Diego Alonso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Diego Alonso
Informações pessoais
Nome completo Diego Martín Alonso López
Data de nasc. 16 de abril de 1975 (39 anos)
Local de nasc. Montevideo, Uruguai
Apelido Tornado
Informações profissionais
Clube atual Paraguai Olimpia
Posição Treinador (ex-atacante)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1997–1999
1999–2000
2000–2001
2001–2002
2002–2003
2003–2004
2004–2005
2005–2006
2006
2007
2008–2009
2009–2011
Uruguai Bella Vista
Argentina Gimnasia La Plata
Espanha Valencia
Espanha Atlético de Madrid
Espanha Racing Santander
Espanha Málaga
México Pumas
Espanha Real Murcia
Uruguai Nacional
República Popular da China Shanghaï Shenhua
Argentina Gimnasia La Plata
Uruguai Peñarol
0038 000(19)
0032 000(17)
0033 0000(8)
0038 000(22)
0022 0000(1)
0024 0000(6)
0032 000(14)
0024 0000(2)
0013 0000(5)
0013 0000(7)
0036 0000(7)
0045 000(16)
Seleção nacional
1999–2004 Flag of Uruguay.svg Uruguai 0008 0000(0)
Times que treinou
2011–2012
2012–2013
2013
2014–
Uruguai Bella Vista
Paraguai Guaraní
Uruguai Peñarol
Paraguai Olimpia

Diego Martín Alonso López (Montevidéu, 16 de abril de 1975) é um ex-futebolista e atual treinador de futebol uruguaio. Atualmente é treinador do Olimpia.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Como jogador[editar | editar código-fonte]

Alonso nasceu em Montevidéu, capital do Uruguai. Ele fez sua estréia profissional com Bella Vista, onde permaneceu por quatro temporadas, ajudando o clube a conquistar o título da segunda divisão, em 1997.

Após um breve período na Argentina com o Gimnasia La Plata, Alonso mudou para a Espanha, onde jogou por cinco clubes em vários anos: Valencia, Atlético de Madrid (onde marcou 22 gols em 2001–02, ajudando o Atlético de Madrid a subir e, formando uma parceria eficaz com o compatriota Fernando Correa). Ainda passou por Racing Santander, Málaga CF e Real Murcia, onde não teve um bom desempenho. Depois ele jogou um ano no México, no UNAM Pumas.

Em 2006, aos 31 anos de idade, Alonso regressou ao seu país, juntando-se ao Nacional. No entanto, pouco depois, mudou-se novamente, assinando com o chinês Shanghaï Shenhua. Em 2008, retorna ao Gimnasia La Plata, e depois de duas temporadas com o Gimnasia, assinou com o Peñarol.

Como técnico[editar | editar código-fonte]

Após a perda da Copa Libertadores de 2011, anunciou sua aposentadoria do futebol para se dedicar a carreira de treinador.[1] Começou sua carreira de técnico no Bella Vista, clube no qual também estreou como futebolista. No Bella Vista, Alonso conseguiu salvar a equipe de um quase assegurado rebaixamento. No final da temporada, resolveu deixar o clube.

Em 2012, acertou com o Guaraní, do Paraguai.[2] Após uma boa campanha, onde chegou a brigar pelo título paraguaio, acertou com o Peñarol em 2013.[3]

Após a eliminação na primeira fase da Copa Sul-Americana de 2013, somado ao péssimo inicio de Torneio Apertura, conquistando apenas cinco pontos em dezoito disputados, Alonso é demitido do comando do Peñarol.[4]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Com o Valencia, tornou-se o vice-artilheiro da Liga dos Campeões da UEFA de 2000–01 (6 gols).
  • Em 2001, no Atlético de Madrid, foi o artilheiro do Campeonato Espanhol da Segunda Divisão com 22 gols.
  • Tem uma filial, filial Diego Alonso, no clube Gimnasia y Esgrima La Plata, onde foi jogador.
  • Ele foi o autor do primeiro gol marcado pelo Gimnasia y Esgrima La Plata na partida de volta a primera divisão, contra o Atlético de Rafaela
  • Defendeu as duas maiores equipes do Uruguai: o Peñarol e o Nacional.
  • Estreou na mesma equipe (Bella Vista) como jogador e como treinador em 1997 e 2011, respectivamente.
  • É primo do jogador Iván Alonso.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Como jogador[editar | editar código-fonte]

Bella Vista
Atlético de Madrid
Pumas
Shanghaï Shenhua
Peñarol

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de UruguaiSoccer icon Este artigo sobre futebolistas uruguaios é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.