Cânion

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

Desfiladeiro (português europeu) ou cânion (português brasileiro) são os termos utilizados em geomorfologia e geologia para designar um vale profundo com paredes abruptas em forma de penhascos, geralmente escavado por um rio. São também chamados de "garganta". Alguns exemplos de canhões são o Grand Canyon, o Guarterlá, o Itaimbezinho, a Garganta do Diabo no Rio Iguaçu, o Canhão submarino da Nazaré e o desfiladeiro do rio Fish.

Se não todos, a maior parte dos canhões originam-se por um longo e lento processo de erosão fluvial e eólica chamado voçoroca. Diferentes camadas rochosas pouco consolidadas a partir de um planalto são erodidas por um curso de água, criando uma vala. As paredes formam-se quando camadas de rochas resistentes à ação são encontradas, de modo que a água continua escavando um vale para baixo, não afetando a rocha dura. Nas rochas calcárias, estes podem adquirir o nome de canhão fluvio-cársico.

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Cânion