Cabo (geografia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
General Map of Asiatic Russia- Showing an Up-to-Date Division into Provinces and Regions, Maritime Administration of the Maritime Region, and the Routes of Russian Seafarers WDL96.png
Cabo de Sagres (cortesia IPPAR)
Cabo da Boa Esperança

Na geografia, um cabo é um acidente geográfico formado por uma massa de terra que se estende por um oceano ou mar que lhe está adjacente. Um cabo em geral tem mais importância que um promontório, e muitas vezes exerce influência sobre correntes costeiras e outras características oceanográficas de seu meio. Um cabo, portanto, é uma península estreita. É sinônimo de promontório.

Alguns cabos são especialmente famosos denotando pontos importantes dos continentes ou ilhas em que se situam. A navegação efectuada entre cabos sem que se perca contacto visual com a costa denomina-se "cabotagem".

Alguns cabos importantes[editar | editar código-fonte]

  • Grandes cabos (Cabo da Boa Esperança, Cabo Horn e Cabo Leeuwin)

África[editar | editar código-fonte]

América[editar | editar código-fonte]

Ásia[editar | editar código-fonte]

Europa[editar | editar código-fonte]

Oceania[editar | editar código-fonte]

Para outros significados da palavra, veja cabo.