Tabira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde Setembro de 2011).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Município de Tabira
"Cidade das Tradições"
Praça Gonçalo Gomes e Igreja Nossa Senhora dos Remédios a noite

Praça Gonçalo Gomes e Igreja Nossa Senhora dos Remédios a noite
Bandeira de Tabira
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 27 de maio
Fundação 1949
Gentílico tabirense
Padroeiro(a) Nossa Senhora dos Remédios
Prefeito(a) Sebastião Dias Filho (PTB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Tabira
Localização de Tabira em Pernambuco
Tabira está localizado em: Brasil
Tabira
Localização de Tabira no Brasil
07° 35' 27" S 37° 32' 22" O07° 35' 27" S 37° 32' 22" O
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Sertão Pernambucano IBGE/2008[1]
Microrregião Pajeú IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes ao norte, com o estado da Paraíba e Santa Terezinha, ao sul, com Ingazeira e Iguaraci, a leste com Santa Terezinha e São José do Egito e, a oeste, com Solidão (Pernambuco) e Afogados da Ingazeira
Distância até a capital 405 km
Características geográficas
Área 393,6 km² [2]
População 27 778 hab. estatísticas IBGE/2014[3]
Densidade 70,57 hab./km²
Altitude 588 m
Clima Semiárido BSh
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,605 médio PNUD/2010[4]
PIB R$ 149 597 mil IBGE/2012[5]
PIB per capita R$ 5 585 31 IBGE/2012[5]
Página oficial

Tabira é um município brasileiro do estado de Pernambuco. Administrativamente, a cidade é formada, apenas, pelo distrito sede e pelos povoados de Brejinho, Borborema e Campos Novos.

História[editar | editar código-fonte]

Em 1865, Tabira era uma fazenda de propriedade do Sr. Gonçalo Gomes dos Santos, que por iniciativa própria, formou uma pequena feira, com o objetivo de atender os moradores da região. O sucesso alcançado foi tamanho que deu início a formação de uma povoação, recebendo inicialmente o nome de Madeira, depois Toco do Gonçalo, em virtude de haver no meio da feira um toco que servia ao talho da carne para venda ao público, posteriormente Espírito Santo ficando até 1939 quando passou a denominar-se Tabira, Em homenagem ao grande guerreiro indígena Tabira, que segundo a lenda, em um combate, foi atingido por uma flecha no olho, e retirando-a com bravura, continuou lutando até vencer seus inimigos.  O terreno do patrimônio de Nossa Senhora dos Remédios e da cidade, exatamente o centro da cidade, foi doado pelo Sr. Gonçalo Gomes, que em sua homenagem tem seu nome a praça principal. A capela do povoado foi inaugurada em missa solene, pelo padre Pedro Pereira de Souza, no dia 03/09/1883, e que posteriormente foi substituída pela atual igreja matriz, construída por filhos da terra. Em 27 de maio de 1949, tomou posse o primeiro prefeito eleito pelo voto popular, o Sr Pedro Pires Ferreira.

Gonçalo Gomes dos Santos doou ao patrimônio de Nossa Senhora dos Remédios partes de suas propriedades, justamente o que forma o perímetro urbano da atual cidade de Tabira.

Tabira foi desmembrada do município de Afogados da Ingazeira em 31 de dezembro de 1948. Porém só foi constituído município autônomo pela lei n. ° 508, de 27 de maio de 1949, data em que se comemora a sua emancipação política e que coincide com a instalação da primeira Constituição Municipal de Tabira.[6]

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município está localizado na Macrorregião do Sertão Pernambucano e na Microrregião do Pajeú, com uma área territorial de 393,6 km², limitando-se ao Norte com o estado da Paraíba e Santa Terezinha, ao Sul com Iguaraci, e Ingazeira, Leste com Santa Terezinha e São José do Egito, ao Oeste com Afogados da Ingazeira e Solidão. A sede municipal está a 588 m de altitude em relação ao nível do Mar, Tem sua posição geográfica determinada pelo paralelo de -7º 35 27.6 da latitude -37 32 20.4 de longitude.

O clima é semiárido quente, com temperaturas variando entre 20º C e 36ºC

Fonte: IBGE

Divisão distrital e povoados[editar | editar código-fonte]

  • Distrito-sede
  • Povoados: Borborema, Brejinho e Campos Novos

Bairros[editar | editar código-fonte]

  • Barreiros I e II
  • Centro
  • COHAB
  • Dercílio de Brito Galvão
  • Espírito Santo Velho
  • Florentino Leite (Trevo)
  • Granja
  • João Cordeiro
  • Jureminha
  • Juliana Pires (Caixa D’Água)
  • Missões
  • Morada Nova
  • Nossa Senhora de Fátima (Fátima I e II)
  • Viturino Gomes ( Feijão Puro )
  • Riacho do Gado
  • São Pedro[7]

Desporto[editar | editar código-fonte]

O esporte mais popular da cidade é o futebol. O Campeonato Tabirense de Futebol começou a ser disputado em 1982, com apenas 8 (oito) clubes que eram filiados à Liga Tabirense de Desporto (inativa desde 1989), e possui 16 edições realizadas. Atualmente é a forma de disputa se dá com 16 (dezesseis) clubes na 1ª Divisão e 12 (doze), na 2ª Divisão. Os principais times do município são o Sport Club Tabira, Coritiba da Borborema, Botafogo do Brejinho, América de Riacho do Gado, Estrela Verde, Sociedade Atlética da Borborema, o Bandeirante do Brejinho e o Santos do Bairro da Granja.

Outras competições: Copa dos Campeões de Tabira (apenas 2005 e 2006), Copa Damol de Futebol, Troféu Miron de Futsal (2007, 2008, 2009-2010),

Copa dos Bairros de Futebol e Jogos Escolares Municipais, sempre realizados nas festividades de Emancipação Política de Tabira.

Religião[editar | editar código-fonte]

A população de Tabira em sua maioria é católica. Porém há um crescimento constante e em grandes proporções de evangélicos da cidade.[carece de fontes?]

Transporte[editar | editar código-fonte]

A cidade dista 405 km da capital do estado, Recife. É servida por 5 linhas diárias de ônibus da empresa Progresso para a capital, 1 para Petrolina e 1 para Itapetim. Pela Nacional: 1 para Patos (PB) e 1 para Campina Grande (PB) e pela Itapemirim para São Paulo (SP) e Brasília (DF). Há uma linha que sai às quartas para Petrolina

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2014 Estimativa Populacional 2014 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (agosto de 2014). Visitado em 29 de agosto de 2014.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 01 de outubro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2012 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2014.
  6. Tabira Pernambuco –PE - Histórico IBGE. Visitado em 09/04/2013.
  7. http://www.tabiraspe.com.br/bairros

Ligações externas[editar | editar código-fonte]