SRWare Iron

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
SRWare Iron
Iron logo.png
Wikipédia anglófona no SRWare Iron
Wikipédia em inglês no SRWare Iron
Desenvolvedor SRWare
Plataforma Mac, GNU/Linux e Windows
Lançamento 18 de setembro de 2008[1]
Versão estável 34.0.1850 (24 de abril de 2014; há 65 semanas e 6 dias)
Gênero(s) Navegador WWW
Licença Software proprietário[2]
Estado do desenvolvimento Ativo
Página oficial SRWare Iron

SRWare Iron - ou simplesmente Iron - é um navegador de código fechado[2] feito com base no Chromium, projeto de software livre criado pela Google[3] , com o objetivo básico de eliminar o rastreamento e certas características que comprometem a privacidade devido a espionagem presente no navegador da Google.

O Iron também implementa certas características adicionais que o distinguem do Google Chrome, assim como da última versão do motor de renderização WebKit e um bloqueador de anúncios integrado[1] .

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O lançamento inicial do SRWare Iron foi em 18 de setembro de 2008, 16 dias após o lançamento da versão inicial do Google Chrome. De acordo com os desenvolvedores do Iron, o código do Chromium foi extensivamente modificado de forma a remover qualquer funcionalidade e dispositivo relacionado a rastreamento[4] .

Mais versões do Iron foram lançadas desde então, recebendo as características subjacentes do código-base do Chromium, incluindo suporte a temas, um agente de usuário, um sistema de extensões e um suporte melhorado para o Linux[1] .

Em 7 de janeiro de 2010, uma versão inicial para o sistema operacional Mac OS X foi lançada[5] .

Diferenças em relação ao Google Chrome[editar | editar código-fonte]

As seguintes características do Google Chrome foram removidas ou desabilitadas no Iron[4] [6] :

  • Identificador RLZ, uma sequência codificada enviada juntamente com todas as consultas do Google [7] ou uma vez a cada 24 horas;
  • Não acessa o Google search no início para usuários tendo o Google como padrão[8] [9] ;
  • Uma identificação única ("clientID") para o usuário nos registros;
  • Uma marca temporal de quando o navegador foi instalado;
  • Páginas de erro ou de servidor não encontrado não estão baseadas no Google;
  • Instalação automática do Google Updater;
  • Obtenção prévia de DNS (em função da possibilidade de isso talvez ser usado por spammers[10] );
  • Barra de endereços automática, com sugestões de busca;
  • Sistema de rastreamento de bugs, envia informações sobre falhas ou erros.

O Iron também oferece uma versão portátil.[11]

Críticas[editar | editar código-fonte]

De acordo com o website lifehacker, o SRWare Iron não oferece muito mais do que você pode obter configurando as preferências de privacidade do Google Chrome[2] . O website não o recomenda. De acordo com outros, o navegador é scamware ou scareware[12] , uma vez que os desenvolvedores citam problemas não existentes no Chrome para afirmar que o Iron os resolve.

Ainda, a página oficial afirma que o software é de código aberto, mas o código fonte não é disponibilizado há anos[2] . De acordo com desenvolvedores, "o SRWare Iron é inteiramente código fechado e tem sido assim pelo menos desde a versão 6[13] ".

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências