Água Branca (Paraíba)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Água Branca
Centro da cidade

Centro da cidade
Bandeira de Água Branca
Brasão de Água Branca
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 24 de setembro
Fundação 1959
Gentílico água-branquense
Prefeito(a) Tarcisio Alves Firmino (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Água Branca
Localização de Água Branca na Paraíba
Água Branca está localizado em: Brasil
Água Branca
Localização de Água Branca no Brasil
07° 30' 43" S 37° 38' 27" O07° 30' 43" S 37° 38' 27" O
Unidade federativa  Paraíba
Mesorregião Sertão Paraibano IBGE/2008[1]
Microrregião Serra do Teixeira IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Juru, Olho d'Água, Imaculada, Solidão/PE e Tabira/PE[2]
Distância até a capital 309 km
Características geográficas
Área 220,648 km² [3]
População 9 990 hab. IBGE/2014[4]
Densidade 45,28 hab./km²
Altitude 735 m
Clima semiárido[2]
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,572 baixo PNUD/2010[5]
PIB R$ 38 284 mil IBGE/2010[6]
PIB per capita R$ 3 832,23 IBGE/2010[6]
Página oficial

Água Branca é um município brasileiro no estado da Paraíba, localizado na microrregião da Serra do Teixeira.

História[7] [editar | editar código-fonte]

Conta-se que em 1814 um índio domesticado da fazenda de Herculano José da Silva saiu para caçar em companhia do filho do fazendeiro. Perdeu - se na mata e para se orientar, subiu numa árvore e avistou uma faixa muito verde de terra. Caminhando para lá, encontrou uma cacimba que batizou de "Mutambá". Ao erguer o líquido com as mãos, afirmou ser água branca. Segundo a tradição originou - se assim o nome do município.

Seguindo o curso do riacho Bom Jesus, o índio, de volta à fazenda, relatou o fato despertando interesse. Várias pessoas mudaram-se para o local, onde fixaram residência, dando origem ao povoado. A primeira capela, hoje Igreja Matriz, foi construida em 1834. O distrito de Água Branca foi criado pela lei municipal nº 17, de 7 de janeiro de 1896, subordinado ao município de Piancó.

Durante a Revolução de 1930, o território de Água Branca serviu de palco para as lutas que se registraram entre as forças governamentais e os rebeldes, liderados por José Pereira Lima.

Pelo decreto-lei nº 1010, de 30 de março de 1938, o distrito de água Branca passou a pertencer ao município de Princesa. Neste mesmo ano, o município de Princesa passou a ser chamado Princesa Isabel. Em 31 de dezembro de 1943, o distrito de Água Branca passou a denominar-se Imoroti. Em de 19 de novembro de 1948, o distrito de Imoroti voltou a denominar-se Água Branca. Sua independência política deu-se em 24 de setembro de 1959.

Água Branca é conhecida por fazer a maior festa de São Pedro da Serra.

O atual prefeito da cidade chama-se Tarcisio Alves Firmino.

Geografia[2] [editar | editar código-fonte]

Clima[editar | editar código-fonte]

O município está incluído na área geográfica de abrangência do semiárido brasileiro, definida pelo Ministério da Integração Nacional em 2005.[8] Esta delimitação tem como critérios o índice pluviométrico, o índice de aridez e o risco de seca.

As temperaturas, elevadas durante o dia, são amenas à noite, com variando entre 23 e 30 graus. As chuvas são irregulares, com médias anuais de 719,6 mm/ano. A estação chuvosa é o inverno. Nas regiões de maior altitude, a pluviosidade é maior.

Relevo[editar | editar código-fonte]

Água Branca situa-se na unidade geoambiental da Depressão Sertaneja. Entretanto, o relevo do município apresenta-se acidentado e com elevadas altitudes, formado por um conjunto de serras alongadas e alinhadas ao longo da estrutura geológica.

Vegetação[editar | editar código-fonte]

A vegetação nativa é composta por caatinga xerófila.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O município está inserido nos domínios da bacia hidrográfica do Rio Piranhas e da sub-bacia Piancó. Tem como principais tributários o Rio Jenipapo e os riachos do Macaco, Marcelo, dos Canucos, do Exu, São Francisco, Bom Jesus, do Mel e da Glória. Os principais cursos d’ água no município têm regime intermitente.

Igreja Católica[editar | editar código-fonte]

A Igreja de Água Branca tem como padroeira Nossa Senhora da Conceição. O vigário atual é de nome Pe. Expedito. Água Branca está no ranking das cidades com maior porcentagem de católicos do mundo, com 97,55% da população católica, esse fenômeno aconteceu na gestão do reverendíssimo Pe. José Edson Alexandre Ferreira, hoje pároco de Aliança - PE.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. a b c Diagnóstico do município de Água Branca, Paraíba Projeto Águas Subterrâneas Ministério das Minas e Energia (2005). Visitado em 11 de novembro de 2009.
  3. IBGE (10 ago. 2014). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2014.
  4. Censo Populacional 2014 Censo Populacional 2014 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de agosto de 2014). Visitado em 11 de agosto de 2014.
  5. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 11 de agosto de 2018.
  6. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2006-2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  7. IBGE. Documentação Territorial do Brasil
  8. Ministério da Integração Nacional, 2005. Nova delimitação do semiárido brasileiro.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios da Paraíba é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

MIDIA. A cidade de Agua branca conta com uma rádio comunitária (agua branca FM 87.9) ainda recebendo tbm na cidade os sinais de outras rádios como rádio cidade FM e cultura FM de Tabira. E transertaneja FM de Afogados da ingazeira e da rádio Itatiunga FM de Patos. A cidade tem o sinal de duas operadoras de telefonia a Tim e claro. A população agua branquense ainda acompanha as principais noticias do estado através das tvs Paraíba (Globo), TV correio (Record), TV Tambaú (SBT) e da Band e canais católicos.