Ilhéu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com Cayo. Pode-se discutir o procedimento aqui. (desde dezembro de 2010)
Ilhéu na Croácia.
Ilhéu na Tailândia.

Um ilhéu[nota 1] é uma ilha de dimensão reduzida ou um rochedo no meio do mar, também dito «ilhota» ou «farelhão». É geralmente o resultado de um processo de erosão.

Tipos[editar | editar código-fonte]

  • Ilhéu temporário — ilhéu que emerge somente na maré baixa; ilhéu que durante a maré baixa se conecta por um cordão de areia ao continente ou a uma ilha maior.
  • Ilhota satélite — pequena porção de terra isolada por água, situada ao lado de uma ilha principal e maior.
  • Rochedo — um tipo de ilhota não habitável composta de rocha emersa, a qual possui no máximo alguma vegetação rasteira.
  • Banco de areia — ajuntamento de areia em virtude de corrente marinha ou fluvial, coberta por alguma vegetação rasteira.
  • Roca (geologia) — um rochedo vertical, que sai abruptamente do um lago ou do mar.
  • Ilha fluvial — pequena ilha dentro do curso de um rio.

Notas

  1. A partir de 1° de janeiro de 2009, entrou em vigor no Brasil a Reforma Ortográfica da Língua Portuguesa e com isso aboliu-se o uso do acento agudo dos ditongos abertos éu, éi, ói em paroxítonas, mas o acento das oxítonas foi mantido — como em ilhéu, véu, anéis etc.[1] [2]

Referências

  1. Redação Abril (2010). Principais mudanças, acentos, ditongo aberto Abril.com. Visitado em 09/02/2014.
  2. Redatores (2007). Ilhéu Dicionário Caldas Aulete. Visitado em 09/02/2014.