Steam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Steam
Steam logo 2014.png
Desenvolvedor Valve Corporation
Lançamento 12 de setembro de 2003[1]
Versão estável 008 (54/977) (2009-set-25)
Sistema operacional Microsoft Windows, Mac OS X e Linux
Gênero(s) Mídia Digital, gestão de direitos digitais, rede social
Licença Proprietária; gratuita
Página oficial http://store.steampowered.com/

Steam é um programa de computador de gestão de direitos digitais criado pela Valve para tentar combater a pirataria e fornecer serviços como atualização automática de jogos aos usuários. Atualmente o Steam conta com aproximadamente 65 milhões de usuários ativos [2] , e tem médias de acesso diário de 6,6 milhões de contas simultâneas [3] . O programa também conta com um sistema de amigos, que permite ao usuário criar uma rede de contatos online, com os quais pode jogar, trocar ítens, interagir no chat e mais

Pelo Steam podem ser baixados e jogados os famosos jogos Counter-Strike, Half-Life, Half-Life 2, Left 4 Dead, Battlefield 2, Call of Duty: Modern Warfare 3 entre um catálogo de mais de 2500 jogos. Você pode inclusive adicionar jogos já instalados na sua máquina no Steam. Para obtê-lo é necessário efetuar o download do cliente oficial na página [4] ; para jogar, é necessário possuir o número de série original de um dos jogos da Valve, mas caso o jogador não disponha de algum, o Steam oferece gratuitamente o jogo Codename Gordon (desenvolvido em flash), uma demonstração do Half-Life 2, no qual o jogador pode hospedar seu próprio servidor.

Existem alguns jogos que podem ser baixados gratuitamente no Steam, alguns são MODs, ou seja, dependem de outros jogos para rodar, outros são completamente gratuitos.

Aplicativo[editar | editar código-fonte]

Comunidade Steam[editar | editar código-fonte]

Em 12 de setembro de 2007, a Valve lançou a Comunidade Steam (em inglês: The Steam Community) [5] , uma rede social que permite aos usuários Steam comunicarem entre si. Pode ser acessado tanto de forma independente (através do navegador ou do próprio Steam) quanto por meio de um programa visualizável sobre jogos com aceleração 3D.

Dependendo das configurações de privacidade, a página do usuário inclui informações pessoais, ligações para "Amigos", detalhes de jogos que possui, incluindo tempo de jogo, notas,[6] e ligações para grupos (comunidades) do qual o usuário é integrante.

A ferramenta de mensagens instantâneas do Steam, suporta conversas entre duas ou mais pessoas, com voz sobre IP ponto-a-ponto. Fornece informações aprofundadas a respeito de quais jogos cada contato está jogando, permitindo que o usuário se junte a eles em jogos multi-jogadores compatíveis.

História[editar | editar código-fonte]

O desenvolvimento do sistema Steam teve início em uma data não revelada, anterior a 2002. Antes de "Steam", recebeu os codinomes "Grid" e "Gazelle".[7] Foi anunciada ao público em 22 de março de 2002 na Game Developers Conference,[8] e foi apresentada apenas como uma rede de distribuição. Para demonstrar a facilidade de integração do Steam a um jogo, a Relic Entertainment criou uma versão especial de Impossible Creatures. O jogo, no entanto, não foi lançado no sistema.

O aplicativo cliente, em versão 1.0, foi disponibilizado para download em 2002 durante o período de beta-teste de Counter-Strike 1.6. À época, foi visto como um método para simplificar o processo de atualização e correção de defeito comuns em jogos online de computador. A instalação e uso do Steam era obrigatório para os testadores do jogo, mas o Steam era um componente opcional para os demais jogadores. Em 2004, a rede de autenticação World Opponent Network (WON) foi desativada e substituída pelo Steam.[9]

Na mesma época, a Valve começou a negociar contratos com diversas editoras e desenvolvedores independentes para lançarem seus jogos no Steam, em geral com um desconto de pré-compra de 10% do valor sugerido de venda. Dois exemplos recentes são Rag Doll Kung Fu e Darwinia, a editora canadense Strategy First anunciou em dezembro de 2005 uma parceria com a Valve para a distribuição eletrônica de títulos atuais e futuros.

Lançamento de Half-Life 2[editar | editar código-fonte]

Em 16 de novembro de 2004, Half-Life 2 foi lançado oficialmente. O jogo exigia sua ativação pelo Steam para ser jogado. Durante o dia do lançamento, um número significante de compradores (tanto pelo Steam quanto por lojas tradicionais) se viram incapacitados de jogar, em parte devido a lentidões no sistema Steam. Os servidores europeus de autenticação saíram do ar por cerca de cinco horas até serem consertados, impedindo usuários com contas neles armazenados de descriptografar o conteúdo e usufruir do jogo que haviam comprado.[10] Outros problemas incluíram baixas velocidades de transferência, falhas e atualizações desnecessárias.[11] [12] [13] As dificuldades e falhas apresentadas renderam ao lançamento o segundo lugar em uma lista dos "cinco lançamentos de jogos para computador mais atrapalhados" do site 1UP.com.[14]

Segurança[editar | editar código-fonte]

Após o lançamento de Half-Life 2, surgiram hacks que permitiam jogá-lo gratuitamente sem a autenticação no Steam.[13] A Valve respondeu a esses hacks atualizando os servidores e desabilitando contas de usuário. Ainda é possível efetuar o download e executar alguns jogos do Steam, alguns sem restrições para os modos de múltiplos jogadores e até para uso em servidores não-oficiais.[15]

Avaliação dos jogos[editar | editar código-fonte]

Para facilitar o processo de escolha dos jogos, a partir de março de 2006, a Valve publica na página dos jogos o metascore (uma média ponderada de críticas) feita pelo sítio Metacritic.[16] Na página dos jogos no Metacritic é possível ler as críticas escritas sobre eles.

Steamworks[editar | editar código-fonte]

Em 28 de janeiro de 2008 a Valve liberou o Steamworks, uma ferramenta gratuita de desenvolvimento e publicação que possibilitou o acesso de desenvolvedores a cada componente do Steam.[17] Especialmente, o Steamworks fornece meios de integrar os jogos com o cliente Steam, incluindo rede e ferramente de autenticação de jogadores para ambos servidor e jogos multiplayer peer-to-peer, mecanismos de criar partidas, suporte para amigos e grupos da comunidade Steam, estatísticas e proezas Steam, integração de comunicação de voz, e suporte para Steam Cloud; o API também fornece mecanismos anti-cheat e gerenciamento de cópias digitais.[17]

PlayStation 3[editar | editar código-fonte]

O lançamento de Portal 2 para PlayStation 3 foi também a estréia do sistema para esse console. Trazendo várias ferramentas como um mensageiro instantâneo com suporte multi-plataforma, Steam Cloud para salvar jogos e a possibilidade de jogadores de PS3 baixarem Portal 2 para Windows ou Mac, através do Steam, sem nenhum custo extra. Jogar entre as plataformas (Windows/Mac/PS3) também é possível..[18] A Valve admite que espera expandir sobre essa plataforma com mais funcionalidades do Steam em DLCs e futuros lançamentos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Coomer, Greg (12 de setembro de 2003). Steam Client Released, "Steam News" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  2. http://www.theverge.com/2013/10/30/5045830/steam-65-million-active-accounts-6-million-concurrent-users
  3. http://store.steampowered.com/stats/
  4. http://www.steampowered.com
  5. Valve Corporation (2007). A Comunidade Steam, "Steam" (em português). Acessado em 2008-dez-30.
  6. Valve Developer Community (2007). Steam rating, "Steam" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  7. Game Guru, (24 de maio de 2007). Steam Registers 13 million Active Accounts, "Game Guru" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  8. Walker, Trey (22 de março de 2002). GDC 2002: Valve unveils Steam, "GameSpot.com" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  9. Cliffe, Jess (15 de julho de 2004). WON Shutdown Timing, "Steam News" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  10. Harris, Wil (16 de novembro de 2004). Half Life authentication servers steam up, "The Inquirer" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  11. Chan, Clayton (8 de janeiro de 2005). Half Life 2 Review, "netjak" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  12. Trivedi, Dilip (17 de dezembro de 2004). Half Life 2 Review, "Sharky Extreme" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  13. a b Contractor UK Limited (18 de novembro de 2004). Half Life 2 fires up web users, "Contractor UK Limited" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  14. 1UP Staff (21 de março de 2008). Top 5 Botched PC Game Launches, "1UP.com" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  15. BBC (25 de novembro de 2004). Ban hits Half-Life 2 pirates hard, "BBC News Online" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  16. Valve Corporation (24 de março de 2006). Steam - Update, "Valve Corporation" (em inglês). Acessado em 2008-dez-30.
  17. a b Steamworks API Overview Steamworks partner site Valve Corporation (May 1, 2008). Visitado em August 1, 2008.
  18. Portal 2 PS3, Steam cross-platform play Eurogamer (January 18, 2011).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Steam (content delivery)