Amidá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Amidá é a oração central da liturgia judaica. A palavra significa "estar de pé", visto que se diz a oração de pé, olhando na direção de Jerusalém. Também é comumente chamada de Shmonê Esrei (dezoito, em hebraico), por conter inicialmente dezoito orações. Mais tarde, os rabinos decretaram a inclusão de uma décima nona oração para que os cristãos primitivos infiltrados nas sinagogas não pudessem recita-la já que a décima nona oração é contrária a seu credo, mas o nome acabou permanecendo como dezoito.

Ícone de esboço Este artigo sobre judaísmo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.