Flight

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Flight
Decisão de Risco (PT)
O Voo (BR)
Pôster oficial do filme.
2012 • cor • 139 min 
Direção Robert Zemeckis
Produção Laurie MacDonald
Walter F. Parkes
Jack Rapke
Roteiro John Gatins
Elenco Denzel Washington
Don Cheadle
Kelly Reilly
John Goodman
Gênero Drama
Estúdio Parkes MacDonald + Prods.
ImageMovers
Distribuição Paramount Pictures
País  Estados Unidos
Idioma Inglês
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Flight é um filme de drama estadunidense, dirigido e co-produzido por Robert Zemeckis, escrito por John Gatins e estrelado por Denzel Washington, com Don Cheadle, Melissa Leo, Bruce Greenwood, Kelly Reilly e John Goodman. Flight é o primeiro filme live-action de Robert Zemeckis, depois de Cast Away, lançado em 2000. Foi exibido pela primeira vez em 14 de outubro de 2012 no New York Film Festival,[1] mas apenas lançado nos cinemas em 2 de novembro de 2012 nos Estados Unidos[2] e 8 de fevereiro de 2013 no Brasil.[3]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Era para ser um voo de rotina entre Orlando e Atlanta, porem, o voo SouthJet 227 já estava com seu destino traçado. Há uma grande turbulência na decolagem, superada pelo piloto William "Whip" Whitaker. Depois que o avião é nivelado para voo de cruzeiro, o copiloto Ken Evans assume. William sai da cabine, fala aos passageiros e depois vai à copa e ingere bebida alcoólica com suco de laranja. Ele retorna ao seu assento e cochila. Subitamente, o copiloto noticia perda de controle da aeronave que inicia um mergulho irreversível. O Capitão Whip volta a si e começa manobras impressionantes inclusive colocando a aeronave de cabeça pra baixo. Com isso conseguiu deter o mergulho e fez com que o avião planasse. Dois motores ficam inoperantes e o capitão gira o avião em seu eixo longitudinal, colocando-o de volta na posição de voo normal e devido a experiência de Whip, a aeronave faz uma aterrissagem emergencial e grande parte dos passageiros se salva. Mas há 6 mortes, inclusive a comissária Katerina "Trina" Márquez, amante de Whip. O capitão Whip tinha problemas com uso de cocaína e alcoolismo e no dia do acidente tinha feito o uso da droga e bebida alcoólica. Depois do acidente Whip é afastado de suas atividades como piloto e é iniciada a investigação pelo órgão americano NTSB e ele, que era tido como herói, passa a ser suspeito de ter pilotado sob efeito de substâncias psicotrópicas. Os jornalistas começam a persegui-lo e Whip é alertado que pode perder a licença de piloto de avião e ser preso se fosse provado a negligência profissional. Um antigo amigo de Whip e ex-piloto de avião Charlie Anderson, que representa o sindicato dos pilotos, chama o advogado do órgão Hugh Lang que tem uma vasta experiencia em casos de acidentes aéreos para defender Whip nas acusações que o NTSB está fazendo. Os dois orientam o comandante Whip durante a investigação, porem, Whip continua a usar drogas e beber demasiadamente. Exatamente na noite anterior ao interrogatório, Whip se encontra confinado em um quarto de hotel vigiado e sem qualquer tipo de substância alcoólica ou droga, porém, ele acha uma porta que liga a um outro quarto com bebidas. No dia seguinte, Charlie e Hugh encontram Whip completamente bêbado. O piloto pede que chamem Harling Mays, um traficante que lhe dá cocaína para disfarçar os efeitos da bebida. Aparentando estar normal, Whip vai para o interrogatório do NTSB. Whip mente e nega ter consumido álcool durante o voo mas não consegue deixar que a comissária Trina seja responsabilizada por aquilo no seu lugar. Acaba confessando ter sido ele quem bebeu e é condenado à prisão. A trama termina com Whip dando um depoimento a outros presos sobre sua vida de glamour como piloto de linha aérea e as mentiras que estavam por trás dela. Depois ele recebe a visita de seu filho que passa a ficar mais próximo depois que Whip confessa sua culpa e decide acabar com as mentiras.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

Robert Zemeckis entrou em negociações para dirigir Flight em abril de 2011,[4] e no início de junho de 2011 já havia aceitado, com Denzel Washington prestes a finalizar o suas negociações para atuar no filme.[5] Em meados de setembro de 2011, Kelly Reilly estava em negociações para interpretar o papel feminino principal,[6] com Don Cheadle,[7] Bruce Greenwood,[7] e John Goodman[8] também entrando em negociações, e Melissa Leo e James Badge Dale em negociações finais.[9]

Para interpretar a personagem Nicole Maggen, foram cogitadas os nomes de Olivia Wilde e Dominique McElligott. Mas o papel acabou ficando com Kelly Reilly.[10] Flight é o segundo filme em que os atores Denzel Washington e John Goodman trabalham juntos, o anterior foi Fallen, lançado em 1998.[10]

Referências

  1. Betsy Kim (8 de novembro de 2012). 50th New York Film Festival: 'Flight' - 14 October 2012 (em inglês) PopMatters. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  2. Release dates for - Flight (2012/I) (em inglês) Internet Movie Database. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  3. Agenda de estreias - 08 fevereiro 2013 AdoroCinema. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  4. Borys Kit (20 de abril de 2011). Robert Zemeckis in Talks for Live-Action 'Flight' With Denzel Washington Circling (em inglês) The Hollywood Reporter. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  5. Steven Zeitchik (3 de junho de 2011). Robert Zemeckis finally looks to take 'Flight' (em inglês) Los Angeles Times. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  6. Mike Fleming Jr (12 de setembro de 2012). Paramount And Robert Zemeckis Eye Kelly Reilly For ‘Flight’ Lead (em inglês) Deadline. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  7. a b Clint Morris (22 de setembro de 2011). Exclusive : Cheadle, Greenwood join Zemeckis’s Flight (em inglês) MovieHole.net. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  8. Mike Fleming Jr (28 de setembro de 2011). John Goodman Boards Paramount’s ‘Flight’ (em inglês) Deadline.com. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  9. Borys Kit (30 de outubro de 2011). Melissa Leo, James Badge Dale Booking 'Flight' (Exclusive) (em inglês) The Hollywood Reporter. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
  10. a b Curiosidades, bastidores, novidades, e até segredos escondidos de "O Voo" (em português) AdoroCinema. Visitado em 4 de janeiro de 2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.