Fabricio Coloccini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Fabricio Coloccini
Fabricio Coloccini.jpg
Informações pessoais
Data de nasc. 22 de Janeiro de 1982 (33 anos)
Local de nasc. Córdoba,  Argentina
Altura 1,83 m
Apelido Colocho
Informações profissionais
Clube atual Inglaterra Newcastle United
Número 2
Posição Zagueiro e Volante
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1998-1999
1999-2000
2000-2001
2001-2002
2002-2003
2003-2004
2004
2004-2008
2008-
Argentina Boca Juniors
Itália Milan
Argentina San Lorenzo
Espanha Deportivo Alavés
Espanha Atlético de Madrid
Espanha Villareal
Itália Milan
Espanha Deportivo La Coruña
Inglaterra Newcastle United
2 (1)
1 (0)
19 (3)
33 (6)
27 (0)
31 (1)
1 (0)
105 (5)
298 (18)
Seleção nacional3
2003- Flag of Argentina.svg Argentina 27 (1)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 5 de outubro de 2013.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 30 de Junho de 2006.

Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Atenas 2004 Equipe

Fabricio Coloccini (Córdoba, 22 de janeiro de 1982) é um futebolista argentino. Atua como zagueiro ou volante.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Começou a carreira nas categorias de base do Argentinos Juniors. Em 1998 transferiu-se para o Boca Juniors, estreando na Primeira División argentina. Nesse mesmo ano foi campeão do Torneio Apertura.

Em março de 2000 transferiu-se para o Milan, na qual teve poucas oportunidades de jogar. A equipe preferiu cedê-lo por empréstimo a vários clubes. O primeiro deles o fez regressou à Argentina já no início do ano seguinte, para jogar no San Lorenzo. Sua passagem foi curta, mas marcante: jogou todos as dezenove partidas do Clausura 2001,[1] do qual o time azulgrana foi campeão obtendo treze vitórias seguidas, um recorde,[2] formando uma celebrada defesa com Eduardo Tuzzio, Horacio Ameli e Aldo Paredes, marcando ainda três gols.[1] Ao fim da temporada, foi cedido ao Deportivo Alavés, estreando na Liga Espanhola em 26 de agosto de 2001 na partida Tenerife 0 - 2 Alavés.

Já na temporada 2002-03 passou a jogar pelo Atlético de Madrid para ano seguinte jogar no Villareal, equipe que daquele ano participou da Copa da UEFA.

Em 2004 voltou ao Milan. Continuou a não ter oportunidades no clube italiano, jogando então a metade da temporada pelo Deportivo La Coruña. Na temporada 2008-09 transferiu-se para o Newcastle da Inglaterra.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Campeonatos Nacionais[editar | editar código-fonte]

Copas Internacionais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b FUENTES, Fernando (2007). Fabricio Coloccini. San Lorenzo: el diccionario azulgrana. 1 ed. Buenos Aires, p. 50
  2. LEAL, Ubiratan (abril de 2008). Sim, eles são grandes. Trivela n. 26. Trivela Comunicações, p. 43
Bandeira de ArgentinaSoccer icon Este sobre um futebolista argentino é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.