Salamina (Chipre)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Salamina, Chipre

Salamina foi uma cidade-estado grega na costa este da ilha do Chipre, na foz do rio Pedieos, 6 km a norte da moderna cidade de Famagusta.

Diversos terremotos levaram à destruição de Salamina no início do século IV d.C. e a cidade foi reconstruída, com o nome de Constantia, por Constâncio II (r. 337 - 361 d.C.) e se tornou uma sé episcopal, cujo mais famoso ocupante foi Epifânio de Salamina. O imperador ajudou os salaminianos não apenas a reconstruírem a sua cidade, mas também liberando-os de pagar impostos por um curto período para que a nova cidade, construída em menor escala, foi batizada em sua homenagem. Desta vez, o assoreamento porto acabou levando a um novo declínio.

A cidade foi finalmente abandonada durante as invasões árabes do século VII após as destruições provocadas por Muawiyah I. Os habitantes se mudaram todos para Arsinoë (Famagusta).

Mitologia[editar | editar código-fonte]

A cidade foi fundada por Teucro,[1] [2] filho de Telamon[1] [2] [3] [4] e Hesíone.[3] [4] Teucro foi banido por seu pai de sua terra natal, a ilha de Salamina,[1] [2] provavelmente porque não impediu a morte de seu meio-irmão Ájax na Guerra de Troia,[5] e, em Chipre, fundou uma cidade dando-lhe o nome da ilha.[2]

Referências

  1. a b c Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 8.15.7
  2. a b c d Díctis de Creta, Ephemeridos belli Troiani, Livro VI, 4
  3. a b Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, 3.12.7
  4. a b Higino, Fabulae, XCVII, Aqueles que atacaram Troia e o numero dos seus navios
  5. Díctis de Creta, Ephemeridos belli Troiani, Livro VI, 2
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.