Alejandro Martinuccio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alejandro Martinuccio
Alejandro Martinuccio
Martinuccio pelo Peñarol
Informações pessoais
Nome completo Alejandro Hernán Martinuccio
Data de nasc. 16 de Dezembro de 1987 (26 anos)
Local de nasc. Buenos Aires,  Argentina
Nacionalidade  Argentina,  Itália
Altura 1,77 m [1]
Canhoto
Apelido El Negro, Porteño, Messinuccio
Informações profissionais
Clube atual Brasil Coritiba
Número 11
Posição Meio-Campista
Clubes de juventude
Argentina River Plate
Argentina Nueva Chicago
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2007–2009
2009–2011
2011–
2012
2012–2014
2014–
Argentina Nueva Chicago
Uruguai Peñarol
Brasil Fluminense
Espanha Villarreal (emp.)
Brasil Cruzeiro (emp.)
Brasil Coritiba (emp.)
0017 0000(9)
0055 000(14)
0014 0000(1)
0013 0000(1)
0018 0000(4)
0007 0000(2)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 9 de setembro de 2014.


Alejandro Hernán Martinuccio[1] (Buenos Aires, 16 de dezembro de 1987) é um futebolista argentino que atua como atacante e Meio-campo. Atualmente joga no Coritiba, emprestado pelo Fluminense.

Martinuccio iniciou a carreira nas divisões de base do River Plate, mas se destacou com a camisa do Nueva Chicago. Fez sua estreia profissional na temporada 2007/08, onde jogou 8 jogos sem fazer gols. Em 2008/09, conseguiu fazer nos nove jogos disputados a marca de nove gols.

Com este grande aproveitamento, Martinuccio despertou interesse de grandes clubes da Argentina e da América do Sul, entre eles o Peñarol.

Peñarol[editar | editar código-fonte]

2009-10[editar | editar código-fonte]

Em 2009, Martinuccio foi contratado pelo Peñarol, por um pouco menos de 1 milhão de reais, onde assinou um contrato até agosto de 2010. Estreou em 23 de agosto de 2009 contra o Montevideo Wanderers e marcou seu primeiro gol contra o Central Español, jogando 32 partidas e marcando 8 gols na temporada 2009-10. Logo em seu primeiro ano no Peñarol, ganhou o Campeonato Uruguaio de 2009-10.

2010-11[editar | editar código-fonte]

Na temporada 2010-11 foi uma de suas melhores temporadas mesmo sem boa media de gols pelo Campeonato Uruguaio foi o melhor da competição terminando com 23 jogos e 6 gols e levando o Peñarol a Copa Libertadores da América de 2011. Foi o grande destaque no Peñarol em 2011 considerado o segundo melhor da Copa Libertadores da América de 2011 atrás de Neymar. Marcou um gol decisivo contra o Internacional, no Beira-Rio, em jogo que terminou em 2 a 1 para o Peñarol, classificado às quartas-de-final contra o Universidad Católica, onde marcou seu segundo gol na competição. Na final, contra o Santos após um 0x0 no Estádio Centenário, o Peñarol é derrotado no Estádio do Pacaembu, com grande atuação de Neymar, Elano, Danilo, Paulo Henrique Ganso e outros, os gols foram de Neymar e Danilo para o Santos para o Peñarol no chute de Martinuccio a bola foi empurrada por Durval sendo considerado gol contra, nas duas partidas o meia argentino foi anulado pelo volante Adriano, do Peixe, outra peça fundamental para o sucesso santista.

Alejandro Martinuccio atuando na final da Libertadores,
contra o Santos, no Estádio Centenário

Após suas boas atuações pelo clube uruguaio, Martinuccio despertou interesse de vários clubes, entre eles, Palmeiras, Fluminense, Roma e Udinese.[2] [3]

Fluminense[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2011, Martinuccio assinou um pré-contrato com o Palmeiras.[4] Porém, dias depois, acabou acertando com o Fluminense, numa transferência que gerou muita polêmica.[5] O Fluminense obteve 50% dos direitos federativos do atleta, ao preço de aproximadamente 1 milhão de dólares (R$ 1,6 milhões). [6]

Cquote1.svg Chegar ao Fluminense é um passo muito importante na minha carreira. Estou feliz por defender esse clube e atuar no melhor futebol do mundo. Sei que o Fluminense é o atual campeão brasileiro, com uma torcida enorme. Darei meu máximo para conquistar títulos Cquote2.svg
Sobre sua expectativa em atuar no Fluminense

Em 14 jogos pela equipe tricolor no Campeonato Brasileiro, Martinuccio converteu apenas 1 gol, em uma partida contra o Avaí.

Villarreal[editar | editar código-fonte]

No dia 31 de janeiro de 2012, o Villarreal, da Espanha, anunciou um acordo com o Fluminense pelo empréstimo do atacante argentino Martinuccio.[7] O jogador atuou em 13 partidas na temporada e marcou seu único gol pelo Villarreal em partida contra o Real Zaragoza, pela 26ª rodada do Campeonato Espanhol.[8]

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

2012[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2012, foi emprestado pelo Fluminense ao Cruzeiro, para a disputa do Brasileirão 2012.[9] Porém, nos exames médicos, foi detectada uma lesão óssea. Após se recuperar, finalmente assinou o contrato.[10] Estreou no dia 29 de setembro, no empate em 0 a 0 com o Internacional, em Varginha.

Em 13 de outubro de 2012, fez sua estréia como titular no Campeonato Brasileiro em um jogo contra o Flamengo. Ele recebeu a bola na entrada da área e lançou para Everton empatar o jogo em 1 a 1 no Engenhão.[11] . No jogo anterior, contra a Portuguesa, saiu do banco de reservas para dar sua primeira assistência para gol.[12] Fez seu primeiro gol pelo Cruzeiro em 18 de outubro de 2012 contra o Corinthians, recebendo o passe de seu companheiro Souza e tocou por cima do goleiro Cássio e fez 2 a 0 para o Cruzeiro, e também fez uma assistência para o primeiro gol de Anselmo Ramon. Foi o destaque da partida.[13] Fez dois gols em 11 de novembro, contra o Bahia e deu a vitória de virada por 3 a 1 no Independência.[14] [15] Martinuccio fez um gol no clássico entre Atlético-MG e Cruzeiro em que o Cruzeiro perdeu o jogo por 3 a 2.[16] [17] Em 23 de novembro, disse que pretendia continuar no time até 2013.[18] O Cruzeiro tem 20% dos direitos de Martinuccio. O contrato do atacante expira em julho de 2013, mas a opção de antecipar a comprar dos direitos econômicos do atleta não é descartada pela cúpula cruzeirense.[19]

2013[editar | editar código-fonte]

O Cruzeiro acertou no final da tarde do dia 08 de julho, o empréstimo de mais um ano do atacante Martinuccio junto ao Fluminense. O jogador permanecerá na Toca da Raposa até julho de 2014, quando encerra o vínculo do argentino com o clube carioca.

Coritiba[editar | editar código-fonte]

Em 25 de junho de 2014, o Fluminense anunciou o empréstimo de Martinuccio ao Coritiba até o final do ano.[20] Martinuccio chegou ao Coritiba emprestado pelo Fluminense até o fim do ano, mas no clube paranaense não dava certeza de que ele cumpriria o compromisso em sua totalidade. Sem ser utilizado pelo técnico Celso Roth nas últimas partidas, o atacante teve um prazo de dez dias para recuperar a forma física.[21]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 19 de julho de 2014.
Clube Temporada Campeonato
Nacional
Copa
Nacional
Competição
Internacional¹
Outros
Torneios²
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Nueva Chicago
2007–2008
8
0
0
0
0
0
0
0
8
0
2008–2009
9
9
0
0
0
0
0
0
9
9
Total 17 9 0 0 0 0 0 0 17 9
Peñarol
2009–2010
32
8
0
0
0
0
0
0
32
8
2010–2011
23
6
0
0
17
3
0
0
40
9
Total 55 14 0 0 17 3 0 0 72 17
Fluminense
2011
14
1
0
0
0
0
0
0
14
1
2012
0
0
0
0
0
0
1
0
1
0
Total 14 1 0 0 0 0 1 0 15 1
Villarreal
2012
13
1
0
0
0
0
0
0
13
1
Total 13 1 0 0 0 0 0 0 13 1
Cruzeiro
2012
10
4
0
0
0
0
0
0
10
4
2013
7
0
2
0
0
0
0
0
9
0
2014
1
0
0
0
0
0
0
0
1
0
Total 18 4 2 0 0 0 0 0 20 4
Coritiba
2014
2
0
2
0
Total 2 0 2 0
Total na Carreira 119 29 2 0 17 3 3 1 139 32

¹Em competições continentais, incluindo jogos e gols da Copa Libertadores.
²Em outros, incluindo jogos e gols pelo Campeonato Estadual.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Peñarol
Cruzeiro

Referências

  1. a b Dados pessoais de Alejandro Martinuccio, zerozero.com.
  2. Na mira do Verdão, Martinuccio também interessa a Roma e Udinese.
  3. Atlético Paranaense entra na disputa como favorito a levar Martinuccio.
  4. Com pré-contrato assinado, Palmeiras aguarda por Martinuccio.
  5. Flu vai apresentar três reforços no dia de seu aniversário de 109 anos.
  6. Apresentado no Flu, Martinuccio não se preocupa com ação do Palmeiras.
  7. http://www.villarrealcf.es/en/news/portada/item/234-martinuccio-jugar%C3%A1-cedido-en-el-villarreal-cf
  8. Martinuccio marca, mas Villarreal perde de virada para lanterninha.
  9. Martinuccio já está em BH e deve ser anunciado pelo Cruzeiro à tarde. Página visitada em julho de 2012.
  10. Site oficial do Cruzeiro. Em apresentação, Martinuccio agradece e se diz ambientado no Clube.
  11. Globesporte.com. Flamengo x Cruzeiro - Campeonato Brasileiro de 2012. Página visitada em 13 de outubro de 2012.
  12. Cruzeiro x Portuguesa - Campeonato Brasileiro de 2012. Página visitada em 16 de outubro de 2012.
  13. NA ESTREIA DE ZIZAO, MARTINUCCIO BRILHA E DÁ VITÓRIA AO CRUZEIRO CONTRA TIMÃO. Página visitada em 17 de outubro de 2012.
  14. Cruzeiro vence Bahia de virada, faz as pazes com a torcida e complica rival. Página visitada em 11 de novembro de 2012.
  15. Martinuccio brilha, Cruzeiro vira sobre o Bahia e complica o tricolor. Página visitada em 12 de novembro de 2012.
  16. Galo bate o Cruzeiro, é vice-campeão garante vaga direta na Libertadores. Página visitada em 1 de dezembro de 2012.
  17. Martinuccio apoia torcida única e relembra clássicos que disputou. Página visitada em 2 de dezembro de 2012.
  18. De volta ao time, Martinuccio quer ficar no Cruzeiro em 2013. Página visitada em 23 de novembro de 2012.
  19. Martinuccio: Negociação com o Cruzeiro une o útil ao agradável. Página visitada em 14 de dezembro de 2012.
  20. Fluminense acerta empréstimo de meia-atacante Martinuccio ao Coritiba. Página visitada em junho de 2014.
  21. Coxa cogita devolver Martinuccio. Bittencourt questiona razão (7 de agosto de 2014). Página visitada em agosto de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Alejandro Martinuccio