Chalcidoidea

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaChalcidoidea
Eupelmus urozonus

Eupelmus urozonus
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordem: Hymenoptera
Subordem: Apocrita
Superfamília: Chalcidoidea
Latreille, 1817

Os membros da superfamília Chalcidoidea estão dentro dos Hymenoptera Apocrita. Descrevem-se 22 000 espécies, mas estima-se existir 100 000 ou até mesmo 500 000 espécies o que resulta 10% das espécies de insetos. São vespas pequeninas, de cores escuras, muitas vezes com detalhes no corpo complexos de cor azul ou verde metálico. Também são reconhecidas pela característica de nervação reduzida das asas, similar ao que é visto em outras superfamílias de vespas parasitas.

Características[editar | editar código-fonte]

Geralmente com até 5 mm de cumprimento o que permite a muitas espécies serem parasitoides de outros invertebrados, parasitando principalmente ovos, larvas e pupas de insetos. São encontradas em 12 ordens de insetos inclusive Lepidoptera, Diptera, Coleoptera, Hemiptera e outros Hymenoptera, bem como duas ordens de Arachnida e também uma família de Nematoda.

Além dos parasitoides, há algumas espécies com o hábito fitófago, as larvas alimentam-se dentro de sementes, caules, galhas etc., são encontrados nas famílias Agaonidae, Eurytomidae, Eulophidae, Pteromalidae, Tanaostigmatidae e Torymidae. E o hábito predador é encontrado em larvas de Encyrtidae que alimentam-se de ovos de Coccoidea e Eurytomidae que predam larvas de Cynipoidea.

Outras características da superfamília são, conforme citado no trabalho de Damolin & Melo (2004):1

  • Ausência de células fechadas na asa anterior (no caso de espécies em que as asas estão presentes);
  • Sensilas placoides (placas multiporosas) em pelo menos um dos flagelômeros antenais;
  • Prepecto externamente visível (oculto em membros da família Rotoitidae);
  • Espiráculo mesotorácico na margem lateral do mesoscuto (caráter mais confiável);
  • Antenas geniculadas, com normalmente menos de 15 artículos e com o flagelo diferenciado em clava e funículo.

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

A taxonomia das famílias de Chalcidoidea está em fluxo contínuo à medida que surgem novas hipóteses. Com o advento de análises moleculares de DNA seguramente haverá novas revisões.

Existem 19 famílias reconhecidas atualmente:

É conhecida apenas uma família extinta, Khutelchalcididae Rasnitsyn, Basibuyuk & Quicke, 2004.

Sabe-se que pelo menos cinco de todas estas famílias são grupos artificiais (parafiléticos) e estão subdivididos em várias famílias ou em outros casos fusionando-se com outras famílias. A mais problemática é Pteromalidae e em algumas classificações considera-se que há hasta oito linhagens independentes que têm sido agrupados devido a semelhanças superficiais.

Referências

  1. DALMOLIN, A.; MELO, G.A.R. (21 jan.), escrito em UFPR Online, Chalcidoidea (publicado em ago. 2004), http://zoo.bio.ufpr.br/hymenoptera/chalcidoidea/chalc_inicio.htm, visitado em 2010-01-25