Cidade Antiga (Jerusalém)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Cidade Antiga de Jerusalém e seus Muros *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Old City (Jerusalem).jpg
Map of Jerusalem - the old city - EN.png
Critérios C (ii) (iii) (vi)
Referência 148
Coordenadas 31º47'N 35º13'E
Histórico de inscrição
Inscrição 1981 (em perigo: 1982)  (? sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

A chamada Cidade Antiga ou Cidade Velha de Jerusalém é uma área amuralhada em forma rectangular com 0,9 km² na cidade moderna de Jerusalém. Na Cidade Velha encontram-se vários sítios de fundamental importância religiosa, como o Monte do Templo e Muro das Lamentações para os judeus, a Basílica do Santo Sepulcro para os cristãos e o Domo da Rocha e a Mesquita de al-Aqsa para os muçulmanos.

A Cidade Antiga e as suas muralhas foram nomeadas pela UNESCO Património Mundial da Humanidade em 1981, por indicação da Jordânia.[1] Devido à história conflitual da cidade e sua soberania indefinida, o país de localização do sítio não está especificado na lista da UNESCO.[2]

Bairros[editar | editar código-fonte]

A área é rodeada por uma muralha mandada construir em 1538 pelo sultão otomano Solimão, O Magnífico. Oito portas permitem o acesso à Cidade Antiga, dividida em quatro bairros: o Bairro Muçulmano, o Bairro Judeu, o Bairro Cristão, e o Bairro Arménio.

O bairro cristão ocupa a parte noroeste da Cidade Antiga e o seu monumento principal é a Basílica do Santo Sepulcro. Inclui a Porta Nova, partilhando a Porta de Jafa com o bairro arménio (que se encontra no sudoeste) e a Porta de Damasco com o bairro muçulmano. Nesta área passa também a Via Dolorosa, o caminho que se julga ter sido percorrido por Jesus com a cruz antes de ser crucificado no Calvário, um pequeno monte na zona nordeste da atual cidade fortificada.

O bairro muçulmano situa-se a nordeste e inclui a Porta de Herodes, a Porta dos Leões (ou Porta de Santo Estêvão) e a Porta Dourado. Nele se situa o Haram ash-Sherif (conhecido como "Monte do Templo" pelos judeus), um santuário no Monte Moriá, onde estão duas mesquitas: a Cúpula da Rocha (ou Mesquita de Omar) e Mesquita de Al-Aqsa.

O bairro judeu, a sudeste, inclui a Porta dos Detritos e a Porta de Sião, a sul da qual se situa o Monte Sião (Sion) e o túmulo do rei David.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Indicators na página da UNESCO sobre a Cidade Velha [1]
  2. Lista do Património Mundial da UNESCO [2]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cidade Antiga (Jerusalém)