Beira Litoral

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Província Histórica da Beira Litoral

A Beira Litoral é uma província histórica (ou região natural) portuguesa, formalmente instituída por uma reforma administrativa havida em 1936. O seu território corresponde na sua maior parte ao da antiga Província do Douro desaparecida no século XIX.

As províncias de 1936, no entanto, praticamente nunca tiveram qualquer atribuição prática, e desapareceram do vocabulário administrativo (mas não do vocabulário quotidiano dos portugueses) com a entrada em vigor da Constituição de 1976 sendo uma atual província histórica de Portugal.

Faz fronteira a Norte com o Douro Litoral, a Este com a Beira Alta e a Beira Baixa, a Sudeste com o Ribatejo, a Sudoeste com a Estremadura e a Oeste com o Oceano Atlântico.

É então constituída por 33 concelhos, integrando a maior parte dos distritos de Aveiro e Coimbra, metade do distrito de Leiria, e ainda um concelho do distrito de Santarém. Tinha a sua sede na cidade de Coimbra.

Actualmente, esta província faz parte, na sua quase totalidade, da região Centro, abarcando porém três municípios situados na região Norte, subregião do Entre Douro e Vouga (Oliveira de Azeméis, São João da Madeira e Vale de Cambra). Quanto aos municípios da região Centro, repartem-se pela totalidade das sub-regiões do Baixo Vouga, Baixo Mondego, a quase totalidade do Pinhal Interior Norte (exceptuados os municípios de Oliveira do Hospital e Tábua, que pertenciam à Beira Alta, e da Pampilhosa da Serra, integrado na Beira Baixa), parte do Pinhal Litoral (excepto os concelhos da Marinha Grande e Porto de Mós) e por fim um concelho do Médio Tejo (Ourém).