Gustav Wagner

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gustav Wagner
Nome completo Gustav Franz Wagner
Nascimento 18 de Julho de 1911
Viena, Áustria
Morte 3 de outubro de 1980 (69 anos)
São Paulo, Brasil
País  Alemanha
Força  Waffen-SS
Anos em serviço 1930-1945
Hierarquia SS-Oberscharführer
Unidade SS-Totenkopfverbände
Comandos Sobibor
Batalhas/Guerras Segunda Guerra Mundial

Gustav Franz Wagner (Viena, 18 de julho de 1911) foi um oficial da SS nazista.

Sargento e subcomandante do Campo de Sobibor[1] , onde ficou conhecido como A Besta de Sobibor, que, fugindo da Alemanha no pós-guerra, chegou ao Brasil, onde residiu com o pseudônimo de Günther Mendel em São Paulo.

Em 30 de junho de 1978, Gustav Wagner é reconhecido por sobrevivente do campo de Sobibor e se entrega à polícia, mas o governo brasileiro se recusa a extraditá-lo, mesmo com Alemanha, Áustria e Israel solicitando sua extradição por sequestro e por assassinato. Residia no Brasil até Simon Wiesenthal descobrir o paradeiro do mesmo. Em razão disso, suicidou-se em 1980 para evitar o julgamento público na Alemanha, acaso viesse a ser extraditado.

Referências

  1. Os Carrascos no Brasil. Página visitada em 18/10/2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.