Institute Press. 368 páginas. ISBN 1557508607 
  • Wynn, Kenneth G (1998). U-Boat Operations of the Second World War - Vol 2 (em inglês). Annapolis, Maryland (USA): Naval Institute Press. 336 páginas. ISBN 1557508623 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]