Gino Bartali

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gino Bartali, 1938.

Gino Bartali (18 de julho de 1914, Ponte a Ema - 5 de maio de 2000, Ponte a Ema) foi um ciclista italiano. Atuou profissionalmente entre os anos de 1935 e 1954. Recebeu os apelidos de "Il Pio" e "Gino the Pious".

Foi o vencedor do Giro d'Italia em 1936, 1937 e 1946 Jersey pink.svg e do Tour de France em 1938 e 1948 Jersey yellow.svg.

A carreria de Bartali, cinco anos mais velho que Fausto Coppi, foi impulsionada depois da segunda guerra mundial, período considerado os melhores anos do atleta. Popularmente chamado de "Ginetaccio" pelos amigos, foi um grande adversário de Fausto Coppi.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Stefano Pivano - Sia lodato Bartali, ideologia, cultura e miti dello sport cattolico (1936-1948) - Edizioni Lavoro, Roma 1985
  • Gino Bartali - Tutto Sbagliato Tutto da Rifare - Mondadori, 1979
  • Giancarlo Brocci - Bartali il mito oscurato - Protagon Editori Toscani, 2000
  • Domenico Massa - C'eravamo tanto amati - Nuova Editrice Genovese, 2001
  • Leo Turrini - Bartali - l'uomo che salvò l'Italia pedalando - Mondadori, 2004
raça Gino Bartali, em Florença, Itália
Casa onde nasceu Gino Bartali em Ponte a Ema

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Gino Bartali
Ícone de esboço Este artigo sobre ciclismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.