Amadeu I de Espanha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Amadeu I
Rei de Espanha
Rei de Espanha
Reinado 16 de novembro de 1870 a 11 de fevereiro de 1873
Predecessor Isabel II
Sucessor Primeira República Espanhola
Duque de Aosta
Período 30 de maio de 1845 a 18 de janeiro de 1890
Predecessor Vítor Emanuel de Saboia
Sucessor Emanuel de Saboia
Cônjuge Maria Vitória del Pozzo
Maria Letícia Bonaparte
Descendência
Emanuel
Vítor
Luís
Humberto
Nome completo
Amadeu Fernando Maria
Casa Saboia
Pai Vítor Emanuel II da Itália
Mãe Adelaide da Áustria
Nascimento 30 de maio de 1845
Palácio Real de Turim, Turim, Flag of the Kingdom of Sardinia.svg Reino da Sardenha
Morte 18 de janeiro de 1890 (44 anos)
Palácio Real de Turim, Turim, Flag of Italy (1861-1946).svg Itália
Enterro Basílica de Superga, Turim
Religião Católica Romana

Amadeu I de Saboia ou de Espanha (Turim, 30 de maio de 1845 — Turim, 18 de janeiro de 1890), foi rei da Espanha de 1870 a 1873. Era filho do rei de Itália, Vítor Manuel II e de sua mulher, Adelaide da Áustria. Casou-se, em 1868, com a princesa Maria Vitória del Pozzo della Cisterna, de quem teve três filhos. Foi proclamado rei pelas cortes espanholas, em 16 de novembro de 1870, após o fracasso da candidatura von Hohenzollern e da recusa de Fernando de Saxe-Coburgo-Gota, rei consorte de Portugal, ao trono da Espanha, mas a agitação republicana e carlista forçou-o a abdicar do trono. Pertencia à Casa de Saboia.

Início de vida[editar | editar código-fonte]

Pertencente a Casa de Saboia, o príncipe Amadeu nasceu em Turim, Itália. Ele foi o segundo filho de Vítor Emmanuel II, rei da Sardenha e, mais tarde, o primeiro rei da Itália) e da arquiduquesa Maria Adelaide da Áustria, esta pertencente a Casa de Habsburgo.

Em 1867, Amedeu quis se casar com Maria Vitória del Pozzo, princesa del Pozzo della Cisterna (9 de agosto de 1847 - 8 de novembro de 1876). O rei Vítor opôs-se inicialmente à correspondência de ambos com o fundamento de que a família de Maria Vitória era de insuficiente classificação, bem como a sua esperança do seu filho Amadeu casar com uma princesa alemã da Casa von Hohenzollern.[1]

Amadeu I

Apesar do seu título nobiliárquico de princesa, Maria Vitória não pertencia a nenhuma nobreza soberana ou que fosse a piemontesa, somente a nobreza belga e italiana. Ela foi, no entanto, a única herdeira da imensa fortuna do pai,[2] que herdou posteriormente dos duques de Aosta, obtendo assim, independentemente da sua riqueza dinástica e de licenças dos reis da Itália. Seu pai era o então príncipe Della Cisterna e a sua mãe, Luísa, condessa de Mérode, era neta do príncipe de Rubempré e da princesa de Grimberghe, e pertencia à uma tradicional família nobre da Bélgica: os van Mérode, .

Amadeu e Maria Vitória tiveram três filhos:

  • Emanuele Filiberto, 2.º duque de Aosta (1869-1931), marechal da Itália;
  • Vittorio Emanuele, conde de Turim (1870-1946);
  • Luigi, duque de Abruzzi (1873-1933), montanhista e explorador.

Ainda em março de 1870, a duquesa encontrou-se a apelar ao rei Vítor Manuel de que o seu filho Amadeu tinha encontros extra-conjugais. Mas o rei respondeu-lhe que, embora a sua compreensão sentimental, ele considerou que ela não tinha direito de ditar o comportamento do seu marido e que ela terá sido ciumenta.[3]

Rei de Espanha[editar | editar código-fonte]

Litografia de Dom Amadeu I, Rei da Espanha, em rótulo de cigarro.

Depois da Revolução espanhola que depôs Isabel II, as novas Cortes decidiram reintroduzir a monarquia no âmbito de uma nova dinastia. O duque de Aosta foi eleito como rei Amadeu I em 16 de novembro de 1870. Ele jurou defender a constituição de Madrid em 2 de janeiro de 1871. A eleição do novo rei coincidiu com o assassinato do general Juan Prim, o seu principal financiador. Depois disso, Amadeu teve de lidar com situações difíceis, com a instabilidade política espanhola, conspirações republicanas, revoltas carlistas, separatismo em Cuba, mesmo partido de litígios, evasivas governamentais e atentados.

Brasão de armas de Amadeu I de Espanha.

Ele só podia contar com o apoio do partido progressista, cujos dirigentes estavam em negociação fora do governo, graças à maioria parlamentar e de fraude eleitoral. Os progressistas divididos em monárquicos e constitucionalistas, que apresentou a pior instabilidade, e em 1872, uma violenta explosão de conflitos atingiu um pico superior. Houve uma revolta carlista nas regiões catalã e basca, e depois disso, revoltas republicanas ocorreram em cidades de todo o país. O corpo de artilharia do exército entrou em greve, e o governo encarregou o rei de os disciplinar.

Com a possibilidade de reinar sem apoio popular, Amadeu emitiu uma ordem contra a artilharia do corpo e, depois, imediatamente abdicou do trono espanhol em 11 de fevereiro de 1873. Na mesma noite, Espanha foi proclamada república, momento em que Amadeu fez uma aparição antes das cortes, proclamando o ingovernável povo espanhol.

Pós-abdicação[editar | editar código-fonte]

Completamente revoltado, o ex-monarca deixou Espanha e retornou à Itália, onde ele retomou o título de Duque de Aosta.

Após a morte da sua primeira esposa, ele casou com uma sobrinha francesa, a princesa Marie Laetitia Napoléon (20 de novembro de 1866 - 25 de outubro de 1926). Eles tiveram um filho: Humberto, Conde de Salemi (1889-1918), morto na Primeira Guerra Mundial.

Amadeo permaneceu em Turim, na Itália, até à sua morte em 18 de janeiro de 1890. O seu nome foi dado a um lago na Austrália, o lago Amadeus.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Amadeu I de Espanha

A Primeira República Espanhola durou menos de um ano e, em 1875, Afonso XII de Espanha, filho de Isabel II, foi proclamado rei, com Antonio Cánovas del Castillo, como primeiro-ministro espanhol a partir de 1873 até ao seu assassinato em 1893.

Referências

  1. Pollock, Sabrina. (2006-8). "Spain's Forgotten Queen". European Royal History Journal 9.4 (LII): pages 25-26.
  2. Ibid: page 25.
  3. Ibid: page 26.
Casa de Saboia
Amadeu I de Espanha
Nascimento: 30 de maio de 1845; Morte: 18 de janeiro de 1890
Precedido por
Isabel II
Coat of Arms of King Amadeo of Spain (1871-1873).svg
Rei de Espanha

18701873
Sucedido por
monarquia abolida
Precedido por
Vítor Emanuel de Saboia
Coat of arms of the savoy-aosta line.svg
Duque de Aosta

1845-1890
Sucedido por
Emanuel de Saboia