Government Communications Headquarters

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Modelo do edifício sede do GCHQ em Cheltenham.

O Government Communications Headquarters (GCHQ) é um serviço de inteligência britânico encarregado da segurança e da espionagem e contraespionagem nas comunicações, atividades tecnicamente conhecidas como SIGINT (Inteligência de sinais). O órgão também é responsável pela garantia de informação ao Governo Britânico e às Forças Armadas daquele país. Está sediado em Cheltenham.[1]

Ele faz parte do grupo de cinco Estados chamados de "Os Cinco Olhos", a saber: Estados Unidos da América (EUA), Canadá, Austrália, Nova Zelândia e Reino Unido.[2] [3] [4]

Atividades[editar | editar código-fonte]

CESG (Communications-Electronics Security Group) é o braço do GCHQ que trabalha para proteger as comunicações e os sistemas de informação do governo e áreas críticas de infraestrutura nacional do Reino Unido.

O GCHQ, inicialmente chamado Government Code and Cypher School (GCCS ou GC&CS), foi criado após a Primeira Guerra Mundial a partir da Bletchley Park e como resultado da fusão da Room 40 (serviço de criptografia da Marinha Real Britânica) e do MI-8 (serviço de criptografia do Exército Britânico). Em 1946, adotou a sigla GCHQ, mantida até hoje.[5]

Durante a Segunda Guerra Mundial, participou ativamente na luta contra o nazismo, sendo o responsável pela gestão do projeto Enigma que usava a criptografia para proteger e, consequentemente, descriptografar as mensagens inimigas das forças alemãs.[6]

Parcerias[editar | editar código-fonte]

Por meio do tratado UKUSA, o GCHQ compartilha informações com a National Security Agency (NSA), agência de segurança estadunidense, mantendo atividades no Reino Unido com o recolhimento e a análise de informações para o projeto Echelon.[7]

O GCHQ possui uma estação na Ilha de Ascensão, de onde também é feita a interceptação dos sinais de rádio e de satélite advindos de boa parte da América do Sul e da África, por intermédio do mencionado sistema Echelon. Há estações de interceptação de sinais de satélite existentes na ilha, além do grande número de antenas de rádio e de satélite espalhadas por toda a Ilha de Ascensão.

Em 2013, as revelações de Edward Snowden confirmaram e acrescentaram informações sobre as atividades de espionagem do GCHQ. O programa para Exploração Global das Telecomunicações mostrou a ligação do GCHQ com o sistema de Vigilância global da NSA.

Participaçāo no sistema de Vigilância global da NSA[editar | editar código-fonte]

O sistema de vigilância global da NSA foi revelado em junho de 2013 no jornal The Guardian, baseado em documentos delatados por Edward Snowden. São participantes também desse sistema os demais Estados signatários do Tratado de Segurança UK-USA conhecido como "Cinco Olhos" (Five Eyes - em inglês). Os membros participantes são: Estados Unidos, Canadá, Austrália, Nova Zelândia e Reino Unido.[2] [21] .

Através de vários programas, entre eles o programa de vigilância telefônica chamado Exploração Global das Telecomunicações, a agência de inteligência britânica colabora e participa ativamente do sistema de Vigilância global da Agência de Segurança Nacional.[22] [23] [24] [25] [26] [27] .

A existência do programa Exploração Global das Telecomunicações do GCHQ foi revelada ao mesmo tempo que a de seu programa irmão, o programa de vigilância "Dominando a Internet"[28] .

Revelações da vigilância global em 2014[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2014, o The Intercept publicou informações sobre a colaboração do GCHQ com a NSA, mostrando que o GCHQ omitiu, até mesmo dos membros do Parlamento britânico, a extensão de suas atividades conjuntas com a NSA. As revelações levaram os parlamentares britânicos a exigir uma revisão rigorosa das atividades clandestinas do órgão, uma vez que, na primeira vez que isto foi feito, o GCHQ não forneceu dados sobre as proporções reais da sua participação na vigilância global com a NSA.[29]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. GMHQ: Former Employees Discuss the UK Spy Agency - SPIEGEL ONLINE
  2. a b INFO: Brasil sabia sobre espionagem dos EUA desde 2001, diz jornal | INFO
  3. Os “Cinco Olhos” e os cegos Carta Capital (11 de novembro de 2013). Visitado em 17 de março de 2014.
  4. ECHELON: America's Secret Global Surveillance Network. Por Patrick S. Poole.
  5. The GCHQ connection www.guardian.co.uk. Visitado em 15 de abril de 2010.
  6. SIS and GCHQ: Putting the 'C' in Codebreaking www.sis.gov.uk. Visitado em 15 de abril de 2010.
  7. SPIEGEL ONLINE: GCHQ and NSA Targeted Private German Companies - SPIEGEL ONLINE
  8. Cinco olhos, todos em você - 09/07/2013 - Clóvis Rossi - Colunistas - Folha de S.Paulo
  9. STORMBREW-servidores dp Google sāo alvo da NSA - Programa Flying Pig (New Snowden documents show NSA deemed Google networks a "target.")09 de setembro de 2013
  10. Direct NSA Partners: AT&T, Verizon, Microsoft, Cisco, IBM, Oracle, Intel, Qualcomm, Qwest & EDS Washington's Blog 14 de maio de 2014
  11. Direct NSA Partners: AT&T, Verizon, Microsoft, Cisco, IBM, Oracle, Intel, Qualcomm, Qwest & EDS Washington's BlogDirect NSA Partners: AT&T, Verizon, Microsoft, Cisco, IBM, Oracle, Intel, Qualcomm, Qwest & EDS - 14 de maio de 2014
  12. NSA plantou malware em 50.000 redes, diz relatório Jornal O Globo - 25 de novembro de 2013
  13. NSA-Partners1.jpg (JPEG Image, 885 × 651 pixels) - Scaled (98%)Slide da NSA - Empresas parceiras estrategicas- 14 de maio de 2014
  14. Leia com exclusividade mais trechos do livro de Glenn Greenwald Sem lugar para se esconder Empresas parceiras da NSA reveladas no livro de Glenn Greenwald publicado em maio de 2014 - Jornal O Globo - 11 de maio de 2014
  15. NSA violou normas e lei de espionagem milhares de vezes VEJA - 16 de agosto de 2013
  16. LOVEINT: no primeiro dia de trabalho, funcionário da NSA espionou a ex namorada Lei e Desordem-Os abusos na NSA - Ars Technica, por Cyrus Farivar em 27 de setembro de 2013
  17. NSA foi usada até para investigar amantes | TecnoGeek – Novidades Tecnológicas28 de setembro de 2013
  18. Folha de S.Paulo - Mundo - Especial - 2010 - Wikileaks - Segredos da Diplomacia17 de abril de 2011
  19. NSA violava privacidade milhares de vezes por ano, diz jornal Manchetes-Reuters - 16 de agosto de 2013
  20. Direct NSA Partners: AT&T, Verizon, Microsoft, Cisco, IBM, Oracle, Intel, Qualcomm, Qwest & EDS Washington's Blog 14 de maio de 2014
  21. Os “Cinco Olhos” e os cegos Carta Capital (11 de novembro de 2013). Visitado em 17 de março de 2014.
  22. Exploração Global das Telecomunicações e Dominando a Internet - how GCHQ set out to spy on the world wide web | UK news | The Guardian
  23. Exploração Global das Telecomunicações e Dominando a Internet: Como o GCHQ espiona o WWW (titulo original:Mastering the internet: how GCHQ set out to spy on the world wide web ) - The Guardian
  24. Jornal O Globo: Espionagem britânica interceptou cabos de fibra ótica - Jornal O Globo
  25. GCHQ taps fibre-optic cables for secret access to world's communications | UK news | The Guardian
  26. Empresa que aderiu a monitoramento dos EUA atua no Brasil-Global Crossing tem foco em 13 cidades incluindo o Rio por Flávia Barbosa e Sérgio Matsuura O Globo (10 de julho de 2013). Visitado em 19 de março de 2014.
  27. Veja o logo do programa de vigilância mundial "Dominando a Internet" publicado pelo The Guardian ("Global Telecoms Exploitation", em inglês)
  28. GCHQ taps fibre-optic cables for secret access to world's communications | UK news | The Guardian
  29. Chefes da espionagem britânica imploraram para brincar com os bancos de dados da NSA (British Spy Chiefs Secretly Begged to Play in NSA's Data Pools) - The Intercept - 30 de abril de 2014

Ligações externas[editar | editar código-fonte]