Selenidera maculirostris

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAraçari-poca
Macho

Macho
Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante (IUCN 3.1)
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Subreino: Metazoa
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Infrafilo: Gnathostomata
Superclasse: Tetrapoda
Classe: Aves
Subclasse: Neognathae
Ordem: Piciformes
Família: Ramphastidae
Género: Selenidera
Espécie: S. maculirostris
Nome binomial
Selenidera maculirostris
(Lichtenstein, 1823)

Selenidera maculirostris, conhecido popularmente como araçari-poca, araçari-de-bico-pintalgado, araçari-tirador-de-leite ou saripoca-de-bico-riscado, é uma ave da ordem Piciformes, família Ramphastidae.

Caracterização[editar | editar código-fonte]

É uma ave de pequeno porte, medindo 33 cm de comprimento e pesando aproximadamente 170 gramas. Apresenta acentuado dimorfismo sexual. O macho possui cabeça, garganta e peito pretos, os quais são marrons na fêmea. O bico apresenta manchas bastante visíveis.

Vive na copa de florestas úmidas, em seu interior e nas bordas, basicamente na Mata Atlântica. Demonstra prefêrencia pelos estratos baixos e médios da vegetação. Registrado até 1000 metros de altitude.

Nativo da América do Sul, ocorre desde a Bahia, passando por Minas Gerais e descendo até o Rio Grande do Sul, região nordeste da Argentina (Misiones) e leste do Paraguai.

É uma ave que vocaliza ao alvorecer ou de madrugada. Costuma-se dizer que quando os araçaris estão batendo o bico e promovendo algazarra é sinal de que o tempo vai virar. Como os demais araçaris, vários indivíduos costumam dormir juntos em um mesmo buraco de árvore. Pode passar despercebido ao contrário dos outros araçaris. Costuma beber e tomar banho nas bromélias no alto das árvores que ficam cheias de água da chuva.

Alimenta-se de frutos (como os das figueiras, palmitos, goiabas, embaúba e coquinhos de palmeiras), brotos e insetos. Eventualmente come filhotes de outras aves.

Costuma fazer seu ninho sempre no oco das árvores ou de um toco, onde a fêmea deposita de 2 a 4 ovos. O período de incubação dura mais ou menos 16 dias e é realizado tanto pela fêmea quanto pelo macho.

Sua vocalização é seqüência de coaxos baixos, profundos e guturais, que poderiam ser confundidos com o canto de um sapo grande.

Existem duas subespécies dessa ave:

Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.