Nação mais favorecida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Nação mais favorecida é um status que uma nação atribui a outra no comércio internacional. Significa que a nação beneficiada terá garantidas as vantagens comerciais – como redução de tarifas – que qualquer outra nação recebe.

Os membros da Organização Mundial do Comércio assumem este acordo entre si, exceto quando existem acordos regionais como área de livre comércio e união aduaneira.

Antigamente, o status de nação mais favorecida era usado em acordos bilaterais entre Estados. No final do século XIX e início do século XX, condições de nação mais favorecida foram impostas em nações da Ásia pelas potências ocidentais. Um exemplo particular é o Tratado de Nanquim, que fez parte da série de tratados desiguais. Foi implementado após os resultados da Primeira Guerra do Ópio entre a Grã Bretanha e a China da Dinastia Qing.

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.